CCTS

CCTS

Centro de Ciências, Tecnologia e Saúde

Centro de Ciências Tecnologia e Saúde celebra oito anos de fundação com realização de Feira Científica

22 de novembro de 2018
Clique para exibir o slide.

Esta quarta-feira (21) foi de celebração pelas comemorações dos oito anos de fundação do Centro de Ciências Tecnologia e Saúde (CCTS) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Araruna. Durante todo o dia, o Câmpus VIII foi espaço para atividades científicas, de pesquisa e extensão, bem como prestação de serviços sociais, cultura, artes e gastronomia. O marco de mais um aniversário do CCTS foi a realização da 3ª Feira Científica e Cultural que reuniu estudantes, professores, servidores e a comunidade para um dia inteiro de muita festa.

De acordo com o diretor do CCTS, professor Manuel Antonio Gordón Núñez, mais de 200 alunos participaram das atividades acadêmicas, que envolveram apresentações de trabalhos desenvolvidos nos laboratórios dos cursos oferecidos pelo Centro, além dos serviços de vacinação e de beleza que estiveram à disposição da população de Araruna. Ao todo, mais de 500 pessoas foram atendidas nas salas de aula do Câmpus, que serviram como espaço para cortes de cabelo, maquiagem, higiene pessoal, entre outros.

“Esse é um momento de gratidão por ser mais um ano de existência que o CCTS completa. São oito anos de batalhas, mas que vencemos e, por isso, estamos comemorando. Apesar das dificuldades de logística, financeira e outras, estamos celebrando por ter a participação fundamental dos alunos, professores e servidores. Tudo isso foi feito com muito amor e esforço. Todos somos parte da UEPB e é por ela que temos que cobrar serviços melhores e respeito pela Instituição”, destacou o diretor.

Após as atividades acadêmicas, sociais e culturais que foram vivenciadas das 8h às 16h, uma mesa solenidade foi formada às 18h, no Auditório do Câmpus, como forma de encerramento da 3ª Feira Científica e Cultural do CCTS. O reitor da UEPB, professor Rangel Junior, participou deste momento e fez uma retrospectiva sobre alguns momentos de dificuldades que o Câmpus enfrentou, destacando as superações e conquistas que foram alcançadas neste período.

“Em relação ao Câmpus VIII, tenho um misto de sofrimento e alegria. Enfrentamos um grande problema logo no início do meu reitorado, quando tivemos que resolver a falta de condições que a Clínica de Odontologia tinha. Havia uma obra iniciada, mas a urgência dos alunos em terem que assistir as aulas fez com que durante muito tempo eles viajassem para Campina Grande todos os dias, para terem a formação acadêmica necessária. Hoje, posso dizer que a melhor estrutura da UEPB está no Câmpus de Araruna. Tivemos problemas sim, mas conseguimos solucioná-los, trabalhando juntos, colaborando e acreditando que sempre podemos fazer mais e melhor se nos mantivermos unidos”, disse Rangel.

Também durante a solenidade, a professora Alessandra Brandão relembrou a fundação do CCTS e destacou a importância que o Câmpus tem não apenas para o município de Araruna, mas para toda a região que o Centro passou a polarizar. “Quando entrou o mês de setembro de 2010 a boa nova entrou no Câmpus. Como testemunha dessa implantação, construímos a proposta pedagógica e vivemos uma experiência de interiorização muito importante da UEPB. Lembro que muitos foram importantes nesse processo, a ex-reitora Marlene Alves, o ex-vice-reitor Aldo Maciel e muitos professores que aceitaram o desafio que era dar vida a um Câmpus Universitário”, afirmou professora Alessandra.

Também participaram da solenidade de encerramento da 3ª Feira Científica e Cultural do Câmpus VIII, o diretor adjunto do CCTS, professor Leidimar Bezerra; o pró-reitor adjunto de Graduação da UEPB, professor Altamir Souto Dias; e o chefe de gabinete da Prefeitura de Araruna, Íkaro Moraes. O ato de encerramento da Feira também contou com a banda de pífanos Pimenta Malagueta, da cidade de Dona Inês, que realizou uma apresentação cultural ao final da mesa.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Centro de Ciências Tecnologia e Saúde celebra oito anos de fundação com realização de Feira Científica apareceu primeiro em UEPB.

Clique para exibir o slide.

Esta quarta-feira (21) foi de celebração pelas comemorações dos oito anos de fundação do Centro de Ciências Tecnologia e Saúde (CCTS) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Araruna. Durante todo o dia, o Câmpus VIII foi espaço para atividades científicas, de pesquisa e extensão, bem como prestação de serviços sociais, cultura, artes e gastronomia. O marco de mais um aniversário do CCTS foi a realização da 3ª Feira Científica e Cultural que reuniu estudantes, professores, servidores e a comunidade para um dia inteiro de muita festa.

De acordo com o diretor do CCTS, professor Manuel Antonio Gordón Núñez, mais de 200 alunos participaram das atividades acadêmicas, que envolveram apresentações de trabalhos desenvolvidos nos laboratórios dos cursos oferecidos pelo Centro, além dos serviços de vacinação e de beleza que estiveram à disposição da população de Araruna. Ao todo, mais de 500 pessoas foram atendidas nas salas de aula do Câmpus, que serviram como espaço para cortes de cabelo, maquiagem, higiene pessoal, entre outros.

“Esse é um momento de gratidão por ser mais um ano de existência que o CCTS completa. São oito anos de batalhas, mas que vencemos e, por isso, estamos comemorando. Apesar das dificuldades de logística, financeira e outras, estamos celebrando por ter a participação fundamental dos alunos, professores e servidores. Tudo isso foi feito com muito amor e esforço. Todos somos parte da UEPB e é por ela que temos que cobrar serviços melhores e respeito pela Instituição”, destacou o diretor.

Após as atividades acadêmicas, sociais e culturais que foram vivenciadas das 8h às 16h, uma mesa solenidade foi formada às 18h, no Auditório do Câmpus, como forma de encerramento da 3ª Feira Científica e Cultural do CCTS. O reitor da UEPB, professor Rangel Junior, participou deste momento e fez uma retrospectiva sobre alguns momentos de dificuldades que o Câmpus enfrentou, destacando as superações e conquistas que foram alcançadas neste período.

“Em relação ao Câmpus VIII, tenho um misto de sofrimento e alegria. Enfrentamos um grande problema logo no início do meu reitorado, quando tivemos que resolver a falta de condições que a Clínica de Odontologia tinha. Havia uma obra iniciada, mas a urgência dos alunos em terem que assistir as aulas fez com que durante muito tempo eles viajassem para Campina Grande todos os dias, para terem a formação acadêmica necessária. Hoje, posso dizer que a melhor estrutura da UEPB está no Câmpus de Araruna. Tivemos problemas sim, mas conseguimos solucioná-los, trabalhando juntos, colaborando e acreditando que sempre podemos fazer mais e melhor se nos mantivermos unidos”, disse Rangel.

Também durante a solenidade, a professora Alessandra Brandão relembrou a fundação do CCTS e destacou a importância que o Câmpus tem não apenas para o município de Araruna, mas para toda a região que o Centro passou a polarizar. “Quando entrou o mês de setembro de 2010 a boa nova entrou no Câmpus. Como testemunha dessa implantação, construímos a proposta pedagógica e vivemos uma experiência de interiorização muito importante da UEPB. Lembro que muitos foram importantes nesse processo, a ex-reitora Marlene Alves, o ex-vice-reitor Aldo Maciel e muitos professores que aceitaram o desafio que era dar vida a um Câmpus Universitário”, afirmou professora Alessandra.

Também participaram da solenidade de encerramento da 3ª Feira Científica e Cultural do Câmpus VIII, o diretor adjunto do CCTS, professor Leidimar Bezerra; o pró-reitor adjunto de Graduação da UEPB, professor Altamir Souto Dias; e o chefe de gabinete da Prefeitura de Araruna, Íkaro Moraes. O ato de encerramento da Feira também contou com a banda de pífanos Pimenta Malagueta, da cidade de Dona Inês, que realizou uma apresentação cultural ao final da mesa.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Centro de Ciências Tecnologia e Saúde celebra oito anos de fundação com realização de Feira Científica apareceu primeiro em UEPB.