CH

CH

Centro de Humanidades

CH promove atividade integrativa sobre Jackson do Pandeiro para estudantes do Câmpus de Guarabira

15 de agosto de 2019

As aulas para os estudantes do Centro de Humanidade (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) já começaram desde o último dia 6 de agosto. Contudo, a direção de Centro, os Centros Acadêmicos dos cursos de Letras, Geografia, Pedagogia, História e Direito, além do Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro-brasileiras e Indígenas (NEABÍ) e a Biblioteca do Câmpus III promovem, na próxima quarta-feira (21), uma atividade integrativa que tem como objetivo reunir estudantes para discutir questões sobre Educação e valorizar a cultura paraibana, tendo como foco as festividades do centenário de nascimento do músico Jackson do Pandeiro.

A ação pedagógica marca o início das atividades do semestre letivo 2019/2 e começará às 8h, com o resultado da oficina “Jackson do Pandeiro em nossas portas”. Às 9h será promovida uma palestra com o tema central sendo o programa do governo federal, “Future-se”, ministrada pelo professor Nelson Júnior. À tarde será aberta a exposição “Jackson com Atitude”, no hall do Auditório do CH. Às 13h30 será realizada a apresentação da cartilha “Vamos falar sobre plágio acadêmico?”, uma produção da professora Andrea Morais Costa Buhler.

Posteriormente, serão ministradas duas palestras. A primeira, “Jackson do Pandeiro, uma História Cantada”, pelo professor Jocelino Tomaz, e a segunda, “O hibridismo cultural na obra de Jackson do Pandeiro entre 1953 e 1967”, pela professora Manuela Fonseca Ramos. As atividades seguem com a realização do Sarau Cordel da Melhor Idade, que faz parte das atividades do projeto “Ações CoInfo”, organizado pela Biblioteca do Centro de Humanidades.

Essa atividade acontecerá no Mini Auditório do CH e será mediada pelo bibliotecário, historiador e cordelista Andrelino da Silva, popularmente conhecido como Lino Sapo, tendo como público-alvo o Grupo de Idosos do CRAS da cidade de Lagoa de Dentro e que contará com declamação de cordéis, sendo premiados os três melhores.

Durante a noite, a programação conta com o lançamento do livro “Estudos étnico-raciais na educação básica”, da primeira turma da Especialização em Educação étnico-raciais na Educação Infantil. Ainda serão lançados mais duas obras: uma do escritor Lucas Medeiros e outra do professor Jocelino Tomaz, no Auditório do CH.

Também serão ministradas as palestras “Jackson do Pandeiro, uma história cantada”, com os professores Jocelino Tomaz e Arlete Moysés; e “Os problemas urbanos na atualidade”, com a geógrafa e professora Arlete Moysés, da Unicamp. As inscrições serão realizadas no local do evento, com a entrega de um item alimentício, podendo ser um quilo de alimento não perecível, latas de leite ou similares, além de itens de higiene pessoal.

Texto: Givaldo Cavalcanti