Centros

Centros

Centros da Universidade Estadual da Paraíba

Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro-brasileiras e Indígenas do CH realiza evento em alusão ao Dia de África
17 de maio de 2019

O Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro-brasileiras e Indígenas (NEABÍ) do Centro de Humanidade (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realiza, no dia 20 de maio, no Auditório do Centro, duas mesas redondas, além de apresentações artísticas em alusão do Dia da África. A iniciativa é para celebrar o dia 25 de maio em Leia Mais...

O post...

Ciclo de Palestras “Da Universidade para a vida” realiza nova atividade com participação do historiador Breno Davi
17 de maio de 2019

A Biblioteca Severino Perillo de Oliveira, localizada no Centro de Ciências, Tecnologia e Saúde (CCTS) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Câmpus VIII, em Araruna, realiza na próxima terça-feira (21), às 15h, no Auditório do Centro, mais uma atividade do Ciclo de Palestras “Da Universidade para a vida”. Desta vez, o evento contará com a Leia Mais...

O post...

Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge
16 de maio de 2019

Um trabalho desenvolvido por uma graduada e pós-graduada da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) venceu o concurso cultural “Move ELT Forward Beyond the Classroom”, promovido pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido. A professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade participou do concurso com o projeto “Produção de HQ nas aulas de Língua Inglesa”, desenvolvido Leia Mais...

O post...

Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física lança edital com três vagas para credenciamento docente
16 de maio de 2019

A Coordenação do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – Polo Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) lançou edital para credenciamento docente, com oferta de três vagas. Para concorrer ao credenciamento, o professor deve ter título de doutor reconhecido ou revalidado em nível nacional; pertencer a carreira do magistério da UEPB ou de outras IES Leia Mais...

O post...

Projeto de extensão promove ensaio fotográfico com mães e filhos que frequentam Clínica de Odontologia
14 de maio de 2019

O acolhimento e o bem-estar são essenciais para as atividades desenvolvidas pelos serviços de Saúde, pois repercutem na humanização e qualidade do atendimento. Na Odontologia, ao acolher o paciente, os profissionais da área favorecem a criação de vínculo entre este e a equipe odontológica, gerando relações humanizadas entre quem cuida e quem é cuidado, assegurando Leia Mais...

O post...

Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas
13 de maio de 2019

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus de Guarabira, através do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” e com apoio do Departamento de Educação, promove na próxima sexta-feira (17) a primeira atividade do ciclo de estudos e debates sobre história e memórias Leia Mais...

O post...

Núcleo de Prática Jurídica do Centro de Humanidades obtém primeira absolvição de réu em tribunal de júri
9 de maio de 2019

Em funcionamento no Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Guarabira, o Núcleo de Prática Jurídica do Câmpus III da Instituição obteve sua primeira vitória nos tribunais. Um homem acusado injustamente de ter cometido um assassinato, no Brejo paraibano, foi absolvido pela Justiça graças a atuação Núcleo, que provou a sua Leia Mais...

O post...

Importância da radiação e da medicina de energia para a humanidade é debatida na 3ª Jornada de Biofísica
8 de maio de 2019

A cura para muitas doenças que surgem no corpo humano está dentro de cada um. As doenças são consequências de escolhas, decisões e falta de prevenção do ser humano, que atraem as energias emitidas pelos seres vivos e os elementos da natureza. Somente o amor e o perdão canalizam energias positivas e garantem a cura. Leia Mais...

O post...

Centro de Humanidades promove simpósio com debate sobre políticas públicas educacionais e meio ambiente
7 de maio de 2019

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Pedagogia, promove durante os dias 8 e 9 de maio o 1º Simpósio Anima (Animais, Meio Ambiente e Alimentação Saudável) com o propósito de ampliar o debate sobre políticas públicas educacionais e meio ambiente. As inscrições estão abertas e podem Leia Mais...

O post...

Universidade Estadual da Paraíba integra atividades do Mutirão do Autismo em Campina Grande
3 de maio de 2019

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Educação Física (DEF), participar[a do Mutirão do Autismo, em Campina Grande. A atividade que tem como tema “Autismo – Novos Olhares, Novos Fazeres”, será realizado no próximo domingo (5) e tem como objetivo proporcionar conhecimento sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA) através de profissionais Leia Mais...

O post...

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão

Array ( [post_title] => Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão [post_content] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Núcleo de Reciclagem e Beneficiamento no Complexo Serrotão em Campina Grande”, coordenado pelo professor Edivan Nunes, já realizou cinco visitas ao presídio, que resultaram na criação de uma horta comunitária.

Na última visita, realizada no último sábado (6), os alunos do projeto criaram uma minicomposteira utilizando resíduos vegetais, além de fornecerem orientações sobre plantio, propagação e uso de ervas medicinais aos apenados da unidade prisional. Para criar a composteira, o Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) disponibilizou materiais para o pessoal da horta do Serrotão, como rolo de arame farpado, rastelo, bandejas de polietileno com células para produção de mudas, três quilos de arame galvanizado, mudas de maracujá e de diversas plantas medicinais.

Professor Edivan explica que a horta já existia no Presídio, mas não estava dentro dos padrões técnicos adequados. Com o trabalho dos extensionistas, a horta foi adequada para pleno funcionamento. Integram o projeto dez alunos extensionistas, sendo seis do curso de Ciências Agrárias (Câmpus de Catolé do Rocha), dois de Agroecologia (Câmpus de Lagoa Seca) e dois do curso de Jornalismo (Câmpus de Campina Grande).

O projeto é financiado pelo Governo Federal, através do Ministério da Educação e Cultura (MEC), e recebe recursos da ordem R$ 98 mil. O pró-reitor de Extensão, professor José Pereira, ressalta que a Universidade, através de ações extensionistas, traz como um dos propósitos desenvolver estratégias que englobam a questão da qualidade de vida, capacitação e geração de renda, visando a ressocialização das pessoas privadas de liberdade.

A iniciativa tem como objetivo implementar o plano de gerenciamento de Resíduos Sólidos, através da educação ambiental, atendendo a proposta de inclusão social e de geração de renda, bem como promover atos de educação ambiental, articulando ações com os reeducandos.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Leia Mais...

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_date] => 2019-04-08 11:15:29 [post_modified_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_modified] => 2019-04-08 11:15:29 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47718 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8dc7c82377477b5949141fd2f0544a0f [1] => 62c425da552fb226c110481967673d48 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 8 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão

Array ( [post_title] => Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão [post_content] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Núcleo de Reciclagem e Beneficiamento no Complexo Serrotão em Campina Grande”, coordenado pelo professor Edivan Nunes, já realizou cinco visitas ao presídio, que resultaram na criação de uma horta comunitária.

Na última visita, realizada no último sábado (6), os alunos do projeto criaram uma minicomposteira utilizando resíduos vegetais, além de fornecerem orientações sobre plantio, propagação e uso de ervas medicinais aos apenados da unidade prisional. Para criar a composteira, o Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) disponibilizou materiais para o pessoal da horta do Serrotão, como rolo de arame farpado, rastelo, bandejas de polietileno com células para produção de mudas, três quilos de arame galvanizado, mudas de maracujá e de diversas plantas medicinais.

Professor Edivan explica que a horta já existia no Presídio, mas não estava dentro dos padrões técnicos adequados. Com o trabalho dos extensionistas, a horta foi adequada para pleno funcionamento. Integram o projeto dez alunos extensionistas, sendo seis do curso de Ciências Agrárias (Câmpus de Catolé do Rocha), dois de Agroecologia (Câmpus de Lagoa Seca) e dois do curso de Jornalismo (Câmpus de Campina Grande).

O projeto é financiado pelo Governo Federal, através do Ministério da Educação e Cultura (MEC), e recebe recursos da ordem R$ 98 mil. O pró-reitor de Extensão, professor José Pereira, ressalta que a Universidade, através de ações extensionistas, traz como um dos propósitos desenvolver estratégias que englobam a questão da qualidade de vida, capacitação e geração de renda, visando a ressocialização das pessoas privadas de liberdade.

A iniciativa tem como objetivo implementar o plano de gerenciamento de Resíduos Sólidos, através da educação ambiental, atendendo a proposta de inclusão social e de geração de renda, bem como promover atos de educação ambiental, articulando ações com os reeducandos.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Leia Mais...

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_date] => 2019-04-08 11:15:29 [post_modified_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_modified] => 2019-04-08 11:15:29 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47718 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8dc7c82377477b5949141fd2f0544a0f [1] => 62c425da552fb226c110481967673d48 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 8 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola [post_content] =>

O Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus II, em Lagoa Seca, foi beneficiado, recentemente, com a instalação do Setor de Mecanização Agrícola. A unidade está localizada em uma área de 200 metros quadrados destinada a abrigar máquinas e equipamentos utilizados no dia a dia do Câmpus, como trator, distribuidor de calcário, de esterco, grades aradoras e niveladoras, subsoladores e carroção.

A obra, executada pela Pró-Reitoria de Infraestrutura (PROINFRA), foi entregue à comunidade acadêmica graças ao esforço da direção do CCAA, com apoio da Administração Central da Instituição. Os equipamentos também são utilizados em aulas práticas nos cursos de Agroecologia e Técnico em Agropecuária, na disciplina de Mecanização Agrícola, além de servir como garagem para a frota do Câmpus II. O diretor do CCAA, professor José Félix, e o diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC), pontuaram que o equipamento é de grande importância para a vida acadêmica do Câmpus como um todo.

Texto: Severino Lopes
Fotos: José Félix

O post Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus II, em Lagoa Seca, foi beneficiado, recentemente, com a instalação do Setor de Mecanização Agrícola. A unidade está localizada em uma área de 200 metros quadrados destinada a abrigar máquinas e equipamentos utilizados no dia a dia do Leia Mais...

O post Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-19 18:13:19 [post_date] => 2019-02-19 15:13:19 [post_modified_gmt] => 2019-02-19 18:13:19 [post_modified] => 2019-02-19 15:13:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46517 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a4aa0a4d1eb44c4b1a1903804b524957 [1] => fb39c59c79d4ceb7e5955f2d9560f7b4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola [post_content] =>

O Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus II, em Lagoa Seca, foi beneficiado, recentemente, com a instalação do Setor de Mecanização Agrícola. A unidade está localizada em uma área de 200 metros quadrados destinada a abrigar máquinas e equipamentos utilizados no dia a dia do Câmpus, como trator, distribuidor de calcário, de esterco, grades aradoras e niveladoras, subsoladores e carroção.

A obra, executada pela Pró-Reitoria de Infraestrutura (PROINFRA), foi entregue à comunidade acadêmica graças ao esforço da direção do CCAA, com apoio da Administração Central da Instituição. Os equipamentos também são utilizados em aulas práticas nos cursos de Agroecologia e Técnico em Agropecuária, na disciplina de Mecanização Agrícola, além de servir como garagem para a frota do Câmpus II. O diretor do CCAA, professor José Félix, e o diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC), pontuaram que o equipamento é de grande importância para a vida acadêmica do Câmpus como um todo.

Texto: Severino Lopes
Fotos: José Félix

O post Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus II, em Lagoa Seca, foi beneficiado, recentemente, com a instalação do Setor de Mecanização Agrícola. A unidade está localizada em uma área de 200 metros quadrados destinada a abrigar máquinas e equipamentos utilizados no dia a dia do Leia Mais...

O post Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual ganha setor de mecanização agrícola apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-19 18:13:19 [post_date] => 2019-02-19 15:13:19 [post_modified_gmt] => 2019-02-19 18:13:19 [post_modified] => 2019-02-19 15:13:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46517 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a4aa0a4d1eb44c4b1a1903804b524957 [1] => fb39c59c79d4ceb7e5955f2d9560f7b4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-agrarias-e-ambientais-da-universidade-estadual-ganha-setor-de-mecanizacao-agricola )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria

Array ( [post_title] => Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria [post_content] =>

A Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) inscreve, até o dia 18 de fevereiro de 2019, para os cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, com oferta de 200 vagas, sendo 120 para Agropecuária e 80 para Agroindústria, com 30% das vagas destinadas a filhos de agricultores. Os cursos, de caráter profissionalizante, possuem duração de dois anos, sendo o curso de Agropecuária com 1.700 horas/aula e o de Agroindústria com 1.400 horas/aula.

Ao término do curso o aluno deve apresentar um relatório de estágio supervisionado de 200 horas, podendo o estágio ser realizado na própria Escola ou em empresas conveniadas. Os cursos contam com professores capacitados com mestrado e doutorado, além de boa estrutura de laboratórios e setores de produção agropecuária e agroindustrial.

Os cursos são destinados aos alunos que tenham concluído ou estejam cursando o Ensino Médio. Para se inscrever, o aluno deve apresentar uma declaração de que é concluinte ou concluiu o Ensino Médio, além dos documentos pessoais (cópias do RG, CPF, comprovante de residência) e uma foto 3×4 recente. As inscrições estão sendo feitas na secretaria da Escola Agrícola, no Campus II da UEPB, em Lagoa Seca. As aulas terão início no mês de fevereiro de 2019.

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3366-1244.

O post Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) inscreve, até o dia 18 de fevereiro de 2019, para os cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, com oferta de 200 vagas, sendo 120 para Agropecuária e 80 para Agroindústria, com 30% das vagas destinadas a filhos de agricultores. Os cursos, de caráter Leia Mais...

O post Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-01-05 11:39:32 [post_date] => 2019-01-05 08:39:32 [post_modified_gmt] => 2019-01-05 11:39:32 [post_modified] => 2019-01-05 08:39:32 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44773 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => fafd4945b6358e1a24c0f35853d4255d [1] => 405bb4559be45cfd5bd17a3af23c32b6 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 7 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria

Array ( [post_title] => Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria [post_content] =>

A Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) inscreve, até o dia 18 de fevereiro de 2019, para os cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, com oferta de 200 vagas, sendo 120 para Agropecuária e 80 para Agroindústria, com 30% das vagas destinadas a filhos de agricultores. Os cursos, de caráter profissionalizante, possuem duração de dois anos, sendo o curso de Agropecuária com 1.700 horas/aula e o de Agroindústria com 1.400 horas/aula.

Ao término do curso o aluno deve apresentar um relatório de estágio supervisionado de 200 horas, podendo o estágio ser realizado na própria Escola ou em empresas conveniadas. Os cursos contam com professores capacitados com mestrado e doutorado, além de boa estrutura de laboratórios e setores de produção agropecuária e agroindustrial.

Os cursos são destinados aos alunos que tenham concluído ou estejam cursando o Ensino Médio. Para se inscrever, o aluno deve apresentar uma declaração de que é concluinte ou concluiu o Ensino Médio, além dos documentos pessoais (cópias do RG, CPF, comprovante de residência) e uma foto 3×4 recente. As inscrições estão sendo feitas na secretaria da Escola Agrícola, no Campus II da UEPB, em Lagoa Seca. As aulas terão início no mês de fevereiro de 2019.

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3366-1244.

O post Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) inscreve, até o dia 18 de fevereiro de 2019, para os cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, com oferta de 200 vagas, sendo 120 para Agropecuária e 80 para Agroindústria, com 30% das vagas destinadas a filhos de agricultores. Os cursos, de caráter Leia Mais...

O post Escola Agrícola Assis Chateaubriand da UEPB oferta vagas para cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-01-05 11:39:32 [post_date] => 2019-01-05 08:39:32 [post_modified_gmt] => 2019-01-05 11:39:32 [post_modified] => 2019-01-05 08:39:32 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44773 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => fafd4945b6358e1a24c0f35853d4255d [1] => 405bb4559be45cfd5bd17a3af23c32b6 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 7 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => escola-agricola-assis-chateaubriand-da-uepb-oferta-vagas-para-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB

Array ( [post_title] => Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) colaram grau acadêmico, nesta sexta-feira (21), e estão aptos para ingresso no mercado de trabalho.

A Assembleia Solene de Colação de Grau do período letivo 2018.1 dos câmpus I e II aconteceu na casa de shows Spazzio, em Campina Grande, e contou com a participação dos concluintes dos cursos do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CEDUC) e do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA). Também colaram grau os formandos do curso de Administração Pública na modalidade de Educação a Distância.

Presidida pelo reitor Rangel Junior, a cerimônia fechou o calendário de colações de grau da UEPB do período 2018.1 e reuniu professores e pró-reitores da Instituição, diretores de Centros, familiares, amigos dos formandos, além da secretária de Educação de Campina Grande, professora Iolanda Barbosa, que representou o prefeito Romero Rodrigues no evento.

O primeiro ato da solenidade foi a entrada da congregação de professores de todos os Centros que integram os câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca, seguido da execução do Hino Nacional. Um dos momentos empolgantes da solenidade foi a entrada do Paraninfo Geral das turmas concluintes, o dramaturgo, escritor e poeta Bráulio Tavares, conduzido pela Comissão de Honra formada por alunos dos cursos de Ciências Biológicas, Química Industrial, Filosofia, Direito, Serviço Social e Agroecologia.

Antes de colar o grau acadêmico os futuros profissionais prestaram o juramento e se comprometeram em honrar os princípios da UEPB, lutar para aperfeiçoar a ciência e a técnica e transformar os conhecimentos adquiridos para trabalhar em prol de uma sociedade melhor, mais justa e solidária. Com braço erguido, voz forte e emoção, a formanda Ayane Ribeiro de Oliveira Duarte, do curso de Psicologia, fez o juramento em nome dos concluintes e, todos, com braços estendidos, repetiram as palavras da juramentista.

O Orador Oficial foi o formando Sandro Roberto de Araújo, do curso de Odontologia. Ele discorreu sobre os principais momentos dos concluintes, desde a chegada da Universidade até a conclusão do curso. Sandro falou das amizades construídas ao longo dos cursos, dos desafios, dos sonhos e das vitórias, destacando que o momento era marcante e ficará eternizado na memória de todos os formandos. Ele lembrou que a trajetória, desde o primeiro dia de aula, foi árdua e exigiu renúncia, esforço e persistência na busca do sonho. No final, o Orador agradeceu a Deus, aos pais e aos professores da UEPB e garantiu que os novos profissionais vão usar todo o potencial em benefício da sociedade.

Aguardado com muita expectativa, o Paraninfo Geral fez um discurso emocionante, em que mesclou poesia, arte, literatura e conselhos. Bráulio começou o seu discurso saudando os professores, a quem tratou de detentores do conhecimento, do saber e de uma das mais sublimes e nobres profissões do Brasil. Ao longo de seu discurso, ele enfatizou a necessidade dos formandos não pararem de buscar novos conhecimentos, mas continuarem firmes na estrada do estudo.

O poeta e escritor disse que nunca deixou de estudar e que o saber, as artes, a literatura e a ciência são indispensáveis para mudar o mundo, tornando-o melhor. Ele citou o paraibano Ariano Suassuna, sempre enfatizando a importância da busca pelo saber. Ressaltou que, mesmo formados, os novos profissionais não estão totalmente prontos para a vida, cujo aprendizado é permanecente. “Vocês chegaram aqui com mérito e esforço. Nunca deixem de estudar, pois a vida é um aprendizado constante”, disse.

A solenidade prosseguiu com o discurso do pró-reitor de Graduação, professor Eli Brandão. Usando poesias, citações e muitos conselhos, Eli falou de sonhos, de esperança, de indignação e coragem. O professor enfatizou que os sonhos dos concluintes é o mesmo da UEPB, que está profundamente enraizada e comprometida com o Estado da Paraíba. “Para vocês terem uma ideia, 93% dos estudantes dessa Universidade procedem de cidades da Paraíba e 99% são de cidades do Nordeste, enquanto 6% são de outras cidades vizinhas à Paraíba”, destacou.

O pró-reitor ressaltou que o contexto atual é preocupante e o futuro ainda é uma incógnita, mas os novos profissionais não devem perder a esperança e devem persistir na luta por dias melhores e por uma sociedade justa e fraterna. Ele conclamou os concluintes a defenderem a universidade pública e gratuita para que o sonhe realizado por mais de 1.300 formandos neste período letivo se concretize com outros estudantes no futuro. Ele observou ainda que a UEPB estava devolvendo à sociedade profissionais aptos para enfrentar o mercado de trabalho.

Antes do encerramento da solenidade, o reitor Rangel Junior transmitiu sua mensagem aos graduandos e parabenizou a todos pela conquista. O reitor enfatizou que o sonho realizado pelos concluintes é fruto do esforço e da luta dos pais de todos. “Esse momento é muito importante para vocês e para nós. Esse dia de hoje é importante para vocês, que estão concluindo o curso de Graduação, que tiveram coragem e muita persistência. Sem dúvida alguma, todo mundo aqui tem uma pequena dosagem de heroísmo. Mas não esqueçam que por trás da história de vocês tinha gente fazendo heroísmo todos os dias, que foram os pais e as mães de vocês. A eles, vocês devem toda reverência”, destacou.

Ao final da solenidade foi feita a conferência de grau acadêmico aos formandos. O formando Alécio Marlon Pereira Diniz, do curso de Odontologia, recebeu o grau conferido pela professora Alessandra Teixeira, representando os colegas do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. O concluinte Paulo Sérgio Cavalcante Bezerra Leite, do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental, recebeu o grau em nome dos formandos do Centro de Ciência e Tecnologia, conferido pela professora Maria Isabelle Dias.

Os concluintes do Centro de Educação foram representados pela formanda Amanda Tayse de Sena Silva Santos, do curso de Pedagogia, que recebeu o grau conferido pelo professor Francisco de Assis Batista. Os concluintes do Centro de Ciências Jurídicas foram representados pela formanda Andréia Luisa dos Santos Lima, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Laplace Guedes Alcoforado Leite de Carvalho.

Em nome dos formandos do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, a formanda Isabely Silva Garcia, do curso de Comunicação Social, recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Geraldo Medeiros. Os formandos do Curso de Agroecologia, do Câmpus de Lagoa Seca, foram representados pelo concluinte Ângelo Túlio de Araújo Maia, que recebeu o grau conferido pelo professor e diretor do Centro de Ciências Ambientais e Agrárias, José Félix de Brito Neto. A solenidade foi encerrada pelo professor Rangel Junior, com muita vibração dos formados.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Leia Mais...

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_date] => 2018-12-22 14:56:04 [post_modified_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_modified] => 2018-12-22 14:56:04 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45956 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 445cde141db75d8bd29d654459a28d05 [1] => 463893788b9cfe7482bac7fa419c9495 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 15 [2] => 14 [3] => 27 [4] => 16 [5] => 17 [6] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB

Array ( [post_title] => Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) colaram grau acadêmico, nesta sexta-feira (21), e estão aptos para ingresso no mercado de trabalho.

A Assembleia Solene de Colação de Grau do período letivo 2018.1 dos câmpus I e II aconteceu na casa de shows Spazzio, em Campina Grande, e contou com a participação dos concluintes dos cursos do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CEDUC) e do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA). Também colaram grau os formandos do curso de Administração Pública na modalidade de Educação a Distância.

Presidida pelo reitor Rangel Junior, a cerimônia fechou o calendário de colações de grau da UEPB do período 2018.1 e reuniu professores e pró-reitores da Instituição, diretores de Centros, familiares, amigos dos formandos, além da secretária de Educação de Campina Grande, professora Iolanda Barbosa, que representou o prefeito Romero Rodrigues no evento.

O primeiro ato da solenidade foi a entrada da congregação de professores de todos os Centros que integram os câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca, seguido da execução do Hino Nacional. Um dos momentos empolgantes da solenidade foi a entrada do Paraninfo Geral das turmas concluintes, o dramaturgo, escritor e poeta Bráulio Tavares, conduzido pela Comissão de Honra formada por alunos dos cursos de Ciências Biológicas, Química Industrial, Filosofia, Direito, Serviço Social e Agroecologia.

Antes de colar o grau acadêmico os futuros profissionais prestaram o juramento e se comprometeram em honrar os princípios da UEPB, lutar para aperfeiçoar a ciência e a técnica e transformar os conhecimentos adquiridos para trabalhar em prol de uma sociedade melhor, mais justa e solidária. Com braço erguido, voz forte e emoção, a formanda Ayane Ribeiro de Oliveira Duarte, do curso de Psicologia, fez o juramento em nome dos concluintes e, todos, com braços estendidos, repetiram as palavras da juramentista.

O Orador Oficial foi o formando Sandro Roberto de Araújo, do curso de Odontologia. Ele discorreu sobre os principais momentos dos concluintes, desde a chegada da Universidade até a conclusão do curso. Sandro falou das amizades construídas ao longo dos cursos, dos desafios, dos sonhos e das vitórias, destacando que o momento era marcante e ficará eternizado na memória de todos os formandos. Ele lembrou que a trajetória, desde o primeiro dia de aula, foi árdua e exigiu renúncia, esforço e persistência na busca do sonho. No final, o Orador agradeceu a Deus, aos pais e aos professores da UEPB e garantiu que os novos profissionais vão usar todo o potencial em benefício da sociedade.

Aguardado com muita expectativa, o Paraninfo Geral fez um discurso emocionante, em que mesclou poesia, arte, literatura e conselhos. Bráulio começou o seu discurso saudando os professores, a quem tratou de detentores do conhecimento, do saber e de uma das mais sublimes e nobres profissões do Brasil. Ao longo de seu discurso, ele enfatizou a necessidade dos formandos não pararem de buscar novos conhecimentos, mas continuarem firmes na estrada do estudo.

O poeta e escritor disse que nunca deixou de estudar e que o saber, as artes, a literatura e a ciência são indispensáveis para mudar o mundo, tornando-o melhor. Ele citou o paraibano Ariano Suassuna, sempre enfatizando a importância da busca pelo saber. Ressaltou que, mesmo formados, os novos profissionais não estão totalmente prontos para a vida, cujo aprendizado é permanecente. “Vocês chegaram aqui com mérito e esforço. Nunca deixem de estudar, pois a vida é um aprendizado constante”, disse.

A solenidade prosseguiu com o discurso do pró-reitor de Graduação, professor Eli Brandão. Usando poesias, citações e muitos conselhos, Eli falou de sonhos, de esperança, de indignação e coragem. O professor enfatizou que os sonhos dos concluintes é o mesmo da UEPB, que está profundamente enraizada e comprometida com o Estado da Paraíba. “Para vocês terem uma ideia, 93% dos estudantes dessa Universidade procedem de cidades da Paraíba e 99% são de cidades do Nordeste, enquanto 6% são de outras cidades vizinhas à Paraíba”, destacou.

O pró-reitor ressaltou que o contexto atual é preocupante e o futuro ainda é uma incógnita, mas os novos profissionais não devem perder a esperança e devem persistir na luta por dias melhores e por uma sociedade justa e fraterna. Ele conclamou os concluintes a defenderem a universidade pública e gratuita para que o sonhe realizado por mais de 1.300 formandos neste período letivo se concretize com outros estudantes no futuro. Ele observou ainda que a UEPB estava devolvendo à sociedade profissionais aptos para enfrentar o mercado de trabalho.

Antes do encerramento da solenidade, o reitor Rangel Junior transmitiu sua mensagem aos graduandos e parabenizou a todos pela conquista. O reitor enfatizou que o sonho realizado pelos concluintes é fruto do esforço e da luta dos pais de todos. “Esse momento é muito importante para vocês e para nós. Esse dia de hoje é importante para vocês, que estão concluindo o curso de Graduação, que tiveram coragem e muita persistência. Sem dúvida alguma, todo mundo aqui tem uma pequena dosagem de heroísmo. Mas não esqueçam que por trás da história de vocês tinha gente fazendo heroísmo todos os dias, que foram os pais e as mães de vocês. A eles, vocês devem toda reverência”, destacou.

Ao final da solenidade foi feita a conferência de grau acadêmico aos formandos. O formando Alécio Marlon Pereira Diniz, do curso de Odontologia, recebeu o grau conferido pela professora Alessandra Teixeira, representando os colegas do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. O concluinte Paulo Sérgio Cavalcante Bezerra Leite, do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental, recebeu o grau em nome dos formandos do Centro de Ciência e Tecnologia, conferido pela professora Maria Isabelle Dias.

Os concluintes do Centro de Educação foram representados pela formanda Amanda Tayse de Sena Silva Santos, do curso de Pedagogia, que recebeu o grau conferido pelo professor Francisco de Assis Batista. Os concluintes do Centro de Ciências Jurídicas foram representados pela formanda Andréia Luisa dos Santos Lima, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Laplace Guedes Alcoforado Leite de Carvalho.

Em nome dos formandos do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, a formanda Isabely Silva Garcia, do curso de Comunicação Social, recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Geraldo Medeiros. Os formandos do Curso de Agroecologia, do Câmpus de Lagoa Seca, foram representados pelo concluinte Ângelo Túlio de Araújo Maia, que recebeu o grau conferido pelo professor e diretor do Centro de Ciências Ambientais e Agrárias, José Félix de Brito Neto. A solenidade foi encerrada pelo professor Rangel Junior, com muita vibração dos formados.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Leia Mais...

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_date] => 2018-12-22 14:56:04 [post_modified_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_modified] => 2018-12-22 14:56:04 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45956 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 445cde141db75d8bd29d654459a28d05 [1] => 463893788b9cfe7482bac7fa419c9495 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 15 [2] => 14 [3] => 27 [4] => 16 [5] => 17 [6] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música

Array ( [post_title] => Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Um projeto cultural desenvolvido pelo Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, tem incentivado crianças a entrarem em contato com a música e despertarem o interesse por esta arte.

Intitulado “Flauta Doce”, o projeto mobilizou, na primeira etapa, 20 crianças que participaram das oficinas de música. As aulas acontecem todas às terças-feiras, das 14h às 15h, no CCAA. A UEPB financiou os instrumentos musicais, as partituras e outros materiais usados no curso. Nessa primeira fase, as oficinas foram realizadas entre os dias 29 de agosto a 5 de dezembro, tendo a dedicação das crianças surpreendido os organizadores.

O diretor do CCAA, professor José Félix, disse que o projeto nasceu da necessidade da Instituição em envolver crianças carentes da região do Agreste paraibano em atividades de cultura e arte. A ideia é ensiná-las a tocar um instrumento e despertar o gosto pela música. “São crianças carentes, a maioria filhos de agricultores, que agora têm um espaço de aprendizagem. É uma forma delas ocuparem o tempo”, destacou o professor.

Marlos José Lima Machado é o professor de música da turma e enfatiza que as crianças superaram as expectativas, devido a vontade em aprender a tocar um instrumento. Ele utilizou o Método Melisma, que consiste em uma técnica utilizada para transformar a nota de uma sílaba em uma mescla de notas.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação CCAA

O post Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto cultural desenvolvido pelo Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, tem incentivado crianças a entrarem em contato com a música e despertarem o interesse por esta arte. Intitulado “Flauta Doce”, o projeto mobilizou, na primeira etapa, 20 crianças que participaram das oficinas Leia Mais...

O post Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-11 12:41:28 [post_date] => 2018-12-11 09:41:28 [post_modified_gmt] => 2018-12-11 12:41:28 [post_modified] => 2018-12-11 09:41:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45587 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b6f8f0c1b871a39cb0166d3d38453850 [1] => 5c4232b32e54e3eed24997b148624550 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música

Array ( [post_title] => Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Um projeto cultural desenvolvido pelo Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, tem incentivado crianças a entrarem em contato com a música e despertarem o interesse por esta arte.

Intitulado “Flauta Doce”, o projeto mobilizou, na primeira etapa, 20 crianças que participaram das oficinas de música. As aulas acontecem todas às terças-feiras, das 14h às 15h, no CCAA. A UEPB financiou os instrumentos musicais, as partituras e outros materiais usados no curso. Nessa primeira fase, as oficinas foram realizadas entre os dias 29 de agosto a 5 de dezembro, tendo a dedicação das crianças surpreendido os organizadores.

O diretor do CCAA, professor José Félix, disse que o projeto nasceu da necessidade da Instituição em envolver crianças carentes da região do Agreste paraibano em atividades de cultura e arte. A ideia é ensiná-las a tocar um instrumento e despertar o gosto pela música. “São crianças carentes, a maioria filhos de agricultores, que agora têm um espaço de aprendizagem. É uma forma delas ocuparem o tempo”, destacou o professor.

Marlos José Lima Machado é o professor de música da turma e enfatiza que as crianças superaram as expectativas, devido a vontade em aprender a tocar um instrumento. Ele utilizou o Método Melisma, que consiste em uma técnica utilizada para transformar a nota de uma sílaba em uma mescla de notas.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação CCAA

O post Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto cultural desenvolvido pelo Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, tem incentivado crianças a entrarem em contato com a música e despertarem o interesse por esta arte. Intitulado “Flauta Doce”, o projeto mobilizou, na primeira etapa, 20 crianças que participaram das oficinas Leia Mais...

O post Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-11 12:41:28 [post_date] => 2018-12-11 09:41:28 [post_modified_gmt] => 2018-12-11 12:41:28 [post_modified] => 2018-12-11 09:41:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45587 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b6f8f0c1b871a39cb0166d3d38453850 [1] => 5c4232b32e54e3eed24997b148624550 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projeto-desenvolvido-pelo-campus-ii-da-universidade-estadual-desperta-interesse-de-criancas-pela-musica )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande

Array ( [post_title] => Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Dentro das atividades da Feira Literária de Campina Grande (FLIC), dois projetos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) desenvolveram ações que buscaram combater o uso de agrotóxicos no campo e na cidade, bem como garantir o bem-estar animal. As atividades foram realizadas no dia 2 de dezembro, no Parque da Criança, quando crianças, jovens, adultos e idosos que frequentam o local receberam informações e interagiram com os projetos.

A professora Shirleyde Santos, do Câmpus de Lagoa Seca, coordenou as ações do projeto “Ações educativas contra o uso de agrotóxicos no campo e na cidade”, vinculado ao Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA). Já a professora Camila Firmino, também do Câmpus II, esteve à frente dos trabalhos desenvolvidos pelo projeto “Bem-estar animal”. Todas as atividades contou ainda com a participação de alunos bolsistas das iniciativas.

Uma “árvore das denúncias” chamou a atenção do público com imagens que mostravam o impacto causado na saúde do ser humano e ao meio ambiente devido o uso de agrotóxicos. Com a árvore, a equipe divulgou a “Campanha permanente contra os agrotóxicos e pela vida”, que esclarece agricultores e a população em geral sobre os riscos desses produtos químicos. Com relação aos animais, as atividades envolveram especialmente crianças, que receberam informações sobre a guarda responsável e o respeito aos animais.

Diversos materiais educativos, como cordeis, marcadores de livros, adesivos e revistas, foram distribuídos pelas equipes dos projetos extensionistas da UEPB. Segundo as coordenadoras, os resultados foram muito positivos, uma vez que houve grande visitação do público e foi possível perceber uma forte sensibilização da população com os temas abordados. A ideia das professoras Shirleyde e Camila é realizar, em breve, novas ações no Parque da Criança para difundir os trabalhos dos projetos e envolver cada vez mais pessoas nos debates sobre saúde e meio ambiente.

Texto: Tatiana Brandão
Fotos: Divulgação

O post Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Dentro das atividades da Feira Literária de Campina Grande (FLIC), dois projetos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) desenvolveram ações que buscaram combater o uso de agrotóxicos no campo e na cidade, bem como garantir o bem-estar animal. As atividades foram realizadas no dia 2 de dezembro, no Parque da Criança, quando crianças, jovens, adultos Leia Mais...

O post Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-06 14:55:45 [post_date] => 2018-12-06 11:55:45 [post_modified_gmt] => 2018-12-06 14:55:45 [post_modified] => 2018-12-06 11:55:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45513 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => ba7247b5c0bdfb93fcdc02a4a595562f [1] => 0349733fbd9411f1277bc629c2173173 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande

Array ( [post_title] => Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Dentro das atividades da Feira Literária de Campina Grande (FLIC), dois projetos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) desenvolveram ações que buscaram combater o uso de agrotóxicos no campo e na cidade, bem como garantir o bem-estar animal. As atividades foram realizadas no dia 2 de dezembro, no Parque da Criança, quando crianças, jovens, adultos e idosos que frequentam o local receberam informações e interagiram com os projetos.

A professora Shirleyde Santos, do Câmpus de Lagoa Seca, coordenou as ações do projeto “Ações educativas contra o uso de agrotóxicos no campo e na cidade”, vinculado ao Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA). Já a professora Camila Firmino, também do Câmpus II, esteve à frente dos trabalhos desenvolvidos pelo projeto “Bem-estar animal”. Todas as atividades contou ainda com a participação de alunos bolsistas das iniciativas.

Uma “árvore das denúncias” chamou a atenção do público com imagens que mostravam o impacto causado na saúde do ser humano e ao meio ambiente devido o uso de agrotóxicos. Com a árvore, a equipe divulgou a “Campanha permanente contra os agrotóxicos e pela vida”, que esclarece agricultores e a população em geral sobre os riscos desses produtos químicos. Com relação aos animais, as atividades envolveram especialmente crianças, que receberam informações sobre a guarda responsável e o respeito aos animais.

Diversos materiais educativos, como cordeis, marcadores de livros, adesivos e revistas, foram distribuídos pelas equipes dos projetos extensionistas da UEPB. Segundo as coordenadoras, os resultados foram muito positivos, uma vez que houve grande visitação do público e foi possível perceber uma forte sensibilização da população com os temas abordados. A ideia das professoras Shirleyde e Camila é realizar, em breve, novas ações no Parque da Criança para difundir os trabalhos dos projetos e envolver cada vez mais pessoas nos debates sobre saúde e meio ambiente.

Texto: Tatiana Brandão
Fotos: Divulgação

O post Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Dentro das atividades da Feira Literária de Campina Grande (FLIC), dois projetos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) desenvolveram ações que buscaram combater o uso de agrotóxicos no campo e na cidade, bem como garantir o bem-estar animal. As atividades foram realizadas no dia 2 de dezembro, no Parque da Criança, quando crianças, jovens, adultos Leia Mais...

O post Projetos do Câmpus II da UEPB desenvolvem ações educativas e sociais na Feira Literária de Campina Grande apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-06 14:55:45 [post_date] => 2018-12-06 11:55:45 [post_modified_gmt] => 2018-12-06 14:55:45 [post_modified] => 2018-12-06 11:55:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45513 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => ba7247b5c0bdfb93fcdc02a4a595562f [1] => 0349733fbd9411f1277bc629c2173173 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projetos-do-campus-ii-da-uepb-desenvolvem-acoes-educativas-e-sociais-na-feira-literaria-de-campina-grande )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Array ( [post_title] => Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Centenas de alunos dos cursos de Agroecologia, Agropecuária e da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) estão participando esta semana da Agrotec 2018 – Exposição Tecnológica, que acontece até esta quinta-feira (18), no Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus de Lagoa Seca. Além deles, o evento também tem recebido a visita constante de crianças e jovens estudantes das redes municipal e estadual de ensino, que participam das atividades da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), evento paralelo que ocorre em todo o país.

Em sua terceira edição, a Agrotec busca mostrar tudo que o Câmpus II vem realizando em ensino, pesquisa e extensão, além da exposição agropecuária com todos os setores em funcionamento e a feirinha para os visitantes. Conforme o diretor do CCAA, professor José Felix, para que o evento se concretizasse foram estabelecidas parcerias fundamentais, a exemplo da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (EMATER), Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (EMEPA), Instituto Nacional do Semiárido (INSA), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Prefeitura Municipal de Lagoa Seca, dentre outros.

Durante os três dias de evento, professores da UEPB e instituições parceiras vêm ministrando diversos cursos, como “Forragem e nutrição animal”, “Mecanização agrícola”, “Peixamento de açudes com alevinagem”, “Abate e cortes finos de caprinos” e “Fabricação de derivados de leite”.

“A Agrotec 2018 e a SNCT têm o propósito de estimular o interesse da população no que diz respeito ao Agronegócio e Agroecologia, dando até uma maior visibilidade da UEPB nesta área, sendo aberta à visitação do público em geral. Contamos com uma equipe muito forte para promover oficinas e minicursos voltados à produção rural, das quais estão participando tanto alunos, como ex-alunos, produtores rurais e demais interessados”, lembrou o professor Alde Cleber de Lima Silva, diretor da Escola Agrícola da UEPB.

Mostras científicas e de produtos

Como o tema abordado este ano pela Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é “Ciência para a redução das desigualdades”, a professora Élida Barbosa Correia, coordenadora da SNCT no Câmpus II da UEPB, buscou inserir na programação algumas ações de desenvolvimento que mostrassem à população tudo o que é realizado em Ciência e Tecnologia na Universidade.

“Temos o projeto ‘Centro Vocacional Tecnológico de Agricultura Orgânica e Agroecologia – Agrobiodiversidade do Semiárido’, que é uma ação de popularização da Ciência, aberta aos agricultores e alunos do ensino público de Lagoa Seca. Assim, organizamos várias visitações para mostrar os projetos desenvolvidos em nossos laboratórios, com a finalidade de despertar neles a Ciência e, como eles são nossos vizinhos, que pudessem se familiarizar mais com a UEPB, com as hortas, os animais e com muito do que é produzido aqui”, explicou a professora, destacando que em apenas dois dias de evento cerca de 400 alunos, dos 4o e 5o anos da Vila Florestal e do 8o e 9o anos das escolas estaduais de Lagoa Seca, visitaram o espaço.

Ângelo Túlio de Araújo Maia, aluno do 9o período de Agroecologia, participou com os demais colegas com uma banca na feira da Agrotec, comercializando produtos artesanais e agrícolas in natura ou processados, como doces e comidas típicas, tudo feito por alunos da turma. Para ele, “o evento é de suma importância, porque trocamos experiências com quem está fora e dentro da academia, absorvemos conhecimentos empíricos dos agricultores e de outras Instituições de Ensino, além de aprendermos na prática sobre economia, que é uma de nossas disciplinas em sala de aula”.

Oficinas práticas

Uma das oficinas de destaque do evento foi ministrada em conjunto pelos pesquisadores do INSA, Marilene Nascimento Melo, George Rodrigues Lambais e Rodrigo Andrade, que trataram do “Reuso da Água na Agricultura Familiar” e dos “Sistemas de Tratamento de Esgotos”, com o intuito de aperfeiçoar o reúso da “água servida”, como é popularmente chamada a água que normalmente não teria mais serventia após sua primeira utilização

“Trabalhamos com a ideia de que essa água tem um risco e a depender do que se queira fazer com ela, deve ser tratada”, explicou Marilene, que também trabalha em parceria com o Programa de Aplicação de Tecnologia Apropriada às Comunidades (PATAC). Para isso, apresentaram sistemas de tratamento do esgoto, desde o mais simplificado, como a “Bioágua”, que utiliza filtragem com seixos, pedras e carvão para retirar a parte “grossa” da matéria orgânica, até sistemas anaeróbicos um pouco mais complexos, com filtragens, uso do sol e de algumas bactérias para eliminar outras mais nocivas, gerando água de melhor qualidade. “Ambos sistemas permitem ter água de reúso com qualidade, com o objetivo de irrigar sem contaminação e produzir alimentos com um considerável aumento de produção”, disseram os palestrantes.

Andreza Maia de Lima, funcionária do setor de Agroecologia da Secretaria de Agricultura de Campina Grande, ministrou a oficina “Defensivos agrícolas naturais”, abordando receitas de defensivos livres de contaminação que vêm sendo usados tanto em experimentos nas universidades como pelos agricultores no campo. “Trouxemos algumas receitas consagradas e de resultados satisfatórios, como a calda bordalesa, o extrato de alho, o herbicida de repolho e a água de vidro”, explicou a palestrante, afirmando que as caldas evitam uma grande quantidade de pragas e de doenças, sendo esta última a mais simples e utilizada com mais frequência.

Segundo ela, a água de vidro – também conhecida como água de cinzas e cal, diluída em água quente e fria – tem baixa toxidade, não precisa de Equipamentos de Proteção Individual e dá enrijecimento às plantas, maior resistência às pragas, qualidade nas hortaliças e vem sendo bem utilizada na região do brejo. “Cada vez mais pessoas estão se conscientizando de que é necessário aderir a uma alimentação mais saudável e livre de agrotóxicos, colocando em prática a medicina preventiva e melhorias em sua saúde”, explicou Andreza.

No curso “Processamento de derivados do leite”, ministrado por Andreia Batista, do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), os alunos puderam aprender durante três dias como fabricar iogurte, queijos, requeijão, bebidas lácteas e doce de leite. O curso, que costuma atender produtores rurais e pessoas ligadas ao campo, também recebeu alunos que já fazem produções em casa ou nos sítios onde moram e que agora buscam aprimorar a oferta de produtos, a exemplo de José Carlos Ferreira, aluno do Campus de Catolé do Rocha, que já produz queijo de manteiga na fazenda da família e pretende colocar em prática a fabricação do requeijão. Além disso, também intenciona fazer um melhor aproveitamento do soro do leite – que é descartado ou oferecido como alimento aos animais da fazenda – e transmitir o conhecimento adquirido aos colegas produtores rurais da região.

Texto: Giuliana Rodrigues
Fotos: Paizinha Lemos

O post Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Centenas de alunos dos cursos de Agroecologia, Agropecuária e da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) estão participando esta semana da Agrotec 2018 – Exposição Tecnológica, que acontece até esta quinta-feira (18), no Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus de Lagoa Seca. Além deles, o evento também tem Leia Mais...

O post Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-17 19:30:11 [post_date] => 2018-10-17 16:30:11 [post_modified_gmt] => 2018-10-17 19:30:11 [post_modified] => 2018-10-17 16:30:11 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44077 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 6aaad745304c615325e3bbcb806cb9fb [1] => 7e5f3eb26420aff2f68571921754b5f2 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Array ( [post_title] => Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Centenas de alunos dos cursos de Agroecologia, Agropecuária e da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) estão participando esta semana da Agrotec 2018 – Exposição Tecnológica, que acontece até esta quinta-feira (18), no Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus de Lagoa Seca. Além deles, o evento também tem recebido a visita constante de crianças e jovens estudantes das redes municipal e estadual de ensino, que participam das atividades da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), evento paralelo que ocorre em todo o país.

Em sua terceira edição, a Agrotec busca mostrar tudo que o Câmpus II vem realizando em ensino, pesquisa e extensão, além da exposição agropecuária com todos os setores em funcionamento e a feirinha para os visitantes. Conforme o diretor do CCAA, professor José Felix, para que o evento se concretizasse foram estabelecidas parcerias fundamentais, a exemplo da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (EMATER), Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (EMEPA), Instituto Nacional do Semiárido (INSA), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Prefeitura Municipal de Lagoa Seca, dentre outros.

Durante os três dias de evento, professores da UEPB e instituições parceiras vêm ministrando diversos cursos, como “Forragem e nutrição animal”, “Mecanização agrícola”, “Peixamento de açudes com alevinagem”, “Abate e cortes finos de caprinos” e “Fabricação de derivados de leite”.

“A Agrotec 2018 e a SNCT têm o propósito de estimular o interesse da população no que diz respeito ao Agronegócio e Agroecologia, dando até uma maior visibilidade da UEPB nesta área, sendo aberta à visitação do público em geral. Contamos com uma equipe muito forte para promover oficinas e minicursos voltados à produção rural, das quais estão participando tanto alunos, como ex-alunos, produtores rurais e demais interessados”, lembrou o professor Alde Cleber de Lima Silva, diretor da Escola Agrícola da UEPB.

Mostras científicas e de produtos

Como o tema abordado este ano pela Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é “Ciência para a redução das desigualdades”, a professora Élida Barbosa Correia, coordenadora da SNCT no Câmpus II da UEPB, buscou inserir na programação algumas ações de desenvolvimento que mostrassem à população tudo o que é realizado em Ciência e Tecnologia na Universidade.

“Temos o projeto ‘Centro Vocacional Tecnológico de Agricultura Orgânica e Agroecologia – Agrobiodiversidade do Semiárido’, que é uma ação de popularização da Ciência, aberta aos agricultores e alunos do ensino público de Lagoa Seca. Assim, organizamos várias visitações para mostrar os projetos desenvolvidos em nossos laboratórios, com a finalidade de despertar neles a Ciência e, como eles são nossos vizinhos, que pudessem se familiarizar mais com a UEPB, com as hortas, os animais e com muito do que é produzido aqui”, explicou a professora, destacando que em apenas dois dias de evento cerca de 400 alunos, dos 4o e 5o anos da Vila Florestal e do 8o e 9o anos das escolas estaduais de Lagoa Seca, visitaram o espaço.

Ângelo Túlio de Araújo Maia, aluno do 9o período de Agroecologia, participou com os demais colegas com uma banca na feira da Agrotec, comercializando produtos artesanais e agrícolas in natura ou processados, como doces e comidas típicas, tudo feito por alunos da turma. Para ele, “o evento é de suma importância, porque trocamos experiências com quem está fora e dentro da academia, absorvemos conhecimentos empíricos dos agricultores e de outras Instituições de Ensino, além de aprendermos na prática sobre economia, que é uma de nossas disciplinas em sala de aula”.

Oficinas práticas

Uma das oficinas de destaque do evento foi ministrada em conjunto pelos pesquisadores do INSA, Marilene Nascimento Melo, George Rodrigues Lambais e Rodrigo Andrade, que trataram do “Reuso da Água na Agricultura Familiar” e dos “Sistemas de Tratamento de Esgotos”, com o intuito de aperfeiçoar o reúso da “água servida”, como é popularmente chamada a água que normalmente não teria mais serventia após sua primeira utilização

“Trabalhamos com a ideia de que essa água tem um risco e a depender do que se queira fazer com ela, deve ser tratada”, explicou Marilene, que também trabalha em parceria com o Programa de Aplicação de Tecnologia Apropriada às Comunidades (PATAC). Para isso, apresentaram sistemas de tratamento do esgoto, desde o mais simplificado, como a “Bioágua”, que utiliza filtragem com seixos, pedras e carvão para retirar a parte “grossa” da matéria orgânica, até sistemas anaeróbicos um pouco mais complexos, com filtragens, uso do sol e de algumas bactérias para eliminar outras mais nocivas, gerando água de melhor qualidade. “Ambos sistemas permitem ter água de reúso com qualidade, com o objetivo de irrigar sem contaminação e produzir alimentos com um considerável aumento de produção”, disseram os palestrantes.

Andreza Maia de Lima, funcionária do setor de Agroecologia da Secretaria de Agricultura de Campina Grande, ministrou a oficina “Defensivos agrícolas naturais”, abordando receitas de defensivos livres de contaminação que vêm sendo usados tanto em experimentos nas universidades como pelos agricultores no campo. “Trouxemos algumas receitas consagradas e de resultados satisfatórios, como a calda bordalesa, o extrato de alho, o herbicida de repolho e a água de vidro”, explicou a palestrante, afirmando que as caldas evitam uma grande quantidade de pragas e de doenças, sendo esta última a mais simples e utilizada com mais frequência.

Segundo ela, a água de vidro – também conhecida como água de cinzas e cal, diluída em água quente e fria – tem baixa toxidade, não precisa de Equipamentos de Proteção Individual e dá enrijecimento às plantas, maior resistência às pragas, qualidade nas hortaliças e vem sendo bem utilizada na região do brejo. “Cada vez mais pessoas estão se conscientizando de que é necessário aderir a uma alimentação mais saudável e livre de agrotóxicos, colocando em prática a medicina preventiva e melhorias em sua saúde”, explicou Andreza.

No curso “Processamento de derivados do leite”, ministrado por Andreia Batista, do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), os alunos puderam aprender durante três dias como fabricar iogurte, queijos, requeijão, bebidas lácteas e doce de leite. O curso, que costuma atender produtores rurais e pessoas ligadas ao campo, também recebeu alunos que já fazem produções em casa ou nos sítios onde moram e que agora buscam aprimorar a oferta de produtos, a exemplo de José Carlos Ferreira, aluno do Campus de Catolé do Rocha, que já produz queijo de manteiga na fazenda da família e pretende colocar em prática a fabricação do requeijão. Além disso, também intenciona fazer um melhor aproveitamento do soro do leite – que é descartado ou oferecido como alimento aos animais da fazenda – e transmitir o conhecimento adquirido aos colegas produtores rurais da região.

Texto: Giuliana Rodrigues
Fotos: Paizinha Lemos

O post Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Centenas de alunos dos cursos de Agroecologia, Agropecuária e da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) estão participando esta semana da Agrotec 2018 – Exposição Tecnológica, que acontece até esta quinta-feira (18), no Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus de Lagoa Seca. Além deles, o evento também tem Leia Mais...

O post Câmpus de Lagoa Seca sedia atividades da Agrotec 2018 e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-17 19:30:11 [post_date] => 2018-10-17 16:30:11 [post_modified_gmt] => 2018-10-17 19:30:11 [post_modified] => 2018-10-17 16:30:11 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44077 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 6aaad745304c615325e3bbcb806cb9fb [1] => 7e5f3eb26420aff2f68571921754b5f2 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-lagoa-seca-sedia-atividades-da-agrotec-2018-e-da-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria

Array ( [post_title] => Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Eles são jovens, cheios de sonhos e com muitas possibilidades para seguirem em frente em suas vidas. E o primeiro grande passo para isso foi confirmado na tarde da última quinta-feira (13), no Auditório do Departamento de Psicologia, no Câmpus de Campina Grande, quando os alunos dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) participaram da solenidade de entrega de certificados pela conclusão de seus respectivos cursos do ano letivo 2017.

A escola, localizada no Câmpus II da UEPB, em Lagoa Seca, reuniu 30 concluintes de cada curso que confirmaram o fechamento de um projeto pedagógico que tem como objetivo capacitar mão de obra em nível médio, com vistas a contribuir para o desenvolvimento da agropecuária paraibana. Os dois cursos técnicos estão inseridos em uma proposta de ensino em que a dinâmica do trabalho caminha junto aos avanços tecnológicos. A solenidade foi presidida pela pró-reitora adjunta de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância, professora Rochane Vilarim, que na oportunidade representou o reitor Rangel Junior.

Para que todos confirmassem seu propósito em exercer da melhor forma sua profissão, foi realizado o juramento de conclusão dos cursos. A aluna Viviane de Oliveira Alexandre foi a responsável por fazer o juramento em nome dos seus colegas do curso técnico em Agropecuária, enquanto Ruan Sávio Aguiar representou os concluintes do curso técnico em Agroindústria. A oradora das turmas foi a estudante Jéssicka Christina dos Santos, do curso de Agroindústria.

Em seu discurso, Jéssicka relembrou várias histórias vivenciadas pelos alunos nos últimos dois anos, agradeceu aos pais, professores e servidores da Escola Assis Chateaubriand pelo empenho, dedicação e crença nas vitórias, bem como a valorização do conhecimento que adquiriram ao longo de cada curso. Ela ainda fez uma homenagem póstuma ao aluno Rafael Oliveira, falecido este ano.

“Encontramos ao longo da nossa caminhada valores os quais jamais esqueceremos. A importância de aprender e ensinar reciprocamente, de discutir ideias e formular novos conceitos, a maturidade de conviver com as divergências de opiniões é algo muito valioso. O conhecimento adquirido nos levará a atuar na vida prática como agentes de mudanças”, afirmou a oradora das turmas concluintes.

Escolhido como paraninfo e patrono das turmas concluintes dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, o professor João Araújo de Farias não escondeu a satisfação da homenagem, bem como fez um discurso encorajador e motivador para os recém-formados. Segundo ele, esses novos profissionais que a UEPB está colocando no mercado de trabalho estão preparados para exercer sua profissão da melhor forma possível, agindo com responsabilidade, ética e, acima de tudo, profissionalismo.

“Fico grato com esta homenagem, por ter sido escolhido paraninfo dessas duas turmas tão especiais. Estou nesta Universidade há mais de 30 anos e sou testemunha dos avanços que ela deu. Vocês, concluintes, têm novos objetivos agora pela frente, irão encarar o mercado de trabalho e defender com unhas e dentes a profissão de vocês, além de exercê-la com ética, profissionalismo e olhar para a pessoa humana”, disse o professor João Araújo.

Após o discurso do paraninfo, foi feita a entrega dos certificados. O formando Alex Sandro Alves da Silva, do curso de Agroindústria, recebeu o diploma das mãos do professor Alde Cléber Lima Silva, diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand, representando todos os concluintes dos cursos técnicos em Agroindústria e Agropecuária do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais.

A pró-reitora adjunta de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância da UEPB, professora Rochane Vilarim, destacou o momento de festa que todos os alunos estão vivenciando, contudo, ainda lembrou a contribuição fundamental dos pais e familiares dos alunos e frisou que a partir deste momento eles passam a representar a Universidade Estadual da Paraíba em suas respectivas atividades profissionais.

“A partir de agora vocês estão levando o nome da UEPB para todos os lugares. Por isso, ajam com ética, sejam respeitosos para que todo o conhecimento que vocês adquiriram ao longo do curso sejam ressaltados em todos os momentos. Vocês só serão profissionais éticos se continuarem sendo pessoas éticas, corretas, que valorizam a pessoa do outro. Desejo muitas felicidades e acredito que a vitória de todos vocês está apenas começando”, afirmou professora Rochane Vilarim.

Compuseram a mesa da solenidade de conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria o diretor do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCAA), professor José Félix de Brito Neto; o diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand, professor Alde Cleber Lima Silva; o professor Cláudio Silva Soares, chefe de departamento de Agroindústria e Agropecuária; a coordenadora do curso de Agroindústria, professora Maria do Socorro Bezerra; além do servidor técnico Administrativo, Saint-Clear Sena e Santos.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Emanuelle Carvalho e Géssica Souza (Estagiárias)

O post Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Eles são jovens, cheios de sonhos e com muitas possibilidades para seguirem em frente em suas vidas. E o primeiro grande passo para isso foi confirmado na tarde da última quinta-feira (13), no Auditório do Departamento de Psicologia, no Câmpus de Campina Grande, quando os alunos dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria da Escola Leia Mais...

O post Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-17 12:04:34 [post_date] => 2018-09-17 09:04:34 [post_modified_gmt] => 2018-09-17 12:04:34 [post_modified] => 2018-09-17 09:04:34 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43443 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 05d52e51a84e672c203f12b965d47c07 [1] => 5c5df5288095ebd5ee1b02ff9ef07dbe ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 7 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria

Array ( [post_title] => Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Eles são jovens, cheios de sonhos e com muitas possibilidades para seguirem em frente em suas vidas. E o primeiro grande passo para isso foi confirmado na tarde da última quinta-feira (13), no Auditório do Departamento de Psicologia, no Câmpus de Campina Grande, quando os alunos dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria da Escola Agrícola Assis Chateaubriand (EAAC) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) participaram da solenidade de entrega de certificados pela conclusão de seus respectivos cursos do ano letivo 2017.

A escola, localizada no Câmpus II da UEPB, em Lagoa Seca, reuniu 30 concluintes de cada curso que confirmaram o fechamento de um projeto pedagógico que tem como objetivo capacitar mão de obra em nível médio, com vistas a contribuir para o desenvolvimento da agropecuária paraibana. Os dois cursos técnicos estão inseridos em uma proposta de ensino em que a dinâmica do trabalho caminha junto aos avanços tecnológicos. A solenidade foi presidida pela pró-reitora adjunta de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância, professora Rochane Vilarim, que na oportunidade representou o reitor Rangel Junior.

Para que todos confirmassem seu propósito em exercer da melhor forma sua profissão, foi realizado o juramento de conclusão dos cursos. A aluna Viviane de Oliveira Alexandre foi a responsável por fazer o juramento em nome dos seus colegas do curso técnico em Agropecuária, enquanto Ruan Sávio Aguiar representou os concluintes do curso técnico em Agroindústria. A oradora das turmas foi a estudante Jéssicka Christina dos Santos, do curso de Agroindústria.

Em seu discurso, Jéssicka relembrou várias histórias vivenciadas pelos alunos nos últimos dois anos, agradeceu aos pais, professores e servidores da Escola Assis Chateaubriand pelo empenho, dedicação e crença nas vitórias, bem como a valorização do conhecimento que adquiriram ao longo de cada curso. Ela ainda fez uma homenagem póstuma ao aluno Rafael Oliveira, falecido este ano.

“Encontramos ao longo da nossa caminhada valores os quais jamais esqueceremos. A importância de aprender e ensinar reciprocamente, de discutir ideias e formular novos conceitos, a maturidade de conviver com as divergências de opiniões é algo muito valioso. O conhecimento adquirido nos levará a atuar na vida prática como agentes de mudanças”, afirmou a oradora das turmas concluintes.

Escolhido como paraninfo e patrono das turmas concluintes dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria, o professor João Araújo de Farias não escondeu a satisfação da homenagem, bem como fez um discurso encorajador e motivador para os recém-formados. Segundo ele, esses novos profissionais que a UEPB está colocando no mercado de trabalho estão preparados para exercer sua profissão da melhor forma possível, agindo com responsabilidade, ética e, acima de tudo, profissionalismo.

“Fico grato com esta homenagem, por ter sido escolhido paraninfo dessas duas turmas tão especiais. Estou nesta Universidade há mais de 30 anos e sou testemunha dos avanços que ela deu. Vocês, concluintes, têm novos objetivos agora pela frente, irão encarar o mercado de trabalho e defender com unhas e dentes a profissão de vocês, além de exercê-la com ética, profissionalismo e olhar para a pessoa humana”, disse o professor João Araújo.

Após o discurso do paraninfo, foi feita a entrega dos certificados. O formando Alex Sandro Alves da Silva, do curso de Agroindústria, recebeu o diploma das mãos do professor Alde Cléber Lima Silva, diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand, representando todos os concluintes dos cursos técnicos em Agroindústria e Agropecuária do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais.

A pró-reitora adjunta de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância da UEPB, professora Rochane Vilarim, destacou o momento de festa que todos os alunos estão vivenciando, contudo, ainda lembrou a contribuição fundamental dos pais e familiares dos alunos e frisou que a partir deste momento eles passam a representar a Universidade Estadual da Paraíba em suas respectivas atividades profissionais.

“A partir de agora vocês estão levando o nome da UEPB para todos os lugares. Por isso, ajam com ética, sejam respeitosos para que todo o conhecimento que vocês adquiriram ao longo do curso sejam ressaltados em todos os momentos. Vocês só serão profissionais éticos se continuarem sendo pessoas éticas, corretas, que valorizam a pessoa do outro. Desejo muitas felicidades e acredito que a vitória de todos vocês está apenas começando”, afirmou professora Rochane Vilarim.

Compuseram a mesa da solenidade de conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria o diretor do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCAA), professor José Félix de Brito Neto; o diretor da Escola Agrícola Assis Chateaubriand, professor Alde Cleber Lima Silva; o professor Cláudio Silva Soares, chefe de departamento de Agroindústria e Agropecuária; a coordenadora do curso de Agroindústria, professora Maria do Socorro Bezerra; além do servidor técnico Administrativo, Saint-Clear Sena e Santos.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Emanuelle Carvalho e Géssica Souza (Estagiárias)

O post Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Eles são jovens, cheios de sonhos e com muitas possibilidades para seguirem em frente em suas vidas. E o primeiro grande passo para isso foi confirmado na tarde da última quinta-feira (13), no Auditório do Departamento de Psicologia, no Câmpus de Campina Grande, quando os alunos dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria da Escola Leia Mais...

O post Solenidade de entrega de certificação marca conclusão dos cursos técnicos em Agropecuária e Agroindústria apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-17 12:04:34 [post_date] => 2018-09-17 09:04:34 [post_modified_gmt] => 2018-09-17 12:04:34 [post_modified] => 2018-09-17 09:04:34 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43443 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 05d52e51a84e672c203f12b965d47c07 [1] => 5c5df5288095ebd5ee1b02ff9ef07dbe ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 7 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => solenidade-de-entrega-de-certificacao-marca-conclusao-dos-cursos-tecnicos-em-agropecuaria-e-agroindustria )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos

Array ( [post_title] => Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Como forma de facilitar à população uma alimentação saudável e livre de agrotóxicos, além de oferecer um novo espaço para que produtores rurais de municípios circunvizinhos a Campina Grande comercializem seus produtos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) passa a sediar a Feira de Agroecológicos da Instituição, que acontecerá semanalmente, sempre às quintas-feiras pela manhã, na praça de alimentação do Centro de Ciências Sociais e Biológicas (CCBS), no Câmpus I.

A iniciativa ocorre através de uma parceria entre o projeto de extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de Saberes entre atores de diferentes realidades”, o programa de extensão “Agroecologia e o Diálogo de Saberes na Universidade: Ações do Núcleo de Extensão Rural Agroecológica em Territórios Paraibanos”, coordenado pelo professor Simão Lindoso de Souza, o Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA) e o Centro Vocacional Tecnológico (CVT).

Além de frutas, verduras e legumes, dentre os produtos comercializados também estão sendo oferecidos ovos e galinha de capoeira, leite e queijos de cabra, doces, vários tipos de feijões, favas, fubá de milho, carnes suína e bovina, mel de abelha, óleo de coco e até sabão artesanal, feito com óleo reciclado.

De acordo com o professor Simão Lindoso, a ideia é que este não seja apenas um espaço comercial, mas também uma oportunidade para manifestação cultural e para a troca de experiências, na qual a Universidade abre suas portas para que os agricultores e a sociedade estejam compartilhando a Agroecologia, que não é simplesmente um sistema de produção ou livre de transgênicos, mas que também mantém toda uma lógica de respeito ao ser humano, à valorização do trabalho da mulher e ao consumidor, com a diversificação da produção, oferta de produtos saudáveis, soberania e segurança alimentar.

Já para os alunos de graduação envolvidos com os projetos, o mais interessante é o compartilhamento de conhecimentos. “Os produtores rurais têm suas terras e trabalham pelo bom manejo do solo dentro de suas perspectivas. Nós entramos na realidade do agricultor com o conhecimento acadêmico, buscando auxiliar na produtividade. Passamos um pouco de nosso conhecimento, mas também recebemos os saberes profundos deles”, afirmou Socorro Lacerda, aluna do 7º período de Biologia.

Atualmente, a Feira de Agroecológicos da UEPB funciona com seis barracas padronizadas que serão mantidas com a perspectiva de crescimento organizado, atendendo toda a comunidade acadêmica da Instituição e demais pessoas interessadas em usufruir do mercado agroecológico.

Experiência que vem do campo

Antônio Rodrigues de Araújo tem 69 anos, vive no sítio Oiti, em Lagoa Seca, e trabalha desde muito jovem com a agricultura familiar. De início, mantinha o entendimento de que, para que seus vegetais parecessem atraentes ao comércio, deveria utilizar agrotóxicos. No entanto, há quase 20 anos ele deu início à produção livre de defensivos agrícolas. “Foi fácil sair do ‘veneno’, mas para isso eu passei dois anos sendo fiscalizado diariamente, para que não usasse novamente”, lembra o agricultor.

Com seu vasto conhecimento na produção orgânica, Antônio já conheceu a maior parte dos estados brasileiros, participando de congressos e compartilhando muito do seu dia-a-dia de agricultor. “Hoje, a gente costuma utilizar as folhas do nim indiano e uma mistura de óleo de soja e detergente, que funciona como defensivo natural e previne a ‘doença’ em todos os vegetais. Eu não sou professor, mas dou aula”, disse, com orgulho.

Sua produção engloba mais de 40 vegetais, que são oferecidos conforme a época e envolve mais quatro pessoas da família na agricultura e comercialização dos alimentos, entre eles o genro Alberto do Nascimento Silva que, além de participar de feiras semanais em Campina Grande e Lagoa Seca, também faz a entrega dos produtos nas casas dos clientes, utilizando-se das redes sociais para divulgação e contatos. “É bom poder sobreviver do que plantamos e colaborar com o bem-estar da população, com a saúde do povo, poder dar trabalho para mais pessoas e estimular os vizinhos a também cultivarem sem agrotóxicos”, reconhece.

Texto e fotos: Giuliana Rodrigues

O post Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Como forma de facilitar à população uma alimentação saudável e livre de agrotóxicos, além de oferecer um novo espaço para que produtores rurais de municípios circunvizinhos a Campina Grande comercializem seus produtos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) passa a sediar a Feira de Agroecológicos da Instituição, que acontecerá semanalmente, sempre às quintas-feiras pela manhã, Leia Mais...

O post Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-06 17:21:24 [post_date] => 2018-09-06 14:21:24 [post_modified_gmt] => 2018-09-06 17:21:24 [post_modified] => 2018-09-06 14:21:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43305 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => c81bc9199695df5822bc3e5216e174a4 [1] => 3d320b35b2cb3f62c2017e9814f5597f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos

Array ( [post_title] => Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Como forma de facilitar à população uma alimentação saudável e livre de agrotóxicos, além de oferecer um novo espaço para que produtores rurais de municípios circunvizinhos a Campina Grande comercializem seus produtos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) passa a sediar a Feira de Agroecológicos da Instituição, que acontecerá semanalmente, sempre às quintas-feiras pela manhã, na praça de alimentação do Centro de Ciências Sociais e Biológicas (CCBS), no Câmpus I.

A iniciativa ocorre através de uma parceria entre o projeto de extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de Saberes entre atores de diferentes realidades”, o programa de extensão “Agroecologia e o Diálogo de Saberes na Universidade: Ações do Núcleo de Extensão Rural Agroecológica em Territórios Paraibanos”, coordenado pelo professor Simão Lindoso de Souza, o Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA) e o Centro Vocacional Tecnológico (CVT).

Além de frutas, verduras e legumes, dentre os produtos comercializados também estão sendo oferecidos ovos e galinha de capoeira, leite e queijos de cabra, doces, vários tipos de feijões, favas, fubá de milho, carnes suína e bovina, mel de abelha, óleo de coco e até sabão artesanal, feito com óleo reciclado.

De acordo com o professor Simão Lindoso, a ideia é que este não seja apenas um espaço comercial, mas também uma oportunidade para manifestação cultural e para a troca de experiências, na qual a Universidade abre suas portas para que os agricultores e a sociedade estejam compartilhando a Agroecologia, que não é simplesmente um sistema de produção ou livre de transgênicos, mas que também mantém toda uma lógica de respeito ao ser humano, à valorização do trabalho da mulher e ao consumidor, com a diversificação da produção, oferta de produtos saudáveis, soberania e segurança alimentar.

Já para os alunos de graduação envolvidos com os projetos, o mais interessante é o compartilhamento de conhecimentos. “Os produtores rurais têm suas terras e trabalham pelo bom manejo do solo dentro de suas perspectivas. Nós entramos na realidade do agricultor com o conhecimento acadêmico, buscando auxiliar na produtividade. Passamos um pouco de nosso conhecimento, mas também recebemos os saberes profundos deles”, afirmou Socorro Lacerda, aluna do 7º período de Biologia.

Atualmente, a Feira de Agroecológicos da UEPB funciona com seis barracas padronizadas que serão mantidas com a perspectiva de crescimento organizado, atendendo toda a comunidade acadêmica da Instituição e demais pessoas interessadas em usufruir do mercado agroecológico.

Experiência que vem do campo

Antônio Rodrigues de Araújo tem 69 anos, vive no sítio Oiti, em Lagoa Seca, e trabalha desde muito jovem com a agricultura familiar. De início, mantinha o entendimento de que, para que seus vegetais parecessem atraentes ao comércio, deveria utilizar agrotóxicos. No entanto, há quase 20 anos ele deu início à produção livre de defensivos agrícolas. “Foi fácil sair do ‘veneno’, mas para isso eu passei dois anos sendo fiscalizado diariamente, para que não usasse novamente”, lembra o agricultor.

Com seu vasto conhecimento na produção orgânica, Antônio já conheceu a maior parte dos estados brasileiros, participando de congressos e compartilhando muito do seu dia-a-dia de agricultor. “Hoje, a gente costuma utilizar as folhas do nim indiano e uma mistura de óleo de soja e detergente, que funciona como defensivo natural e previne a ‘doença’ em todos os vegetais. Eu não sou professor, mas dou aula”, disse, com orgulho.

Sua produção engloba mais de 40 vegetais, que são oferecidos conforme a época e envolve mais quatro pessoas da família na agricultura e comercialização dos alimentos, entre eles o genro Alberto do Nascimento Silva que, além de participar de feiras semanais em Campina Grande e Lagoa Seca, também faz a entrega dos produtos nas casas dos clientes, utilizando-se das redes sociais para divulgação e contatos. “É bom poder sobreviver do que plantamos e colaborar com o bem-estar da população, com a saúde do povo, poder dar trabalho para mais pessoas e estimular os vizinhos a também cultivarem sem agrotóxicos”, reconhece.

Texto e fotos: Giuliana Rodrigues

O post Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Como forma de facilitar à população uma alimentação saudável e livre de agrotóxicos, além de oferecer um novo espaço para que produtores rurais de municípios circunvizinhos a Campina Grande comercializem seus produtos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) passa a sediar a Feira de Agroecológicos da Instituição, que acontecerá semanalmente, sempre às quintas-feiras pela manhã, Leia Mais...

O post Câmpus I da Universidade Estadual da Paraíba recebe feira de produtos agroecológicos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-06 17:21:24 [post_date] => 2018-09-06 14:21:24 [post_modified_gmt] => 2018-09-06 17:21:24 [post_modified] => 2018-09-06 14:21:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43305 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => c81bc9199695df5822bc3e5216e174a4 [1] => 3d320b35b2cb3f62c2017e9814f5597f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-i-da-universidade-estadual-da-paraiba-recebe-feira-de-produtos-agroecologicos )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão

Array ( [post_title] => Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão [post_content] =>

Como parte das atividades desenvolvidas pelo projeto de Extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de saberes entre atores de diferentes realidades”, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realiza, na próxima quinta-feira (6), a partir das 8h, uma feira com produtos agroecológicos no Câmpus I da Instituição, em Campina Grande.

O projeto, coordenado pelo professor Simão Lindoso de Souza, faz parte do Programa de Extensão aprovado no Edital PROBEX Cota 2017/2018, intitulado “Agroecologia e o Diálogo de Saberes na Universidade: Ações do Núcleo de Extensão Rural Agroecológica em Territórios Paraibanos”, vinculado ao Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA) e ao projeto “Centro Vocacional Tecnológico – Agroecologia e Produção Orgânica: Agrobiodiversidade do Semiárido”, aprovado pela Chamada MCTIC/MAPA/MEC/SEAD/CNPq/21/2016.

A Feira será realizada na Praça de Alimentação do Câmpus I, localizada entre o CCTS e o CCBS, com participação de famílias agricultoras agroecológicas do Cariri Oriental e Borborema paraibanos. A segunda edição da Feira é resultante da avaliação feita por ocasião da primeira edição do evento, em maio de 2018. A ideia dos organizadors é colocar a feira em um patamar além de uma mera relação comercial.

Espera-se que a feira se concretize num espaço de relação social, manifestações culturais, espaço de investigação científica e proposição de projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão, envolvendo agricultores, estudantes, técnicos e professores. Conforme os coordenadores do projeto extensionista, a inserção de agricultores agroecológicos no espaço de feira dentro da Universidade possibilita atingir estes propósitos.

O post Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Como parte das atividades desenvolvidas pelo projeto de Extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de saberes entre atores de diferentes realidades”, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realiza, na próxima quinta-feira (6), a partir das 8h, uma feira com produtos agroecológicos no Câmpus I da Instituição, em Campina Grande. O projeto, coordenado pelo professor Leia Mais...

O post Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-03 20:21:35 [post_date] => 2018-09-03 17:21:35 [post_modified_gmt] => 2018-09-03 20:21:35 [post_modified] => 2018-09-03 17:21:35 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43193 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 91bc99b50771833dbb6f9d830b150225 [1] => 993236bfac3546205e3b37ef990c43ec ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão

Array ( [post_title] => Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão [post_content] =>

Como parte das atividades desenvolvidas pelo projeto de Extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de saberes entre atores de diferentes realidades”, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realiza, na próxima quinta-feira (6), a partir das 8h, uma feira com produtos agroecológicos no Câmpus I da Instituição, em Campina Grande.

O projeto, coordenado pelo professor Simão Lindoso de Souza, faz parte do Programa de Extensão aprovado no Edital PROBEX Cota 2017/2018, intitulado “Agroecologia e o Diálogo de Saberes na Universidade: Ações do Núcleo de Extensão Rural Agroecológica em Territórios Paraibanos”, vinculado ao Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA) e ao projeto “Centro Vocacional Tecnológico – Agroecologia e Produção Orgânica: Agrobiodiversidade do Semiárido”, aprovado pela Chamada MCTIC/MAPA/MEC/SEAD/CNPq/21/2016.

A Feira será realizada na Praça de Alimentação do Câmpus I, localizada entre o CCTS e o CCBS, com participação de famílias agricultoras agroecológicas do Cariri Oriental e Borborema paraibanos. A segunda edição da Feira é resultante da avaliação feita por ocasião da primeira edição do evento, em maio de 2018. A ideia dos organizadors é colocar a feira em um patamar além de uma mera relação comercial.

Espera-se que a feira se concretize num espaço de relação social, manifestações culturais, espaço de investigação científica e proposição de projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão, envolvendo agricultores, estudantes, técnicos e professores. Conforme os coordenadores do projeto extensionista, a inserção de agricultores agroecológicos no espaço de feira dentro da Universidade possibilita atingir estes propósitos.

O post Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Como parte das atividades desenvolvidas pelo projeto de Extensão “Conhecemos o solo que pisamos? Troca de saberes entre atores de diferentes realidades”, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realiza, na próxima quinta-feira (6), a partir das 8h, uma feira com produtos agroecológicos no Câmpus I da Instituição, em Campina Grande. O projeto, coordenado pelo professor Leia Mais...

O post Câmpus de Campina Grande sediará feira de produtos agroecológicos promovida por projeto de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-03 20:21:35 [post_date] => 2018-09-03 17:21:35 [post_modified_gmt] => 2018-09-03 20:21:35 [post_modified] => 2018-09-03 17:21:35 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43193 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 91bc99b50771833dbb6f9d830b150225 [1] => 993236bfac3546205e3b37ef990c43ec ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-campina-grande-sediara-feira-de-produtos-agroecologicos-promovida-por-projeto-de-extensao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual

Array ( [post_title] => Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A criação de galinhas de capoeira é uma das principais atividades agroecológicas praticadas na região do semiárido paraibano e tem sido importante na geração de renda para uma população que maneja de forma correta os instrumentos agrícolas. Pensando nisso, foi realizada entre os dias 20 e 23 de agosto uma oficina, em Campina Grande, além de quatro minicursos em três cidades da região, sobre o manejo e a criação de raças de galinhas de capoeira.

A atividade de formação foi ministrada pela doutora em Agroecologia Márcia Neves Guelber Sales e foi concentrada na sede do Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTIC), onde participaram cerca de 40 pessoas de vários municípios da Paraíba, dentre estes, estudantes de Ciências Agrárias, Zootecnistas, Médicos Veterinários, assessores técnicos de organizações não governamentais (ONGs), representantes da Emater, órgãos da Vigilância Sanitária, Secretarias de Agricultura municipais e estaduais, além da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e do Instituto Federal da Paraíba (IFPB).

Na terça-feira (21), o evento de formação foi realizado na região da Borborema, na casa da guardiã das raças nativas de galinhas, Márcia Patrícia Silva, na comunidade Lutador, município de Queimadas, onde participaram cerca de 30 mulheres agricultoras e jovens vinculados ao Polo da Borborema e assessorados pela ASPTA. Durante o evento, os participantes tiveram a oportunidade de trocar experiências sobre o manejo da criação de galinhas de capoeira, especialmente sobre alimentação alternativa e também sobre os cuidados higiênico-sanitários.

No dia 22, foi a vez das famílias agricultoras do território do Cariri Ocidental, representadas em sua maioria por mulheres, todas participantes do Coletivo Regional das Organizações da Agricultura Familiar, cuja assessoria sócio organizativa é feita pelo Patac. Na ocasião, mais de 25 pessoas estiveram presentes na propriedade da família de Rosimery e Emanuel, em Soledade. Em seguida, o grupo se dirigiu à sede da Associação da Comunidade, onde puderam abordar as questões sobre sanidade, manejo e alimentação da criação de galinhas de capoeira, a partir das experiências locais e sob a luz dos conhecimentos e experiências desenvolvidas por Márcia Guelber no decorrer de sua trajetória como pesquisadora na área.

Para a pesquisadora, o momento é uma grande oportunidade das organizações contribuírem com ações voltadas para essa área. “Eu acredito que conseguimos atingir os objetivos das nossas oficinas, no sentido de mobilizar as mulheres e as ajudar nos aspectos aos quais elas encontram dificuldades, alimentação, sanidade e manejo com as aves”, afirmou Márcia.

Já na quinta-feira (23), as oficinas territoriais continuaram na comunidade Bento de Cima, em Boqueirão, sob a organização do Coletivo Asa Cariri Oriental (Casaco). A propriedade visitada foi a de Dona Maria do Socorro de Souza Cavalcante, guardiã das galinhas de capoeira, onde funciona a Unidade de Referência do Projeto CVT Agrobiodiversidade. Essas atividades contam ainda com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), através do Centro Vocacional Tecnológico da Agrobiodiversidade do Semiárido da Universidade Estadual da Paraíba.

Fonte: Assessoria INSA

O post Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A criação de galinhas de capoeira é uma das principais atividades agroecológicas praticadas na região do semiárido paraibano e tem sido importante na geração de renda para uma população que maneja de forma correta os instrumentos agrícolas. Pensando nisso, foi realizada entre os dias 20 e 23 de agosto uma oficina, em Campina Grande, além Leia Mais...

O post Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-29 15:42:45 [post_date] => 2018-08-29 12:42:45 [post_modified_gmt] => 2018-08-29 15:42:45 [post_modified] => 2018-08-29 12:42:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43039 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 73fd876a4dc2d5622a6dcf5b36dfaf1c [1] => 8c4c0f14890624111bb4bc1f44e158c1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual

Array ( [post_title] => Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A criação de galinhas de capoeira é uma das principais atividades agroecológicas praticadas na região do semiárido paraibano e tem sido importante na geração de renda para uma população que maneja de forma correta os instrumentos agrícolas. Pensando nisso, foi realizada entre os dias 20 e 23 de agosto uma oficina, em Campina Grande, além de quatro minicursos em três cidades da região, sobre o manejo e a criação de raças de galinhas de capoeira.

A atividade de formação foi ministrada pela doutora em Agroecologia Márcia Neves Guelber Sales e foi concentrada na sede do Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTIC), onde participaram cerca de 40 pessoas de vários municípios da Paraíba, dentre estes, estudantes de Ciências Agrárias, Zootecnistas, Médicos Veterinários, assessores técnicos de organizações não governamentais (ONGs), representantes da Emater, órgãos da Vigilância Sanitária, Secretarias de Agricultura municipais e estaduais, além da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e do Instituto Federal da Paraíba (IFPB).

Na terça-feira (21), o evento de formação foi realizado na região da Borborema, na casa da guardiã das raças nativas de galinhas, Márcia Patrícia Silva, na comunidade Lutador, município de Queimadas, onde participaram cerca de 30 mulheres agricultoras e jovens vinculados ao Polo da Borborema e assessorados pela ASPTA. Durante o evento, os participantes tiveram a oportunidade de trocar experiências sobre o manejo da criação de galinhas de capoeira, especialmente sobre alimentação alternativa e também sobre os cuidados higiênico-sanitários.

No dia 22, foi a vez das famílias agricultoras do território do Cariri Ocidental, representadas em sua maioria por mulheres, todas participantes do Coletivo Regional das Organizações da Agricultura Familiar, cuja assessoria sócio organizativa é feita pelo Patac. Na ocasião, mais de 25 pessoas estiveram presentes na propriedade da família de Rosimery e Emanuel, em Soledade. Em seguida, o grupo se dirigiu à sede da Associação da Comunidade, onde puderam abordar as questões sobre sanidade, manejo e alimentação da criação de galinhas de capoeira, a partir das experiências locais e sob a luz dos conhecimentos e experiências desenvolvidas por Márcia Guelber no decorrer de sua trajetória como pesquisadora na área.

Para a pesquisadora, o momento é uma grande oportunidade das organizações contribuírem com ações voltadas para essa área. “Eu acredito que conseguimos atingir os objetivos das nossas oficinas, no sentido de mobilizar as mulheres e as ajudar nos aspectos aos quais elas encontram dificuldades, alimentação, sanidade e manejo com as aves”, afirmou Márcia.

Já na quinta-feira (23), as oficinas territoriais continuaram na comunidade Bento de Cima, em Boqueirão, sob a organização do Coletivo Asa Cariri Oriental (Casaco). A propriedade visitada foi a de Dona Maria do Socorro de Souza Cavalcante, guardiã das galinhas de capoeira, onde funciona a Unidade de Referência do Projeto CVT Agrobiodiversidade. Essas atividades contam ainda com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), através do Centro Vocacional Tecnológico da Agrobiodiversidade do Semiárido da Universidade Estadual da Paraíba.

Fonte: Assessoria INSA

O post Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A criação de galinhas de capoeira é uma das principais atividades agroecológicas praticadas na região do semiárido paraibano e tem sido importante na geração de renda para uma população que maneja de forma correta os instrumentos agrícolas. Pensando nisso, foi realizada entre os dias 20 e 23 de agosto uma oficina, em Campina Grande, além Leia Mais...

O post Oficina e minicursos sobre criação de galinhas de capoeira são realizados com apoio da Universidade Estadual apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-29 15:42:45 [post_date] => 2018-08-29 12:42:45 [post_modified_gmt] => 2018-08-29 15:42:45 [post_modified] => 2018-08-29 12:42:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43039 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCAA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccaa/feed/ [syndication_feed_id] => 8 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 73fd876a4dc2d5622a6dcf5b36dfaf1c [1] => 8c4c0f14890624111bb4bc1f44e158c1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => oficina-e-minicursos-sobre-criacao-de-galinhas-de-capoeira-sao-realizados-com-apoio-da-universidade-estadual )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico

Array ( [post_title] => Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico [post_content] =>

O Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promove, na próxima segunda-feira (22), a palestra “Redação de Artigo Científico”, a ser ministrada pelo professor Frederico Sampaio Neves, da Universidade Federal da Bahia (UFBA). O evento intitulado “Café com Ciência”, será realizado a partir das às 8h30, no Auditório da Biblioteca Central, no Câmpus de Bodocongó, dentro do contexto da política de estímulo à produção científica.

Aberto aos graduandos e pós-graduandos da UEPB, o “Café com Ciência” também terá seu lado social. No ato da inscrição, o estudante deve fazer a doação de 2 quilos de alimentos não perecíveis, leite em pó integral ou fralda geriátrica. Os donativos e produtos serão entregues ao Lar da Sagrada Face, que funciona no município de Lagoa Seca e abriga idosos.

No total, estão sendo ofertadas 100 vagas e as inscrições podem ser feitas online clicando AQUI. O interessado só precisa preencher o formulário que terá a presença garantida no evento. Outras informações podem ser obtidas através do telefone (83) 3315-3471 ou pelo e-mail ppgo@uepb.edu.br. Frederico Sampaio Neves é graduado em Odontologia pela Universidade Federal da Bahia, mestre e doutor em Radiologia Odontológica pela Faculdade de Odontologia de Piracicaba (Unicamp).

Texto: Severino Lopes

O post Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promove, na próxima segunda-feira (22), a palestra “Redação de Artigo Científico”, a ser ministrada pelo professor Frederico Sampaio Neves, da Universidade Federal da Bahia (UFBA). O evento intitulado “Café com Ciência”, será realizado a partir das às 8h30, no Auditório da Biblioteca Central, Leia Mais...

O post Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-17 14:18:31 [post_date] => 2019-04-17 11:18:31 [post_modified_gmt] => 2019-04-17 14:18:31 [post_modified] => 2019-04-17 11:18:31 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48024 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 03a155bf2102361b88168bb674559967 [1] => 81373f5fd83c4c1e5d894d163767e0d9 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico

Array ( [post_title] => Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico [post_content] =>

O Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promove, na próxima segunda-feira (22), a palestra “Redação de Artigo Científico”, a ser ministrada pelo professor Frederico Sampaio Neves, da Universidade Federal da Bahia (UFBA). O evento intitulado “Café com Ciência”, será realizado a partir das às 8h30, no Auditório da Biblioteca Central, no Câmpus de Bodocongó, dentro do contexto da política de estímulo à produção científica.

Aberto aos graduandos e pós-graduandos da UEPB, o “Café com Ciência” também terá seu lado social. No ato da inscrição, o estudante deve fazer a doação de 2 quilos de alimentos não perecíveis, leite em pó integral ou fralda geriátrica. Os donativos e produtos serão entregues ao Lar da Sagrada Face, que funciona no município de Lagoa Seca e abriga idosos.

No total, estão sendo ofertadas 100 vagas e as inscrições podem ser feitas online clicando AQUI. O interessado só precisa preencher o formulário que terá a presença garantida no evento. Outras informações podem ser obtidas através do telefone (83) 3315-3471 ou pelo e-mail ppgo@uepb.edu.br. Frederico Sampaio Neves é graduado em Odontologia pela Universidade Federal da Bahia, mestre e doutor em Radiologia Odontológica pela Faculdade de Odontologia de Piracicaba (Unicamp).

Texto: Severino Lopes

O post Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promove, na próxima segunda-feira (22), a palestra “Redação de Artigo Científico”, a ser ministrada pelo professor Frederico Sampaio Neves, da Universidade Federal da Bahia (UFBA). O evento intitulado “Café com Ciência”, será realizado a partir das às 8h30, no Auditório da Biblioteca Central, Leia Mais...

O post Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UEPB promove palestra sobre redação de artigo científico apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-17 14:18:31 [post_date] => 2019-04-17 11:18:31 [post_modified_gmt] => 2019-04-17 14:18:31 [post_modified] => 2019-04-17 11:18:31 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48024 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 03a155bf2102361b88168bb674559967 [1] => 81373f5fd83c4c1e5d894d163767e0d9 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => programa-de-pos-graduacao-em-odontologia-da-uepb-promove-palestra-sobre-redacao-de-artigo-cientifico )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil

Array ( [post_title] => Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil [post_content] =>

A pesquisa praticada na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) deu mais um importante passo no desenvolvimento de seus estudos para que possam cumprir sua missão de contribuir para a melhoria da sociedade. Isso porque o periódico Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada (PBOCI), que conta com apoio do Departamento de Odontologia e da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP) da Instituição, foi aprovado para integrar a Coleção SciELO a partir deste ano. O parecer foi confirmado pelo Comitê Consultivo da plataforma que abriga periódicos científicos brasileiros na modalidade on-line.

A revista científica conta com a participação de pesquisadores internacionais e tem como áreas de estudos as categorias de Odontopediatria, Clínica Integrada e todas as demais especialidades odontológicas. Esta é a primeira vez que uma revista com apoio de uma instituição de ensino superior paraibana passa a fazer parte da Coleção SciELO. De acordo com o professor Alessandro Cavalcanti, do Departamento de Odontologia, a inclusão na Coleção SciELO é de extrema importância, não apenas por se tratar da maior e mais conceituada base de indexação brasileira, mas também pelo fato de ser a primeira revista científica do Estado da Paraíba, de todas as áreas do conhecimento, a integrar a Coleção SciELO Brasil.

“Dos 297 periódicos atualmente indexados nessa plataforma, PBOCI é apenas o sétimo a receber este reconhecimento. Além do mais, a indexação aumentará a visibilidade da revista no cenário nacional e internacional, permitindo o acesso livre e gratuito dos pesquisadores e estudantes ao conteúdo publicado”, destacou o professor. Além de integrar a Coleção SciELO, a revista está indexada nas duas principais bases bibliográficas mundiais: o Web of Sciece (Clarivate Analytics) e o Scopus (Elsevier), e ainda conta com o apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A Scientific Electronic Library Online (SciELO) é uma biblioteca eletrônica que abrange uma coleção selecionada de periódicos científicos brasileiros. A plataforma é o resultado de um projeto de pesquisa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), em parceria com a BIREME Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde e com o apoio do CNPq. A Coleção SciELO Brasil disponibiliza e dissemina on-line, em acesso aberto, os textos completos de periódicos científicos do Brasil de todas as áreas do conhecimento que publicam predominantemente artigos resultantes de pesquisa científica.

Informações sobre a Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada podem ser obtidas através do endereço eletrônico http://revista.uepb.edu.br/index.php/pboci/index.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Imagem: Ilustração

O post Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A pesquisa praticada na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) deu mais um importante passo no desenvolvimento de seus estudos para que possam cumprir sua missão de contribuir para a melhoria da sociedade. Isso porque o periódico Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada (PBOCI), que conta com apoio do Departamento de Odontologia e da Pró-Reitoria Leia Mais...

O post Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-02 19:01:03 [post_date] => 2019-04-02 16:01:03 [post_modified_gmt] => 2019-04-02 19:01:03 [post_modified] => 2019-04-02 16:01:03 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47557 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bbdf5f7112f855c791cdf5dc323d4f85 [1] => 4ff4fb157eba53bef68e74af56833040 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil

Array ( [post_title] => Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil [post_content] =>

A pesquisa praticada na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) deu mais um importante passo no desenvolvimento de seus estudos para que possam cumprir sua missão de contribuir para a melhoria da sociedade. Isso porque o periódico Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada (PBOCI), que conta com apoio do Departamento de Odontologia e da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP) da Instituição, foi aprovado para integrar a Coleção SciELO a partir deste ano. O parecer foi confirmado pelo Comitê Consultivo da plataforma que abriga periódicos científicos brasileiros na modalidade on-line.

A revista científica conta com a participação de pesquisadores internacionais e tem como áreas de estudos as categorias de Odontopediatria, Clínica Integrada e todas as demais especialidades odontológicas. Esta é a primeira vez que uma revista com apoio de uma instituição de ensino superior paraibana passa a fazer parte da Coleção SciELO. De acordo com o professor Alessandro Cavalcanti, do Departamento de Odontologia, a inclusão na Coleção SciELO é de extrema importância, não apenas por se tratar da maior e mais conceituada base de indexação brasileira, mas também pelo fato de ser a primeira revista científica do Estado da Paraíba, de todas as áreas do conhecimento, a integrar a Coleção SciELO Brasil.

“Dos 297 periódicos atualmente indexados nessa plataforma, PBOCI é apenas o sétimo a receber este reconhecimento. Além do mais, a indexação aumentará a visibilidade da revista no cenário nacional e internacional, permitindo o acesso livre e gratuito dos pesquisadores e estudantes ao conteúdo publicado”, destacou o professor. Além de integrar a Coleção SciELO, a revista está indexada nas duas principais bases bibliográficas mundiais: o Web of Sciece (Clarivate Analytics) e o Scopus (Elsevier), e ainda conta com o apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A Scientific Electronic Library Online (SciELO) é uma biblioteca eletrônica que abrange uma coleção selecionada de periódicos científicos brasileiros. A plataforma é o resultado de um projeto de pesquisa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), em parceria com a BIREME Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde e com o apoio do CNPq. A Coleção SciELO Brasil disponibiliza e dissemina on-line, em acesso aberto, os textos completos de periódicos científicos do Brasil de todas as áreas do conhecimento que publicam predominantemente artigos resultantes de pesquisa científica.

Informações sobre a Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada podem ser obtidas através do endereço eletrônico http://revista.uepb.edu.br/index.php/pboci/index.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Imagem: Ilustração

O post Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A pesquisa praticada na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) deu mais um importante passo no desenvolvimento de seus estudos para que possam cumprir sua missão de contribuir para a melhoria da sociedade. Isso porque o periódico Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada (PBOCI), que conta com apoio do Departamento de Odontologia e da Pró-Reitoria Leia Mais...

O post Periódico de Odontologia apoiado pela Universidade Estadual é aprovado para integrar Coleção SciELO Brasil apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-02 19:01:03 [post_date] => 2019-04-02 16:01:03 [post_modified_gmt] => 2019-04-02 19:01:03 [post_modified] => 2019-04-02 16:01:03 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47557 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bbdf5f7112f855c791cdf5dc323d4f85 [1] => 4ff4fb157eba53bef68e74af56833040 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => periodico-de-odontologia-apoiado-pela-universidade-estadual-e-aprovado-para-integrar-colecao-scielo-brasil )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano

Array ( [post_title] => Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano [post_content] =>

A manhã desta quarta-feira (27) foi diferente para os estudantes do Curso de Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Alunos de todos os períodos se reuniram na Quinta da Colina, no bairro do Catolé, para participarem do evento que marcou o início das atividades acadêmica do curso. Além das boas vindas aos feras, foi realizada pela primeira vez a Cerimônia do Jaleco para os estudantes do 4º período, que passam a atuar na Clínica escola, além de uma roda de conversa com professores e profissionais da área de Odonto que comentaram sobre os vários caminhos da profissão e responderam perguntas dos alunos.

Professora Nádja Oliveira, chefe do Departamento de Odontologia da UEPB, explicou o motivo de reunir alunos de todos os períodos para um momento como esse, desde os que estão iniciando a caminhada na Universidade ou os que darão início a uma nova fase do curso, bem como os que estão próximos de concluírem os estudos. “Temos trabalhado muito para melhorar a estrutura do curso. Desde a parte física, no melhoramento das salas, dos laboratórios, da Clínica Escola, enfim. Quero que todos estejam bem motivados, independente do momento que estejam vivendo, já que há sempre muito a aprender”, disse.

No início da cerimônia os alunos do 1º período foram apresentados, receberam um livro em branco como símbolo para que possam escrever suas novas histórias e escutaram dos professores palavras de incentivo para esse caminho recém-iniciado. Entretanto, um dos momentos mais emocionantes foi a Cerimônia do Jaleco, instante em que os estudantes escolheram um professor para que este vestisse no discente seu mais novo instrumento de trabalho pedagógico, a ser usado durante as atividades de práticas laboratoriais e na Clínica Escola.

Após todos vestirem o jaleco, os 24 alunos do 4º período de Odontologia prestaram juramento, confirmando suas intenções de esforço em busca da aprendizagem, disciplina pedagógica e cumprimento de suas tarefas sociais. A professora Ana Isabela Arruda, do Núcleo Docente Estruturante (NDE), apontou a importância desse momento para que todos os estudantes tenham consciência do novo passo que estão dando em sua formação. “Eles agora estão iniciando um outro estágio na sua formação e o uso do jaleco simboliza isso”, destacou.

Assim com é nas diversas áreas da Saúde, o jaleco usado em Odontologia é indicado como instrumento de segurança, tanto para o profissional como também para o paciente. Ele protege do contato com os aerosóis e respingos contaminados por fluídos corporais produzidos durante a atividade odontológica. A normativa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) defende que a vestimenta deve ser de mangas longas, tecido claro e confortável, podendo ser de pano ou descartável, para os procedimentos que envolvam o atendimento a pacientes, e impermeável nos procedimentos de limpeza e desinfecção de artigos, equipamentos ou ambientes. Ele deve ser usado fechado durante todos os procedimentos.

Bastante emocionada com a cerimônia, a estudante Ariane Cabral acredita que a partir de agora começa efetivamente a realizar seu sonho, que sempre foi desenvolver a atividade de dentista. Segundo ela, as práticas nos laboratórios e na Clínica Escola complementarão o que veio aprendendo na teoria desde o início do curso. Ciente dos desafios que terá pela frent, Ariane não descarta nenhum escolha dentre as várias possibilidades profissionais que a Odontologia oferece.

“A partir de agora, como vamos conhecer muita coisa nova, pode ser que a gente mude alguma ideia que tem, mas o mais importante é estar aprendendo e se preparando para nossa atividade profissional. A área de Dentística me fascina muito, mas quero conhecer tudo para mais na frente pode decidir bem, seja seguir a área acadêmica ou de residência cirúrgica, ou ainda da clínica odontológica”, disse a jovem.

Durante a roda de conversa oferecida durante o evento, professores, profissionais e uma estudante falaram das suas práticas profissionais, além de responderem as dúvidas dos participantes. Ramón Targino, ex-aluno da UEPB, mestre pela Instituição e doutorando pela Universidade Federal de Mias Gerais (UFMG), abordou os aspectos que o levaram a atuar como docente, desde o gostar de realizar pequisa científica até os desafios da sala de aula.

O odontólogo Alfredo Neto também contou parte de sua trajetória como estudante de pós-graduação e pesquisador, bem como sua atuação na área de clínica privada. Ele respondeu questões sobre a necessidade do estudante de Odontologia precisar pensar como empreendedor para enfrentar as dificuldades que o mercado desse segmento tem. “É preciso que esses jovens desenvolvam capacidades para identificar o público-alvo deles, tenham noção de mercado e sejam empreendedores”, frisou.

As atividades realizadas nesta quarta contaram com a participação de vários professores do Departamento de Odontologia da UEPB, além do pró-reitor adjunto de Graduação da Instituição, professor Altamir Souto Dias. Ex-professores, pais e convidados também participaram desse momento que marcou o início das atividades pedagógicas do semestre 2019.1 do curso.

Texto e fotos: Givaldo Cavalcanti

O post Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A manhã desta quarta-feira (27) foi diferente para os estudantes do Curso de Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Alunos de todos os períodos se reuniram na Quinta da Colina, no bairro do Catolé, para participarem do evento que marcou o início das atividades acadêmica do curso. Além das boas vindas aos feras, foi Leia Mais...

O post Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-27 22:11:45 [post_date] => 2019-03-27 19:11:45 [post_modified_gmt] => 2019-03-27 22:11:45 [post_modified] => 2019-03-27 19:11:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47446 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a354599f11ea72b54a52fff128f33dfc [1] => daf0fa0496c82ce6f6501bf28d34ad65 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano

Array ( [post_title] => Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano [post_content] =>

A manhã desta quarta-feira (27) foi diferente para os estudantes do Curso de Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Alunos de todos os períodos se reuniram na Quinta da Colina, no bairro do Catolé, para participarem do evento que marcou o início das atividades acadêmica do curso. Além das boas vindas aos feras, foi realizada pela primeira vez a Cerimônia do Jaleco para os estudantes do 4º período, que passam a atuar na Clínica escola, além de uma roda de conversa com professores e profissionais da área de Odonto que comentaram sobre os vários caminhos da profissão e responderam perguntas dos alunos.

Professora Nádja Oliveira, chefe do Departamento de Odontologia da UEPB, explicou o motivo de reunir alunos de todos os períodos para um momento como esse, desde os que estão iniciando a caminhada na Universidade ou os que darão início a uma nova fase do curso, bem como os que estão próximos de concluírem os estudos. “Temos trabalhado muito para melhorar a estrutura do curso. Desde a parte física, no melhoramento das salas, dos laboratórios, da Clínica Escola, enfim. Quero que todos estejam bem motivados, independente do momento que estejam vivendo, já que há sempre muito a aprender”, disse.

No início da cerimônia os alunos do 1º período foram apresentados, receberam um livro em branco como símbolo para que possam escrever suas novas histórias e escutaram dos professores palavras de incentivo para esse caminho recém-iniciado. Entretanto, um dos momentos mais emocionantes foi a Cerimônia do Jaleco, instante em que os estudantes escolheram um professor para que este vestisse no discente seu mais novo instrumento de trabalho pedagógico, a ser usado durante as atividades de práticas laboratoriais e na Clínica Escola.

Após todos vestirem o jaleco, os 24 alunos do 4º período de Odontologia prestaram juramento, confirmando suas intenções de esforço em busca da aprendizagem, disciplina pedagógica e cumprimento de suas tarefas sociais. A professora Ana Isabela Arruda, do Núcleo Docente Estruturante (NDE), apontou a importância desse momento para que todos os estudantes tenham consciência do novo passo que estão dando em sua formação. “Eles agora estão iniciando um outro estágio na sua formação e o uso do jaleco simboliza isso”, destacou.

Assim com é nas diversas áreas da Saúde, o jaleco usado em Odontologia é indicado como instrumento de segurança, tanto para o profissional como também para o paciente. Ele protege do contato com os aerosóis e respingos contaminados por fluídos corporais produzidos durante a atividade odontológica. A normativa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) defende que a vestimenta deve ser de mangas longas, tecido claro e confortável, podendo ser de pano ou descartável, para os procedimentos que envolvam o atendimento a pacientes, e impermeável nos procedimentos de limpeza e desinfecção de artigos, equipamentos ou ambientes. Ele deve ser usado fechado durante todos os procedimentos.

Bastante emocionada com a cerimônia, a estudante Ariane Cabral acredita que a partir de agora começa efetivamente a realizar seu sonho, que sempre foi desenvolver a atividade de dentista. Segundo ela, as práticas nos laboratórios e na Clínica Escola complementarão o que veio aprendendo na teoria desde o início do curso. Ciente dos desafios que terá pela frent, Ariane não descarta nenhum escolha dentre as várias possibilidades profissionais que a Odontologia oferece.

“A partir de agora, como vamos conhecer muita coisa nova, pode ser que a gente mude alguma ideia que tem, mas o mais importante é estar aprendendo e se preparando para nossa atividade profissional. A área de Dentística me fascina muito, mas quero conhecer tudo para mais na frente pode decidir bem, seja seguir a área acadêmica ou de residência cirúrgica, ou ainda da clínica odontológica”, disse a jovem.

Durante a roda de conversa oferecida durante o evento, professores, profissionais e uma estudante falaram das suas práticas profissionais, além de responderem as dúvidas dos participantes. Ramón Targino, ex-aluno da UEPB, mestre pela Instituição e doutorando pela Universidade Federal de Mias Gerais (UFMG), abordou os aspectos que o levaram a atuar como docente, desde o gostar de realizar pequisa científica até os desafios da sala de aula.

O odontólogo Alfredo Neto também contou parte de sua trajetória como estudante de pós-graduação e pesquisador, bem como sua atuação na área de clínica privada. Ele respondeu questões sobre a necessidade do estudante de Odontologia precisar pensar como empreendedor para enfrentar as dificuldades que o mercado desse segmento tem. “É preciso que esses jovens desenvolvam capacidades para identificar o público-alvo deles, tenham noção de mercado e sejam empreendedores”, frisou.

As atividades realizadas nesta quarta contaram com a participação de vários professores do Departamento de Odontologia da UEPB, além do pró-reitor adjunto de Graduação da Instituição, professor Altamir Souto Dias. Ex-professores, pais e convidados também participaram desse momento que marcou o início das atividades pedagógicas do semestre 2019.1 do curso.

Texto e fotos: Givaldo Cavalcanti

O post Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A manhã desta quarta-feira (27) foi diferente para os estudantes do Curso de Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Alunos de todos os períodos se reuniram na Quinta da Colina, no bairro do Catolé, para participarem do evento que marcou o início das atividades acadêmica do curso. Além das boas vindas aos feras, foi Leia Mais...

O post Cerimônia do Jaleco e roda de conversa marcam início das atividades do Curso de Odontologia no ano apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-27 22:11:45 [post_date] => 2019-03-27 19:11:45 [post_modified_gmt] => 2019-03-27 22:11:45 [post_modified] => 2019-03-27 19:11:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47446 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCBS – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccbs/feed/ [syndication_feed_id] => 9 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a354599f11ea72b54a52fff128f33dfc [1] => daf0fa0496c82ce6f6501bf28d34ad65 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 15 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => cerimonia-do-jaleco-e-roda-de-conversa-marcam-inicio-das-atividades-do-curso-de-odontologia-no-ano )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB

Array ( [post_title] => 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está sediando, na Central de Integração Acadêmica, Câmpus de Campina Grande, o 1o Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira, evento que reúne representantes dos Núcleos de Línguas (NucLi) de universidades públicas e Institutos Federais destas duas regiões. Durante os dois dias de atividades, os participantes estão envolvidos com palestras, mesas redondas, apresentações de trabalhos e relatos de experiências.

Para abrir o evento, nesta segunda (29), e mostrar um pouco da cultura local, o Grupo Acauã da Serra, integrante do Núcleo de Cultura da UEPB, fez uma animada apresentação de ritmos nordestinos, no hall da Central de Integração Acadêmica. Em seguida, foi composta a mesa de abertura pelos professores Cláudio Lucena, coordenador de Relações Internacionais da UEPB; Viviane Bagio Furtoso, vice-presidente do Idioma sem Fronteiras (IsF/Português) no Brasil; Mariana Perez, coordenadora do IsF da Universidade Federal da Paraíba (UFPB); e Karyne Soares Duarte da Silveira, docente do Departamento de Letras da UEPB e responsável por trazer o IsF para a Instituição.

A UEPB faz parte do IsF desde 2014, inicialmente como centro aplicador de testes do TOEFL (exame de proficiência e nivelamento de língua inglesa). Hoje, a Universidade está cadastrada no IsF como Núcleo de Línguas, ofertando cursos de Inglês, Espanhol e Português como língua estrangeira para alunos que vêm do exterior. Até agora, já foram registrados 51 alunos de graduação e de pós-graduação oriundos do Timor Leste, além de dois franceses, uma argelina e um árabe.

A professora Marta Furtado da Costa, coordenadora do Núcleo de Línguas da UEPB, lembrou o caráter humanitário que o setor também agrega. “Hoje, temos turmas específicas para refugiados, sobretudo da Venezuela, em um grupo que vem sendo atendido pela Arquidiocese de Campina Grande”, explicou. “Dessa maneira, a UEPB vai além dos fins acadêmicos, alcançando também fins sociais”, acrescentou a docente.

Para Karyne Soares, “as ações do Núcleo são tão intensas, pela demanda, cronograma rigoroso e atividades, que há a sensação de estarmos funcionando há muito mais tempo do que estamos efetivamente”. Ela adiantou que o propósito é que ainda este ano ocorra uma expansão na formação, incluindo alunos da graduação de Letras/Português para serem professores do curso para estrangeiros.

Ambas consideram um privilégio sediar um evento como este na UEPB. “O objetivo é partilhar saberes, uma característica fundamental do programa, e percebemos que fazemos parte de um grande grupo em prol da internacionalização e de uma melhor capacitação docente”, frisou Karyne.

Brasil como destino para aprendizado de Português

Concentrada no atendimento aos estrangeiros que desejam aprender o Português como língua estrangeira, a vice-presidente do IsF/Português no Brasil, Viviane Bagio, afirma que esta não é uma área nova, mas que ultimamente ela tem crescido bastante e vem suprindo a demanda no atendimento aos estrangeiros, seja os que vêm para o Brasil ou os que permanecem no exterior.

“O Brasil tem sido procurado pelos estrangeiros que vêm às nossas universidades por diversos fatores, seja pelo Português ser nossa língua de instrução ou pela visibilidade do país, nossa cultura, clima, entre outros fatores”, destacou Viviane, alertando que apesar de o Brasil ser uma tendência em destinos, os intercâmbios ainda dependem das parcerias e acordos firmados entre as universidades.

Além disso, ela diz que o investimento em internacionalização ainda é muito tímido e que o Brasil reconhece pouco a importância de investimento na Língua Portuguesa como uma politica linguística, o que dificulta a inserção do Brasil nos outros países. “Agora estamos tentando iniciar um trabalho prévio, através de cursos on-line, com duração de 3 a 4 meses, voltados aos estrangeiros que desejam aprender nossa língua”, explica. Para ela, tal iniciativa aprimoraria as aulas presenciais e facilitaria a adaptação no processo de aprendizado.

Mariana Perez, da UFPB, informou que dentro do programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) há uma ação específica, o “Letras sem Fronteiras” (LsF), coordenado por ela, cujo objetivo é fortalecer as licenciaturas em línguas estrangeiras e também o Português como segunda língua. “O LsF foi um programa piloto que aconteceu entre 2017 e 2018 para que pudéssemos enviar alunos de Letras aos Estados Unidos e, em contrapartida, para que os de lá viessem ao Brasil. Diferentemente do “Ciências sem Fronteiras”, focados em alunos das áreas de Ciências e Tecnologia, o LsF prevê a mobilidade e intercâmbio de alunos de Humanas que estão estudando para serem professores de Português para estrangeiros”, disse.

Neste ano de 2019, teve início o programa piloto do LsF que acontece em universidades do Canadá, lugares onde normalmente não há muita oferta de Português. “Esta é uma possibilidade de apresentar para eles o Português do Brasil e uma experiência para solidificar a base para que possamos criar projetos permanentes que atendam um número maior dos alunos dos cursos de Letras”, destacou Mariana.

Conforme as palestrantes, o IsF também tem o objetivo de preparar a comunidade acadêmica como um todo, para além da mobilidade. Os cursos oferecidos pelos núcleos das universidades, dos institutos federais e nas instituições parceiras vinculadas ao MEC oferecem essa preparação para receber da melhor maneira o aluno de fora.

Texto e fotos: Giuliana Rodrigues

O post 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está sediando, na Central de Integração Acadêmica, Câmpus de Campina Grande, o 1o Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira, evento que reúne representantes dos Núcleos de Línguas (NucLi) de universidades públicas e Institutos Federais destas duas regiões. Durante os dois dias de atividades, os participantes estão Leia Mais...

O post 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-30 11:42:21 [post_date] => 2019-04-30 08:42:21 [post_modified_gmt] => 2019-04-30 11:42:21 [post_modified] => 2019-04-30 08:42:21 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48201 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 9bd7ade561785477144e7a826dcc6241 [1] => 0bfbeeefe0c9173a94a383a1510944f7 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB

Array ( [post_title] => 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está sediando, na Central de Integração Acadêmica, Câmpus de Campina Grande, o 1o Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira, evento que reúne representantes dos Núcleos de Línguas (NucLi) de universidades públicas e Institutos Federais destas duas regiões. Durante os dois dias de atividades, os participantes estão envolvidos com palestras, mesas redondas, apresentações de trabalhos e relatos de experiências.

Para abrir o evento, nesta segunda (29), e mostrar um pouco da cultura local, o Grupo Acauã da Serra, integrante do Núcleo de Cultura da UEPB, fez uma animada apresentação de ritmos nordestinos, no hall da Central de Integração Acadêmica. Em seguida, foi composta a mesa de abertura pelos professores Cláudio Lucena, coordenador de Relações Internacionais da UEPB; Viviane Bagio Furtoso, vice-presidente do Idioma sem Fronteiras (IsF/Português) no Brasil; Mariana Perez, coordenadora do IsF da Universidade Federal da Paraíba (UFPB); e Karyne Soares Duarte da Silveira, docente do Departamento de Letras da UEPB e responsável por trazer o IsF para a Instituição.

A UEPB faz parte do IsF desde 2014, inicialmente como centro aplicador de testes do TOEFL (exame de proficiência e nivelamento de língua inglesa). Hoje, a Universidade está cadastrada no IsF como Núcleo de Línguas, ofertando cursos de Inglês, Espanhol e Português como língua estrangeira para alunos que vêm do exterior. Até agora, já foram registrados 51 alunos de graduação e de pós-graduação oriundos do Timor Leste, além de dois franceses, uma argelina e um árabe.

A professora Marta Furtado da Costa, coordenadora do Núcleo de Línguas da UEPB, lembrou o caráter humanitário que o setor também agrega. “Hoje, temos turmas específicas para refugiados, sobretudo da Venezuela, em um grupo que vem sendo atendido pela Arquidiocese de Campina Grande”, explicou. “Dessa maneira, a UEPB vai além dos fins acadêmicos, alcançando também fins sociais”, acrescentou a docente.

Para Karyne Soares, “as ações do Núcleo são tão intensas, pela demanda, cronograma rigoroso e atividades, que há a sensação de estarmos funcionando há muito mais tempo do que estamos efetivamente”. Ela adiantou que o propósito é que ainda este ano ocorra uma expansão na formação, incluindo alunos da graduação de Letras/Português para serem professores do curso para estrangeiros.

Ambas consideram um privilégio sediar um evento como este na UEPB. “O objetivo é partilhar saberes, uma característica fundamental do programa, e percebemos que fazemos parte de um grande grupo em prol da internacionalização e de uma melhor capacitação docente”, frisou Karyne.

Brasil como destino para aprendizado de Português

Concentrada no atendimento aos estrangeiros que desejam aprender o Português como língua estrangeira, a vice-presidente do IsF/Português no Brasil, Viviane Bagio, afirma que esta não é uma área nova, mas que ultimamente ela tem crescido bastante e vem suprindo a demanda no atendimento aos estrangeiros, seja os que vêm para o Brasil ou os que permanecem no exterior.

“O Brasil tem sido procurado pelos estrangeiros que vêm às nossas universidades por diversos fatores, seja pelo Português ser nossa língua de instrução ou pela visibilidade do país, nossa cultura, clima, entre outros fatores”, destacou Viviane, alertando que apesar de o Brasil ser uma tendência em destinos, os intercâmbios ainda dependem das parcerias e acordos firmados entre as universidades.

Além disso, ela diz que o investimento em internacionalização ainda é muito tímido e que o Brasil reconhece pouco a importância de investimento na Língua Portuguesa como uma politica linguística, o que dificulta a inserção do Brasil nos outros países. “Agora estamos tentando iniciar um trabalho prévio, através de cursos on-line, com duração de 3 a 4 meses, voltados aos estrangeiros que desejam aprender nossa língua”, explica. Para ela, tal iniciativa aprimoraria as aulas presenciais e facilitaria a adaptação no processo de aprendizado.

Mariana Perez, da UFPB, informou que dentro do programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) há uma ação específica, o “Letras sem Fronteiras” (LsF), coordenado por ela, cujo objetivo é fortalecer as licenciaturas em línguas estrangeiras e também o Português como segunda língua. “O LsF foi um programa piloto que aconteceu entre 2017 e 2018 para que pudéssemos enviar alunos de Letras aos Estados Unidos e, em contrapartida, para que os de lá viessem ao Brasil. Diferentemente do “Ciências sem Fronteiras”, focados em alunos das áreas de Ciências e Tecnologia, o LsF prevê a mobilidade e intercâmbio de alunos de Humanas que estão estudando para serem professores de Português para estrangeiros”, disse.

Neste ano de 2019, teve início o programa piloto do LsF que acontece em universidades do Canadá, lugares onde normalmente não há muita oferta de Português. “Esta é uma possibilidade de apresentar para eles o Português do Brasil e uma experiência para solidificar a base para que possamos criar projetos permanentes que atendam um número maior dos alunos dos cursos de Letras”, destacou Mariana.

Conforme as palestrantes, o IsF também tem o objetivo de preparar a comunidade acadêmica como um todo, para além da mobilidade. Os cursos oferecidos pelos núcleos das universidades, dos institutos federais e nas instituições parceiras vinculadas ao MEC oferecem essa preparação para receber da melhor maneira o aluno de fora.

Texto e fotos: Giuliana Rodrigues

O post 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está sediando, na Central de Integração Acadêmica, Câmpus de Campina Grande, o 1o Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira, evento que reúne representantes dos Núcleos de Línguas (NucLi) de universidades públicas e Institutos Federais destas duas regiões. Durante os dois dias de atividades, os participantes estão Leia Mais...

O post 1º Encontro Norte/Nordeste de Coordenadores de Português como Língua Estrangeira é sediado na UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-30 11:42:21 [post_date] => 2019-04-30 08:42:21 [post_modified_gmt] => 2019-04-30 11:42:21 [post_modified] => 2019-04-30 08:42:21 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48201 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 9bd7ade561785477144e7a826dcc6241 [1] => 0bfbeeefe0c9173a94a383a1510944f7 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira-e-sediado-na-uepb )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras

Array ( [post_title] => Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, divulgou nesta quinta-feira (25) o resultado da primeira oferta do ano para exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. Aqueles que foram aprovados no exame devem solicitar a declaração de proficiência a partir desta sexta-feira (16).

Ao longo do ano, o Departamento de Letras fará outras duas ofertas do exame. A segunda oferta tem prazo de inscrição entre os dias 12 de julho e 2 de agosto e aplicação do exame no dia 13 de agosto. Já para a terceira oferta, as inscrições serão de 7 a 30 de outubro e aplicação do exame de proficiência no dia 6 de novembro. O exame tem 10 questões objetivas de compreensão de texto no idioma de escolha do candidato. Não é permitido o uso de qualquer fonte de consulta, a exemplo de dicionário, computador, aparelho celular, tablet, entre outros.

Confira os resultados da primeira oferta de proficiência:

Texto: Tatiana Brandão

O post Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, divulgou nesta quinta-feira (25) o resultado da primeira oferta do ano para exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. Aqueles que foram aprovados no exame devem Leia Mais...

O post Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-25 19:04:40 [post_date] => 2019-04-25 16:04:40 [post_modified_gmt] => 2019-04-25 19:04:40 [post_modified] => 2019-04-25 16:04:40 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48138 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => d8b8465a31b3b8ba5cdf9529465154ea [1] => 2fc17db50fd1b9c3207a91eab53ae3c1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras

Array ( [post_title] => Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, divulgou nesta quinta-feira (25) o resultado da primeira oferta do ano para exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. Aqueles que foram aprovados no exame devem solicitar a declaração de proficiência a partir desta sexta-feira (16).

Ao longo do ano, o Departamento de Letras fará outras duas ofertas do exame. A segunda oferta tem prazo de inscrição entre os dias 12 de julho e 2 de agosto e aplicação do exame no dia 13 de agosto. Já para a terceira oferta, as inscrições serão de 7 a 30 de outubro e aplicação do exame de proficiência no dia 6 de novembro. O exame tem 10 questões objetivas de compreensão de texto no idioma de escolha do candidato. Não é permitido o uso de qualquer fonte de consulta, a exemplo de dicionário, computador, aparelho celular, tablet, entre outros.

Confira os resultados da primeira oferta de proficiência:

Texto: Tatiana Brandão

O post Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, divulgou nesta quinta-feira (25) o resultado da primeira oferta do ano para exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. Aqueles que foram aprovados no exame devem Leia Mais...

O post Departamento de Letras divulga resultado da primeira oferta do exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-25 19:04:40 [post_date] => 2019-04-25 16:04:40 [post_modified_gmt] => 2019-04-25 19:04:40 [post_modified] => 2019-04-25 16:04:40 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48138 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => d8b8465a31b3b8ba5cdf9529465154ea [1] => 2fc17db50fd1b9c3207a91eab53ae3c1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => departamento-de-letras-divulga-resultado-da-primeira-oferta-do-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado

Array ( [post_title] => Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está ofertando 10 vagas para formação da turma 2019.2 do Mestrado em Literatura e Interculturalidade da Instituição. As inscrições estão abertas até o dia 6 de maio, através do endereço eletrônico https://academico.uepb.edu.br/scapg/index.php/inscricoes. Dentro do prazo estabelecido, após o preenchimento do formulário online, o candidato deve entregar projeto de pesquisa em três vias impressas e uma em CD-ROM, além de Currículo Lattes com documentação comprobatória.

Os documentos exigidos no edital devem ser entregues na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Literatura e Interculturalidade, localizada na Sala 313 da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, das 8h às 11h e das 13h às 15h30. No ato da inscrição, o candidato deve optar por uma das três linhas de pesquisa do Mestrado, que são: “Literatura, Memória e Estudos Culturais”, “Literatura e Hermenêutica” e “Literatura Comparada e Intermidialidade”.

A seleção constará de prova escrita, análise do projeto de pesquisa, arguição sobre o projeto de pesquisa, análise do Currículo Lattes e Prova de Proficiência em Língua Estrangeira. O resultado final está previsto para ser divulgado no dia 10 de junho. As matrículas dos alunos selecionados serão realizadas de 11 a 13 de junho. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3344-5304. Todos os detalhes do edital podem ser conferidos clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está ofertando 10 vagas para formação da turma 2019.2 do Mestrado em Literatura e Interculturalidade da Instituição. As inscrições estão abertas até o dia 6 de maio, através do endereço eletrônico https://academico.uepb.edu.br/scapg/index.php/inscricoes. Dentro do prazo estabelecido, após o preenchimento do formulário online, o candidato deve entregar projeto de pesquisa Leia Mais...

O post Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-16 18:34:33 [post_date] => 2019-04-16 15:34:33 [post_modified_gmt] => 2019-04-16 18:34:33 [post_modified] => 2019-04-16 15:34:33 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47963 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => fcc148389b0dc856824b6090a97259cc [1] => dfdeda9ddab5659c6f08dd3728d62816 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado

Array ( [post_title] => Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está ofertando 10 vagas para formação da turma 2019.2 do Mestrado em Literatura e Interculturalidade da Instituição. As inscrições estão abertas até o dia 6 de maio, através do endereço eletrônico https://academico.uepb.edu.br/scapg/index.php/inscricoes. Dentro do prazo estabelecido, após o preenchimento do formulário online, o candidato deve entregar projeto de pesquisa em três vias impressas e uma em CD-ROM, além de Currículo Lattes com documentação comprobatória.

Os documentos exigidos no edital devem ser entregues na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Literatura e Interculturalidade, localizada na Sala 313 da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, das 8h às 11h e das 13h às 15h30. No ato da inscrição, o candidato deve optar por uma das três linhas de pesquisa do Mestrado, que são: “Literatura, Memória e Estudos Culturais”, “Literatura e Hermenêutica” e “Literatura Comparada e Intermidialidade”.

A seleção constará de prova escrita, análise do projeto de pesquisa, arguição sobre o projeto de pesquisa, análise do Currículo Lattes e Prova de Proficiência em Língua Estrangeira. O resultado final está previsto para ser divulgado no dia 10 de junho. As matrículas dos alunos selecionados serão realizadas de 11 a 13 de junho. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3344-5304. Todos os detalhes do edital podem ser conferidos clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está ofertando 10 vagas para formação da turma 2019.2 do Mestrado em Literatura e Interculturalidade da Instituição. As inscrições estão abertas até o dia 6 de maio, através do endereço eletrônico https://academico.uepb.edu.br/scapg/index.php/inscricoes. Dentro do prazo estabelecido, após o preenchimento do formulário online, o candidato deve entregar projeto de pesquisa Leia Mais...

O post Pós em Literatura e Interculturalidade da UEPB oferta 10 vagas para formação de nova turma de Mestrado apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-16 18:34:33 [post_date] => 2019-04-16 15:34:33 [post_modified_gmt] => 2019-04-16 18:34:33 [post_modified] => 2019-04-16 15:34:33 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47963 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => fcc148389b0dc856824b6090a97259cc [1] => dfdeda9ddab5659c6f08dd3728d62816 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pos-em-literatura-e-interculturalidade-da-uepb-oferta-10-vagas-para-formacao-de-nova-turma-de-mestrado )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira

Array ( [post_title] => UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Núcleo de Línguas (NucLi) do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF), realiza, nos dias 29 e 30 de abril,o 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira. O evento, destinado a alunos e professores da UEPB e de outras instituições, ocorrerá no Auditório I da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó. O Encontro contará com palestra, mesa redonda, apresentação de trabalhos e relatos de experiências de coordenadores, bem como atividades culturais.

A abertura será com a mesa redonda que contará com o professor Cláudio Lucena, coordenador de Relações Internacionais da UEPB, e a professora Marta Furtado da Costa, coordenadora do Núcleo de Língua da Instituição. Em seguida acontecerá a mesa redonda “Idiomas sem Fronteias: experiências e impactos”, conduzida pela professora Viviane Bagio Furtoso, vice-presidente do IsF-Português, com participação de Mariana Perez, professora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), e Karyne Soares Duarte da Silveira, docente da UEPB. No período da tarde está prevista uma roda de diálogo denominada “Português para estrangeiros: partilhando experiências”.

O evento segue na terça-feira (30) com as apresentações de trabalhos e relatos de experiências de coordenadores e relatos de experiências de alunos estrangeiros e bolsistas. À tarde, no Espaço Azul da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP), no 2º andar do Prédio Administrativo, será feita a avaliação do evento e o encaminhamento de ações.

Texto: Severino Lopes

O post UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Núcleo de Línguas (NucLi) do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF), realiza, nos dias 29 e 30 de abril,o 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira. O evento, destinado a alunos e professores da UEPB e de outras instituições, ocorrerá no Auditório I da Central Leia Mais...

O post UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-12 17:58:26 [post_date] => 2019-04-12 14:58:26 [post_modified_gmt] => 2019-04-12 17:58:26 [post_modified] => 2019-04-12 14:58:26 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47915 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b438d745a697cdeabc4c24e36221cdb4 [1] => 8edacae7e36f49276d5bd8130c7b5d78 ) ) [post_type] => post [post_author] => 39 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira

Array ( [post_title] => UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Núcleo de Línguas (NucLi) do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF), realiza, nos dias 29 e 30 de abril,o 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira. O evento, destinado a alunos e professores da UEPB e de outras instituições, ocorrerá no Auditório I da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó. O Encontro contará com palestra, mesa redonda, apresentação de trabalhos e relatos de experiências de coordenadores, bem como atividades culturais.

A abertura será com a mesa redonda que contará com o professor Cláudio Lucena, coordenador de Relações Internacionais da UEPB, e a professora Marta Furtado da Costa, coordenadora do Núcleo de Língua da Instituição. Em seguida acontecerá a mesa redonda “Idiomas sem Fronteias: experiências e impactos”, conduzida pela professora Viviane Bagio Furtoso, vice-presidente do IsF-Português, com participação de Mariana Perez, professora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), e Karyne Soares Duarte da Silveira, docente da UEPB. No período da tarde está prevista uma roda de diálogo denominada “Português para estrangeiros: partilhando experiências”.

O evento segue na terça-feira (30) com as apresentações de trabalhos e relatos de experiências de coordenadores e relatos de experiências de alunos estrangeiros e bolsistas. À tarde, no Espaço Azul da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP), no 2º andar do Prédio Administrativo, será feita a avaliação do evento e o encaminhamento de ações.

Texto: Severino Lopes

O post UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Núcleo de Línguas (NucLi) do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF), realiza, nos dias 29 e 30 de abril,o 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira. O evento, destinado a alunos e professores da UEPB e de outras instituições, ocorrerá no Auditório I da Central Leia Mais...

O post UEPB promove 1º Encontro Norte/Nordeste de coordenadores de Português como Língua Estrangeira apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-12 17:58:26 [post_date] => 2019-04-12 14:58:26 [post_modified_gmt] => 2019-04-12 17:58:26 [post_modified] => 2019-04-12 14:58:26 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47915 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b438d745a697cdeabc4c24e36221cdb4 [1] => 8edacae7e36f49276d5bd8130c7b5d78 ) ) [post_type] => post [post_author] => 39 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => uepb-promove-1o-encontro-norte-nordeste-de-coordenadores-de-portugues-como-lingua-estrangeira )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento

Array ( [post_title] => Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento [post_content] =>

Em meio às crises hídricas e intempéries climáticas, a Paraíba dispõe atualmente de pouco mais de 1,5 bilhão de metros cúbicos de água armazenada nos mananciais monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa). O valor é praticamente a metade dos 3 bilhões que os reservatórios espalhados por todo o Estado têm capacidade de armazenar.

Dados como esse foram apresentados nesta quarta-feira (27), na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), durante palestra promovida pela Coordenação do Curso de Geografia do Câmpus I, em alusão ao Dia Mundial das Águas, celebrado no dia 22 de março que contou com a participação do ex-presidente da Aesa, João Fernandes da Silva.

Preocupado em sensibilizar a população a valorizar e usar de forma racional esse recurso cada vez mais escasso e fundamental para a sobrevivência humana, João Fernandes ministrou o tema “Água: o sangue da Terra”, no Auditório II da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, percorrendo o caminho do reconhecimento da importância da água, a começar pelo ano de 1952, quando já se apresentava essa preocupação mundial, mas que só veio a se consolidar em 199, com a primeira Conferência das Águas, na Argentina.

João ressaltou que a situação dos recursos hídricos na Paraíba hoje é confortável se comparada com um ano atrás, mas a população precisa evitar o desperdício de água e usar esse bem com moderação. “Hoje nós temos 150% a mais do que tínhamos um ano atrás. No ano retrasado, iniciamos com 10%. Hoje, temos mais de 25% de nossa capacidade armazenada”, destacou, acrescentando que as condições climáticas estão favoráveis a continuidade das chuvas, o que é muito bom, visto que a Paraíba precisa de anos de invernos para recarregar todos os seus mananciais, a exemplo do sistema Boqueirão, Acauã e o Complexo Coremas Mãe D’Água, que tem capacidade de armazenar 1,2 bilhão de metros cúbicos de água.

Segundo João Fernandes, os estados do Ceará, Paraíba, Rio Grande do Norte e Pernambuco têm apenas 0,5% da água de todo o Brasil e a água advinda da Transposição do Rio São Francisco chegou para garantir exclusivamente o consumo urbano. Em todo o planeta, conforme ilustrou João, 70% da água existente é destinada para a agricultura e pecuária, R$ 20% para o comércio, indústria e serviço, e apenas 10% para o consumo humano. “É provável que a gente resolva o problema do consumo humano, mas não resolveremos os demais se não fizermos uma administração razoável dos outros consumos”, enfatizou.

Coordenador do curso de Geografia e do evento, o professor Faustino Moura Neto destacou que a água é um tema que interessa muito ao campo de estudo da Geografa. Ele lembrou a histórica relação do homem com os recursos naturais renováveis, especialmente, na região nordestina. “A Universidade não pode fugir desse papel de discutir um tema tão importante como esse da relação da humanidade com as questões hídricas”, destacou.

Um dos especialistas no tema na UEPB, o professor do Departamento de Geografia, Ozéas Jordão, ressaltou que a população precisa ter consciência da importância que esse mineral tem para a sobrevivência da humanidade e para a sustentação da vida como um todo. “A água é como o sangue da terra. Nesse sentido, a UEPB tem dado uma grande contribuição nesse debate, promovendo eventos e apoiando entidades que estão com essa preocupação”, ressaltou.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Márcia Dias

O post Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Em meio às crises hídricas e intempéries climáticas, a Paraíba dispõe atualmente de pouco mais de 1,5 bilhão de metros cúbicos de água armazenada nos mananciais monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa). O valor é praticamente a metade dos 3 bilhões que os reservatórios espalhados por todo o Estado têm capacidade de Leia Mais...

O post Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-27 21:46:09 [post_date] => 2019-03-27 18:46:09 [post_modified_gmt] => 2019-03-27 21:46:09 [post_modified] => 2019-03-27 18:46:09 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47442 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f07d400bd7b8d3d2b3153f83bbb02ad4 [1] => e517ad3684c3674175dfaf1b4d1c89bc ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento

Array ( [post_title] => Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento [post_content] =>

Em meio às crises hídricas e intempéries climáticas, a Paraíba dispõe atualmente de pouco mais de 1,5 bilhão de metros cúbicos de água armazenada nos mananciais monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa). O valor é praticamente a metade dos 3 bilhões que os reservatórios espalhados por todo o Estado têm capacidade de armazenar.

Dados como esse foram apresentados nesta quarta-feira (27), na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), durante palestra promovida pela Coordenação do Curso de Geografia do Câmpus I, em alusão ao Dia Mundial das Águas, celebrado no dia 22 de março que contou com a participação do ex-presidente da Aesa, João Fernandes da Silva.

Preocupado em sensibilizar a população a valorizar e usar de forma racional esse recurso cada vez mais escasso e fundamental para a sobrevivência humana, João Fernandes ministrou o tema “Água: o sangue da Terra”, no Auditório II da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, percorrendo o caminho do reconhecimento da importância da água, a começar pelo ano de 1952, quando já se apresentava essa preocupação mundial, mas que só veio a se consolidar em 199, com a primeira Conferência das Águas, na Argentina.

João ressaltou que a situação dos recursos hídricos na Paraíba hoje é confortável se comparada com um ano atrás, mas a população precisa evitar o desperdício de água e usar esse bem com moderação. “Hoje nós temos 150% a mais do que tínhamos um ano atrás. No ano retrasado, iniciamos com 10%. Hoje, temos mais de 25% de nossa capacidade armazenada”, destacou, acrescentando que as condições climáticas estão favoráveis a continuidade das chuvas, o que é muito bom, visto que a Paraíba precisa de anos de invernos para recarregar todos os seus mananciais, a exemplo do sistema Boqueirão, Acauã e o Complexo Coremas Mãe D’Água, que tem capacidade de armazenar 1,2 bilhão de metros cúbicos de água.

Segundo João Fernandes, os estados do Ceará, Paraíba, Rio Grande do Norte e Pernambuco têm apenas 0,5% da água de todo o Brasil e a água advinda da Transposição do Rio São Francisco chegou para garantir exclusivamente o consumo urbano. Em todo o planeta, conforme ilustrou João, 70% da água existente é destinada para a agricultura e pecuária, R$ 20% para o comércio, indústria e serviço, e apenas 10% para o consumo humano. “É provável que a gente resolva o problema do consumo humano, mas não resolveremos os demais se não fizermos uma administração razoável dos outros consumos”, enfatizou.

Coordenador do curso de Geografia e do evento, o professor Faustino Moura Neto destacou que a água é um tema que interessa muito ao campo de estudo da Geografa. Ele lembrou a histórica relação do homem com os recursos naturais renováveis, especialmente, na região nordestina. “A Universidade não pode fugir desse papel de discutir um tema tão importante como esse da relação da humanidade com as questões hídricas”, destacou.

Um dos especialistas no tema na UEPB, o professor do Departamento de Geografia, Ozéas Jordão, ressaltou que a população precisa ter consciência da importância que esse mineral tem para a sobrevivência da humanidade e para a sustentação da vida como um todo. “A água é como o sangue da terra. Nesse sentido, a UEPB tem dado uma grande contribuição nesse debate, promovendo eventos e apoiando entidades que estão com essa preocupação”, ressaltou.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Márcia Dias

O post Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Em meio às crises hídricas e intempéries climáticas, a Paraíba dispõe atualmente de pouco mais de 1,5 bilhão de metros cúbicos de água armazenada nos mananciais monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa). O valor é praticamente a metade dos 3 bilhões que os reservatórios espalhados por todo o Estado têm capacidade de Leia Mais...

O post Especialista destaca que mananciais paraibanos estão com metade da capacidade total de armazenamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-27 21:46:09 [post_date] => 2019-03-27 18:46:09 [post_modified_gmt] => 2019-03-27 21:46:09 [post_modified] => 2019-03-27 18:46:09 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47442 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f07d400bd7b8d3d2b3153f83bbb02ad4 [1] => e517ad3684c3674175dfaf1b4d1c89bc ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => especialista-destaca-que-mananciais-paraibanos-estao-com-metade-da-capacidade-total-de-armazenamento-de-agua )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma

Array ( [post_title] => Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma [post_content] =>

A Coordenação do Curso de Especialização em Ensino de Geografia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) abriu seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma. Também estão sendo ofertadas oito vagas para alunos que não defenderam o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na turma de 2016. As inscrições estão sendo feitas até o dia 15 de abril, das 8h às 12h, no Departamento de Geografia da Instituição, localizado no 3º andar da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande.

Para inscrição, os candidatos devem apresentar formulário de inscrição devidamente preenchido, uma fotografia 3×4 recente, Currículo Lattes devidamente comprovado, cópias de RG e CPF, cópia do Diploma de Graduação ou da Certidão de Conclusão ou da Declaração de que é aluno concluinte do Curso de Licenciatura Plena em Geografia, além do projeto de pesquisa.

A seleção dos candidatos se dará com as seguintes etapas: análise do projeto de pesquisa, entrevista e análise do currículo. O resultado final será divulgado no dia 8 de maio. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3344-5314 ou pelo e-mail dg@ceduc.uepb.edu.br. O edital completo pode ser conferido clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Coordenação do Curso de Especialização em Ensino de Geografia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) abriu seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma. Também estão sendo ofertadas oito vagas para alunos que não defenderam o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na turma de 2016. As inscrições estão sendo feitas Leia Mais...

O post Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-26 14:23:28 [post_date] => 2019-03-26 11:23:28 [post_modified_gmt] => 2019-03-26 14:23:28 [post_modified] => 2019-03-26 11:23:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47374 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b61cd589d2c1f5cd6140ba4d154363e4 [1] => 2c968c5737191347e5cd2fe4b24dd31c ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma

Array ( [post_title] => Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma [post_content] =>

A Coordenação do Curso de Especialização em Ensino de Geografia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) abriu seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma. Também estão sendo ofertadas oito vagas para alunos que não defenderam o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na turma de 2016. As inscrições estão sendo feitas até o dia 15 de abril, das 8h às 12h, no Departamento de Geografia da Instituição, localizado no 3º andar da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande.

Para inscrição, os candidatos devem apresentar formulário de inscrição devidamente preenchido, uma fotografia 3×4 recente, Currículo Lattes devidamente comprovado, cópias de RG e CPF, cópia do Diploma de Graduação ou da Certidão de Conclusão ou da Declaração de que é aluno concluinte do Curso de Licenciatura Plena em Geografia, além do projeto de pesquisa.

A seleção dos candidatos se dará com as seguintes etapas: análise do projeto de pesquisa, entrevista e análise do currículo. O resultado final será divulgado no dia 8 de maio. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3344-5314 ou pelo e-mail dg@ceduc.uepb.edu.br. O edital completo pode ser conferido clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Coordenação do Curso de Especialização em Ensino de Geografia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) abriu seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma. Também estão sendo ofertadas oito vagas para alunos que não defenderam o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na turma de 2016. As inscrições estão sendo feitas Leia Mais...

O post Especialização em Ensino de Geografia abre seleção com oferta de 25 vagas para formação de nova turma apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-26 14:23:28 [post_date] => 2019-03-26 11:23:28 [post_modified_gmt] => 2019-03-26 14:23:28 [post_modified] => 2019-03-26 11:23:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47374 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b61cd589d2c1f5cd6140ba4d154363e4 [1] => 2c968c5737191347e5cd2fe4b24dd31c ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => especializacao-em-ensino-de-geografia-abre-selecao-com-oferta-de-25-vagas-para-formacao-de-nova-turma )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras

Array ( [post_title] => Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, lançou edital para realização do exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. O prazo de inscrição para a primeira oferta do exame este ano segue até o dia 5 de abril.

As inscrições dos pós-graduandos devem ser feitas pelo coordenador do curso de pós-graduação, através de memorando encaminhado ao Departamento de Letras e Artes, via Sis-Admin, informando os nomes dos candidatos que irão se submeter à avaliação. A lista deve ser encaminhada em arquivo PDF, conforme modelo indicado no edital.

Os servidores da UEPB que desejarem realizar o exame, devem efetuar sua inscrição presencialmente, no Departamento de Letras, localizado no 3º andar da Central de Integração Acadêmica. As inscrições homologadas serão divulgadas no dia 10 de abril. O exame será aplicado no dia 16 do mesmo mês, em auditórios da Central de Integração Acadêmica. O resultado será divulgado no dia 25 de abril e a solicitação da declaração de proficiência deve ser feita no dia 26, via memorando.

Ao longo do ano, o Departamento de Letras fará outras duas ofertas do exame. A segunda oferta tem prazo de inscrição entre os dias 12 de julho e 2 de agosto, e aplicação do exame no dia 13 de agosto. Já para a terceira oferta, as inscrições serão de 7 a 30 de outubro e aplicação do exame de proficiência no dia 6 de novembro. O exame terá 10 questões objetivas de compreensão de texto no idioma de escolha do candidato. Não será permitido o uso de qualquer fonte de consulta, a exemplo de dicionário, computador, aparelho celular, tablet, entre outros.

Confira todas as normas do edital clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, lançou edital para realização do exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. O prazo de inscrição para a primeira oferta do exame este ano segue até Leia Mais...

O post Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-19 13:05:46 [post_date] => 2019-03-19 10:05:46 [post_modified_gmt] => 2019-03-19 13:05:46 [post_modified] => 2019-03-19 10:05:46 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47212 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 86e2607c3b8242e625bcd13cee3557e2 [1] => 7b71834b8d07551286276c45edc35123 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => departamento-de-letras-e-artes-da-uepb-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras

Array ( [post_title] => Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, lançou edital para realização do exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. O prazo de inscrição para a primeira oferta do exame este ano segue até o dia 5 de abril.

As inscrições dos pós-graduandos devem ser feitas pelo coordenador do curso de pós-graduação, através de memorando encaminhado ao Departamento de Letras e Artes, via Sis-Admin, informando os nomes dos candidatos que irão se submeter à avaliação. A lista deve ser encaminhada em arquivo PDF, conforme modelo indicado no edital.

Os servidores da UEPB que desejarem realizar o exame, devem efetuar sua inscrição presencialmente, no Departamento de Letras, localizado no 3º andar da Central de Integração Acadêmica. As inscrições homologadas serão divulgadas no dia 10 de abril. O exame será aplicado no dia 16 do mesmo mês, em auditórios da Central de Integração Acadêmica. O resultado será divulgado no dia 25 de abril e a solicitação da declaração de proficiência deve ser feita no dia 26, via memorando.

Ao longo do ano, o Departamento de Letras fará outras duas ofertas do exame. A segunda oferta tem prazo de inscrição entre os dias 12 de julho e 2 de agosto, e aplicação do exame no dia 13 de agosto. Já para a terceira oferta, as inscrições serão de 7 a 30 de outubro e aplicação do exame de proficiência no dia 6 de novembro. O exame terá 10 questões objetivas de compreensão de texto no idioma de escolha do candidato. Não será permitido o uso de qualquer fonte de consulta, a exemplo de dicionário, computador, aparelho celular, tablet, entre outros.

Confira todas as normas do edital clicando AQUI.

Texto: Tatiana Brandão

O post Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Departamento de Letras e Artes, lançou edital para realização do exame de proficiência em línguas estrangeiras (Inglês, Espanhol ou Francês), voltado aos alunos dos cursos de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da Instituição. O prazo de inscrição para a primeira oferta do exame este ano segue até Leia Mais...

O post Departamento de Letras e Artes da UEPB lança edital para exame de proficiência em línguas estrangeiras apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-19 13:05:46 [post_date] => 2019-03-19 10:05:46 [post_modified_gmt] => 2019-03-19 13:05:46 [post_modified] => 2019-03-19 10:05:46 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47212 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/departamento-de-letras-da-universidade-estadual-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 86e2607c3b8242e625bcd13cee3557e2 [1] => 7b71834b8d07551286276c45edc35123 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => departamento-de-letras-e-artes-da-uepb-lanca-edital-para-exame-de-proficiencia-em-linguas-estrangeiras )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão

Array ( [post_title] => Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão [post_content] =>

O Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) dará início, no próximo dia 20 de março, a uma série de quatro novos cursos de extensão no semestre 2019/1. Estarão à disposição dos estudantes os cursos “Hermenêutica da Língua Grega”, das 11h às 12h; “Hermenêutica da Língua Grega I”, das 14h às 16h; “Hermenêutica da Língua Latina”, das 16h às 17h; e novamente “Hermenêutica da Língua Grega”, no horário das 17h às 18h. As aulas serão ministradas pelo professor da UEPB, Alessandro Giordano.

Os cursos serão oferecidos sempre às quartas-feiras, seguindo a ordem estabelecida acima. As aulas acontecerão na Sala 125 da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó. Os interessados devem enviar um e-mail com seu nome completo e a instituição para o endereço neplataoantiguidade@gmail.com. A coordenação do Núcleo é da professora Solange Norjosa.

Professor Alessandro Giordano é graduado em Língua e Literatura Espanhola pelo Instituto Oriental de Nápoles, na Itália. Desde 2008 é professor substituto de Literatura Espanhola e Hispâno-Americana no Departamento de Letras de Artes da UEPB. É pesquisador do Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade, colaborador no projeto de pesquisa Laboratório de Línguas Estrangeiras e professor de Língua Espanhola e Língua Italiana, além de presidente da Associação de Professores de Espanhol do Estado da Paraíba.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) dará início, no próximo dia 20 de março, a uma série de quatro novos cursos de extensão no semestre 2019/1. Estarão à disposição dos estudantes os cursos “Hermenêutica da Língua Grega”, das 11h às 12h; “Hermenêutica da Língua Grega I”, das 14h Leia Mais...

O post Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-14 17:57:38 [post_date] => 2019-03-14 14:57:38 [post_modified_gmt] => 2019-03-14 17:57:38 [post_modified] => 2019-03-14 14:57:38 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47062 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8728009b5fd4b20984d17c86a3622fa1 [1] => c582a1fb073a0da7cb04d7bf79d7462b ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão

Array ( [post_title] => Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão [post_content] =>

O Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) dará início, no próximo dia 20 de março, a uma série de quatro novos cursos de extensão no semestre 2019/1. Estarão à disposição dos estudantes os cursos “Hermenêutica da Língua Grega”, das 11h às 12h; “Hermenêutica da Língua Grega I”, das 14h às 16h; “Hermenêutica da Língua Latina”, das 16h às 17h; e novamente “Hermenêutica da Língua Grega”, no horário das 17h às 18h. As aulas serão ministradas pelo professor da UEPB, Alessandro Giordano.

Os cursos serão oferecidos sempre às quartas-feiras, seguindo a ordem estabelecida acima. As aulas acontecerão na Sala 125 da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó. Os interessados devem enviar um e-mail com seu nome completo e a instituição para o endereço neplataoantiguidade@gmail.com. A coordenação do Núcleo é da professora Solange Norjosa.

Professor Alessandro Giordano é graduado em Língua e Literatura Espanhola pelo Instituto Oriental de Nápoles, na Itália. Desde 2008 é professor substituto de Literatura Espanhola e Hispâno-Americana no Departamento de Letras de Artes da UEPB. É pesquisador do Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade, colaborador no projeto de pesquisa Laboratório de Línguas Estrangeiras e professor de Língua Espanhola e Língua Italiana, além de presidente da Associação de Professores de Espanhol do Estado da Paraíba.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Núcleo de Estudos Platônicos e Antiguidade da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) dará início, no próximo dia 20 de março, a uma série de quatro novos cursos de extensão no semestre 2019/1. Estarão à disposição dos estudantes os cursos “Hermenêutica da Língua Grega”, das 11h às 12h; “Hermenêutica da Língua Grega I”, das 14h Leia Mais...

O post Núcleo de Estudos Platônicos do Departamento de Filosofia oferece quatro novos cursos de extensão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-14 17:57:38 [post_date] => 2019-03-14 14:57:38 [post_modified_gmt] => 2019-03-14 17:57:38 [post_modified] => 2019-03-14 14:57:38 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47062 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CEDUC – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ceduc/feed/ [syndication_feed_id] => 19 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8728009b5fd4b20984d17c86a3622fa1 [1] => c582a1fb073a0da7cb04d7bf79d7462b ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 17 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => nucleo-de-estudos-platonicos-do-departamento-de-filosofia-oferece-quatro-novos-cursos-de-extensao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área

Array ( [post_title] => 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área [post_content] =>

Em uma iniciativa do Centro Acadêmico de Licenciatura em Física (Cafís), será realizada, de 15 a 17 de maio, na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a 2ª Semana de Licenciatura em Física que contará com diferentes espaços para diálogos, discussões e debates, como sessões de pôsteres, minicursos, oficinas, mesas redondas e palestras. As atividades serão desenvolvidas no Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, e envolverão a temática “Os desafios e perspectivas para a formação do professor de Física”.

A novidade desta edição será a submissão de trabalhos dos estudantes de Física para apresentação em pôsteres. Já integrada aos eventos realizados pelo Centro de Ciências e Tecnologia da UEPB, a Semana da Licenciatura em Física tem se constituído em espaço privilegiado para a discussão entre professores, pesquisadores e graduandos, promovendo reflexões e ações de cunho político-científico-educacional.

A organização do evento entende que diante do atual contexto nacional, referente às reformas educacionais em curso, é de extrema importância debater e refletir sobre os desafios e as perspectivas para a atuação docente no ensino da Física. O público-alvo do evento são os estudantes de Licenciatura em Física, alunos de Pós-Graduação na área, professores e pesquisadores envolvidos no processo de Educação. Outras informações podem ser conferidas no endereço eeltrônico www.even3.com.br/iiself/.

Texto: Severino Lopes

O post 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Em uma iniciativa do Centro Acadêmico de Licenciatura em Física (Cafís), será realizada, de 15 a 17 de maio, na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a 2ª Semana de Licenciatura em Física que contará com diferentes espaços para diálogos, discussões e debates, como sessões de pôsteres, minicursos, oficinas, mesas redondas e palestras. As atividades serão Leia Mais...

O post 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-29 13:58:01 [post_date] => 2019-03-29 10:58:01 [post_modified_gmt] => 2019-03-29 13:58:01 [post_modified] => 2019-03-29 10:58:01 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47484 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 3df5615082e55cdb914af8f47c7fa52b [1] => d6ad147fe33a22ec8bce8a612d795bfa ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 20 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área

Array ( [post_title] => 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área [post_content] =>

Em uma iniciativa do Centro Acadêmico de Licenciatura em Física (Cafís), será realizada, de 15 a 17 de maio, na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a 2ª Semana de Licenciatura em Física que contará com diferentes espaços para diálogos, discussões e debates, como sessões de pôsteres, minicursos, oficinas, mesas redondas e palestras. As atividades serão desenvolvidas no Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande, e envolverão a temática “Os desafios e perspectivas para a formação do professor de Física”.

A novidade desta edição será a submissão de trabalhos dos estudantes de Física para apresentação em pôsteres. Já integrada aos eventos realizados pelo Centro de Ciências e Tecnologia da UEPB, a Semana da Licenciatura em Física tem se constituído em espaço privilegiado para a discussão entre professores, pesquisadores e graduandos, promovendo reflexões e ações de cunho político-científico-educacional.

A organização do evento entende que diante do atual contexto nacional, referente às reformas educacionais em curso, é de extrema importância debater e refletir sobre os desafios e as perspectivas para a atuação docente no ensino da Física. O público-alvo do evento são os estudantes de Licenciatura em Física, alunos de Pós-Graduação na área, professores e pesquisadores envolvidos no processo de Educação. Outras informações podem ser conferidas no endereço eeltrônico www.even3.com.br/iiself/.

Texto: Severino Lopes

O post 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Em uma iniciativa do Centro Acadêmico de Licenciatura em Física (Cafís), será realizada, de 15 a 17 de maio, na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a 2ª Semana de Licenciatura em Física que contará com diferentes espaços para diálogos, discussões e debates, como sessões de pôsteres, minicursos, oficinas, mesas redondas e palestras. As atividades serão Leia Mais...

O post 2ª Semana de Licenciatura em Física debaterá os desafios e as perspectivas para formação de docentes na área apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-29 13:58:01 [post_date] => 2019-03-29 10:58:01 [post_modified_gmt] => 2019-03-29 13:58:01 [post_modified] => 2019-03-29 10:58:01 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47484 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 3df5615082e55cdb914af8f47c7fa52b [1] => d6ad147fe33a22ec8bce8a612d795bfa ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 20 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 2a-semana-de-licenciatura-em-fisica-debatera-os-desafios-e-as-perspectivas-para-formacao-de-docentes-na-area )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada

Array ( [post_title] => Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoverá, entre os dias 11 e 14 de junho, a 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada (EMPA), no Câmpus de Campina Grande. O evento tem como objetivo promover o intercâmbio científico entre estudantes e pesquisadores ativos do Estado da Paraíba e de outros estados do Brasil, incentivando o envolvimento de estudantes e professores de Matemática e áreas afins a participarem de atividades que venham a contribuir para sua melhor qualificação, formação científica e profissional.

A plenária de abertura do encontro está marcada para as 20h do dia 11 de junho, com a participação de Daniel Cordeiro. Outras informações podem ser obtidas pelo site https://sites.google.com/view/empa-uepb/ ou pelo e-mail uepbempa@gmail.com.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoverá, entre os dias 11 e 14 de junho, a 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada (EMPA), no Câmpus de Campina Grande. O evento tem como objetivo promover o intercâmbio científico entre estudantes e pesquisadores ativos do Estado da Paraíba e de outros estados do Brasil, Leia Mais...

O post Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-28 17:51:19 [post_date] => 2019-03-28 14:51:19 [post_modified_gmt] => 2019-03-28 17:51:19 [post_modified] => 2019-03-28 14:51:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47463 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => ac4c8fa5adc7008cbcb0a33585437ac5 [1] => 8f1c7c2905c28da34edea7ec115f4914 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 11 [1] => 16 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada

Array ( [post_title] => Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada [post_content] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoverá, entre os dias 11 e 14 de junho, a 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada (EMPA), no Câmpus de Campina Grande. O evento tem como objetivo promover o intercâmbio científico entre estudantes e pesquisadores ativos do Estado da Paraíba e de outros estados do Brasil, incentivando o envolvimento de estudantes e professores de Matemática e áreas afins a participarem de atividades que venham a contribuir para sua melhor qualificação, formação científica e profissional.

A plenária de abertura do encontro está marcada para as 20h do dia 11 de junho, com a participação de Daniel Cordeiro. Outras informações podem ser obtidas pelo site https://sites.google.com/view/empa-uepb/ ou pelo e-mail uepbempa@gmail.com.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoverá, entre os dias 11 e 14 de junho, a 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada (EMPA), no Câmpus de Campina Grande. O evento tem como objetivo promover o intercâmbio científico entre estudantes e pesquisadores ativos do Estado da Paraíba e de outros estados do Brasil, Leia Mais...

O post Universidade Estadual da Paraíba promove 5ª edição do Encontro de Matemática Pura e Aplicada apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-28 17:51:19 [post_date] => 2019-03-28 14:51:19 [post_modified_gmt] => 2019-03-28 17:51:19 [post_modified] => 2019-03-28 14:51:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47463 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => ac4c8fa5adc7008cbcb0a33585437ac5 [1] => 8f1c7c2905c28da34edea7ec115f4914 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 11 [1] => 16 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-da-paraiba-promove-5a-edicao-do-encontro-de-matematica-pura-e-aplicada )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1

Array ( [post_title] => Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 [post_content] =>

A Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática (PROFMAT) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) informa que o Exame de Qualificação ENQ 2019.1 será realizado neste sábado (9), das 14h às 18h, na Sala C 203 do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande.

O candidato deve estar no local de prova 30 minutos antes do horário de início do exame. É necessário apresentar documento de identificação oficial com foto e assinar a lista de presenças no início da prova. Outras informações podem ser obtidas na Secretaria do PROFMAT ou pelo telefone (83) 3344-5332. Confira todas as normas do Exame de Qualificação 2019.1 clicando AQUI.

O post Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática (PROFMAT) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) informa que o Exame de Qualificação ENQ 2019.1 será realizado neste sábado (9), das 14h às 18h, na Sala C 203 do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande. O candidato deve estar no local de Leia Mais...

O post Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-07 12:54:34 [post_date] => 2019-03-07 09:54:34 [post_modified_gmt] => 2019-03-07 12:54:34 [post_modified] => 2019-03-07 09:54:34 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46853 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f24ad9b28cfc9c3319f57d9ed0c253fc [1] => 9fd03abe38b493ea829b8e26cd5b2775 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1 )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1

Array ( [post_title] => Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 [post_content] =>

A Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática (PROFMAT) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) informa que o Exame de Qualificação ENQ 2019.1 será realizado neste sábado (9), das 14h às 18h, na Sala C 203 do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande.

O candidato deve estar no local de prova 30 minutos antes do horário de início do exame. É necessário apresentar documento de identificação oficial com foto e assinar a lista de presenças no início da prova. Outras informações podem ser obtidas na Secretaria do PROFMAT ou pelo telefone (83) 3344-5332. Confira todas as normas do Exame de Qualificação 2019.1 clicando AQUI.

O post Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática (PROFMAT) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) informa que o Exame de Qualificação ENQ 2019.1 será realizado neste sábado (9), das 14h às 18h, na Sala C 203 do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande. O candidato deve estar no local de Leia Mais...

O post Coordenação do Mestrado Profissional em Matemática da UEPB informa sobre Exame de Qualificação 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-07 12:54:34 [post_date] => 2019-03-07 09:54:34 [post_modified_gmt] => 2019-03-07 12:54:34 [post_modified] => 2019-03-07 09:54:34 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46853 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f24ad9b28cfc9c3319f57d9ed0c253fc [1] => 9fd03abe38b493ea829b8e26cd5b2775 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => coordenacao-do-mestrado-profissional-em-matematica-da-uepb-informa-sobre-exame-de-qualificacao-2019-1 )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais

Array ( [post_title] => Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais [post_content] =>

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) divulgou edital de seleção para alunos especiais com um total de 117 vagas para o curso de Mestrado, referente ao semestre 2019/1. Para se matricular como aluno especial o aluno deve entrar em contato direto, via e-mail, com o professor da disciplina de seu interesse.

Para se inscrever, o aluno deve apresentar cópia do Diploma de Graduação, RDM atualizado, ficha de inscrição preenchida e o formulário para cadastro no Sistema Acadêmico. As inscrições ocorrerão, exclusiva e impreterivelmente, no primeiro dia de aula do docente responsável pela disciplina, marcadas para ocorrer nos dias 18 e 19 de fevereiro. Outras informações sobre o PPGECEM podem ser obtidas no site do Programa, acessível no endereço http://posgraduacao.uepb.edu.br/ppgecm/.

Confira o edital completo com a distribuição de vagas para cada disciplina clicando AQUI.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) divulgou edital de seleção para alunos especiais com um total de 117 vagas para o curso de Mestrado, referente ao semestre 2019/1. Para se matricular como aluno especial o aluno deve entrar em contato direto, via e-mail, Leia Mais...

O post Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-07 15:11:59 [post_date] => 2019-02-07 12:11:59 [post_modified_gmt] => 2019-02-07 15:11:59 [post_modified] => 2019-02-07 12:11:59 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46300 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a1620c679aaa5b07b210224902d8a47a [1] => c195523f1271f10f827fdbf146bed09f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais

Array ( [post_title] => Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais [post_content] =>

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) divulgou edital de seleção para alunos especiais com um total de 117 vagas para o curso de Mestrado, referente ao semestre 2019/1. Para se matricular como aluno especial o aluno deve entrar em contato direto, via e-mail, com o professor da disciplina de seu interesse.

Para se inscrever, o aluno deve apresentar cópia do Diploma de Graduação, RDM atualizado, ficha de inscrição preenchida e o formulário para cadastro no Sistema Acadêmico. As inscrições ocorrerão, exclusiva e impreterivelmente, no primeiro dia de aula do docente responsável pela disciplina, marcadas para ocorrer nos dias 18 e 19 de fevereiro. Outras informações sobre o PPGECEM podem ser obtidas no site do Programa, acessível no endereço http://posgraduacao.uepb.edu.br/ppgecm/.

Confira o edital completo com a distribuição de vagas para cada disciplina clicando AQUI.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) divulgou edital de seleção para alunos especiais com um total de 117 vagas para o curso de Mestrado, referente ao semestre 2019/1. Para se matricular como aluno especial o aluno deve entrar em contato direto, via e-mail, Leia Mais...

O post Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática faz seleção com 117 vagas para alunos especiais apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-07 15:11:59 [post_date] => 2019-02-07 12:11:59 [post_modified_gmt] => 2019-02-07 15:11:59 [post_modified] => 2019-02-07 12:11:59 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46300 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a1620c679aaa5b07b210224902d8a47a [1] => c195523f1271f10f827fdbf146bed09f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => mestrado-em-ensino-de-ciencias-e-educacao-matematica-faz-selecao-com-117-vagas-para-alunos-especiais )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1

Array ( [post_title] => Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 [post_content] =>

A coordenação do Polo da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) divulgou edital de seleção destinado a aluno especial para o semestre 2019/1. Os alunos interessados em participar devem enviar o pedido de inscrição até o próximo dia 12 para o e-mail mnpef.cg@gmail.com. O resultado será divulgado no dia 14 de fevereiro, no site do polo Campina Grande do MNPEF.

Estão sendo oferecidas 13 vagas, distribuídas nas seguintes disciplinas: “Fundamentos Teóricos em Ensino e Aprendizagem” (5 vagas), “Mecânica Quântica” (3 vagas), “Eletromagnetismo” (3 vagas) e “Marcos no Desenvolvimento da Física” (2 vagas).

As aulas serão iniciadas no dia 15 de fevereiro, nas sextas e sábados, sendo que apenas na disciplina “Marcos no Desenvolvimento da Física” as aulas serão aos sábados, das 8h às 12h. As ementas das disciplinas podem ser consultadas clicando AQUI. Confira todas as informações do edital clicando AQUI.

Texto: Severino Lopes

O post Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A coordenação do Polo da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) divulgou edital de seleção destinado a aluno especial para o semestre 2019/1. Os alunos interessados em participar devem enviar o pedido de inscrição até o próximo dia 12 para o e-mail mnpef.cg@gmail.com. O resultado será divulgado Leia Mais...

O post Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-07 13:14:30 [post_date] => 2019-02-07 10:14:30 [post_modified_gmt] => 2019-02-07 13:14:30 [post_modified] => 2019-02-07 10:14:30 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46279 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b2652837640bc909892fb4276a0e3da5 [1] => aee07d4dfcfae140c02f6afd123dd4d9 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1 )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1

Array ( [post_title] => Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 [post_content] =>

A coordenação do Polo da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) divulgou edital de seleção destinado a aluno especial para o semestre 2019/1. Os alunos interessados em participar devem enviar o pedido de inscrição até o próximo dia 12 para o e-mail mnpef.cg@gmail.com. O resultado será divulgado no dia 14 de fevereiro, no site do polo Campina Grande do MNPEF.

Estão sendo oferecidas 13 vagas, distribuídas nas seguintes disciplinas: “Fundamentos Teóricos em Ensino e Aprendizagem” (5 vagas), “Mecânica Quântica” (3 vagas), “Eletromagnetismo” (3 vagas) e “Marcos no Desenvolvimento da Física” (2 vagas).

As aulas serão iniciadas no dia 15 de fevereiro, nas sextas e sábados, sendo que apenas na disciplina “Marcos no Desenvolvimento da Física” as aulas serão aos sábados, das 8h às 12h. As ementas das disciplinas podem ser consultadas clicando AQUI. Confira todas as informações do edital clicando AQUI.

Texto: Severino Lopes

O post Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A coordenação do Polo da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) divulgou edital de seleção destinado a aluno especial para o semestre 2019/1. Os alunos interessados em participar devem enviar o pedido de inscrição até o próximo dia 12 para o e-mail mnpef.cg@gmail.com. O resultado será divulgado Leia Mais...

O post Mestrado Profissional em Ensino de Física divulga edital de aluno especial para o semestre 2019.1 apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-02-07 13:14:30 [post_date] => 2019-02-07 10:14:30 [post_modified_gmt] => 2019-02-07 13:14:30 [post_modified] => 2019-02-07 10:14:30 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46279 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => b2652837640bc909892fb4276a0e3da5 [1] => aee07d4dfcfae140c02f6afd123dd4d9 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 16 [1] => 5 [2] => 13 [3] => 10 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => mestrado-profissional-em-ensino-de-fisica-divulga-edital-de-aluno-especial-para-o-semestre-2019-1 )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB

Array ( [post_title] => Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) colaram grau acadêmico, nesta sexta-feira (21), e estão aptos para ingresso no mercado de trabalho.

A Assembleia Solene de Colação de Grau do período letivo 2018.1 dos câmpus I e II aconteceu na casa de shows Spazzio, em Campina Grande, e contou com a participação dos concluintes dos cursos do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CEDUC) e do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA). Também colaram grau os formandos do curso de Administração Pública na modalidade de Educação a Distância.

Presidida pelo reitor Rangel Junior, a cerimônia fechou o calendário de colações de grau da UEPB do período 2018.1 e reuniu professores e pró-reitores da Instituição, diretores de Centros, familiares, amigos dos formandos, além da secretária de Educação de Campina Grande, professora Iolanda Barbosa, que representou o prefeito Romero Rodrigues no evento.

O primeiro ato da solenidade foi a entrada da congregação de professores de todos os Centros que integram os câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca, seguido da execução do Hino Nacional. Um dos momentos empolgantes da solenidade foi a entrada do Paraninfo Geral das turmas concluintes, o dramaturgo, escritor e poeta Bráulio Tavares, conduzido pela Comissão de Honra formada por alunos dos cursos de Ciências Biológicas, Química Industrial, Filosofia, Direito, Serviço Social e Agroecologia.

Antes de colar o grau acadêmico os futuros profissionais prestaram o juramento e se comprometeram em honrar os princípios da UEPB, lutar para aperfeiçoar a ciência e a técnica e transformar os conhecimentos adquiridos para trabalhar em prol de uma sociedade melhor, mais justa e solidária. Com braço erguido, voz forte e emoção, a formanda Ayane Ribeiro de Oliveira Duarte, do curso de Psicologia, fez o juramento em nome dos concluintes e, todos, com braços estendidos, repetiram as palavras da juramentista.

O Orador Oficial foi o formando Sandro Roberto de Araújo, do curso de Odontologia. Ele discorreu sobre os principais momentos dos concluintes, desde a chegada da Universidade até a conclusão do curso. Sandro falou das amizades construídas ao longo dos cursos, dos desafios, dos sonhos e das vitórias, destacando que o momento era marcante e ficará eternizado na memória de todos os formandos. Ele lembrou que a trajetória, desde o primeiro dia de aula, foi árdua e exigiu renúncia, esforço e persistência na busca do sonho. No final, o Orador agradeceu a Deus, aos pais e aos professores da UEPB e garantiu que os novos profissionais vão usar todo o potencial em benefício da sociedade.

Aguardado com muita expectativa, o Paraninfo Geral fez um discurso emocionante, em que mesclou poesia, arte, literatura e conselhos. Bráulio começou o seu discurso saudando os professores, a quem tratou de detentores do conhecimento, do saber e de uma das mais sublimes e nobres profissões do Brasil. Ao longo de seu discurso, ele enfatizou a necessidade dos formandos não pararem de buscar novos conhecimentos, mas continuarem firmes na estrada do estudo.

O poeta e escritor disse que nunca deixou de estudar e que o saber, as artes, a literatura e a ciência são indispensáveis para mudar o mundo, tornando-o melhor. Ele citou o paraibano Ariano Suassuna, sempre enfatizando a importância da busca pelo saber. Ressaltou que, mesmo formados, os novos profissionais não estão totalmente prontos para a vida, cujo aprendizado é permanecente. “Vocês chegaram aqui com mérito e esforço. Nunca deixem de estudar, pois a vida é um aprendizado constante”, disse.

A solenidade prosseguiu com o discurso do pró-reitor de Graduação, professor Eli Brandão. Usando poesias, citações e muitos conselhos, Eli falou de sonhos, de esperança, de indignação e coragem. O professor enfatizou que os sonhos dos concluintes é o mesmo da UEPB, que está profundamente enraizada e comprometida com o Estado da Paraíba. “Para vocês terem uma ideia, 93% dos estudantes dessa Universidade procedem de cidades da Paraíba e 99% são de cidades do Nordeste, enquanto 6% são de outras cidades vizinhas à Paraíba”, destacou.

O pró-reitor ressaltou que o contexto atual é preocupante e o futuro ainda é uma incógnita, mas os novos profissionais não devem perder a esperança e devem persistir na luta por dias melhores e por uma sociedade justa e fraterna. Ele conclamou os concluintes a defenderem a universidade pública e gratuita para que o sonhe realizado por mais de 1.300 formandos neste período letivo se concretize com outros estudantes no futuro. Ele observou ainda que a UEPB estava devolvendo à sociedade profissionais aptos para enfrentar o mercado de trabalho.

Antes do encerramento da solenidade, o reitor Rangel Junior transmitiu sua mensagem aos graduandos e parabenizou a todos pela conquista. O reitor enfatizou que o sonho realizado pelos concluintes é fruto do esforço e da luta dos pais de todos. “Esse momento é muito importante para vocês e para nós. Esse dia de hoje é importante para vocês, que estão concluindo o curso de Graduação, que tiveram coragem e muita persistência. Sem dúvida alguma, todo mundo aqui tem uma pequena dosagem de heroísmo. Mas não esqueçam que por trás da história de vocês tinha gente fazendo heroísmo todos os dias, que foram os pais e as mães de vocês. A eles, vocês devem toda reverência”, destacou.

Ao final da solenidade foi feita a conferência de grau acadêmico aos formandos. O formando Alécio Marlon Pereira Diniz, do curso de Odontologia, recebeu o grau conferido pela professora Alessandra Teixeira, representando os colegas do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. O concluinte Paulo Sérgio Cavalcante Bezerra Leite, do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental, recebeu o grau em nome dos formandos do Centro de Ciência e Tecnologia, conferido pela professora Maria Isabelle Dias.

Os concluintes do Centro de Educação foram representados pela formanda Amanda Tayse de Sena Silva Santos, do curso de Pedagogia, que recebeu o grau conferido pelo professor Francisco de Assis Batista. Os concluintes do Centro de Ciências Jurídicas foram representados pela formanda Andréia Luisa dos Santos Lima, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Laplace Guedes Alcoforado Leite de Carvalho.

Em nome dos formandos do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, a formanda Isabely Silva Garcia, do curso de Comunicação Social, recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Geraldo Medeiros. Os formandos do Curso de Agroecologia, do Câmpus de Lagoa Seca, foram representados pelo concluinte Ângelo Túlio de Araújo Maia, que recebeu o grau conferido pelo professor e diretor do Centro de Ciências Ambientais e Agrárias, José Félix de Brito Neto. A solenidade foi encerrada pelo professor Rangel Junior, com muita vibração dos formados.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Leia Mais...

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_date] => 2018-12-22 14:56:04 [post_modified_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_modified] => 2018-12-22 14:56:04 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45956 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 445cde141db75d8bd29d654459a28d05 [1] => 463893788b9cfe7482bac7fa419c9495 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 15 [2] => 14 [3] => 27 [4] => 16 [5] => 17 [6] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB

Array ( [post_title] => Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) colaram grau acadêmico, nesta sexta-feira (21), e estão aptos para ingresso no mercado de trabalho.

A Assembleia Solene de Colação de Grau do período letivo 2018.1 dos câmpus I e II aconteceu na casa de shows Spazzio, em Campina Grande, e contou com a participação dos concluintes dos cursos do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CEDUC) e do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA). Também colaram grau os formandos do curso de Administração Pública na modalidade de Educação a Distância.

Presidida pelo reitor Rangel Junior, a cerimônia fechou o calendário de colações de grau da UEPB do período 2018.1 e reuniu professores e pró-reitores da Instituição, diretores de Centros, familiares, amigos dos formandos, além da secretária de Educação de Campina Grande, professora Iolanda Barbosa, que representou o prefeito Romero Rodrigues no evento.

O primeiro ato da solenidade foi a entrada da congregação de professores de todos os Centros que integram os câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca, seguido da execução do Hino Nacional. Um dos momentos empolgantes da solenidade foi a entrada do Paraninfo Geral das turmas concluintes, o dramaturgo, escritor e poeta Bráulio Tavares, conduzido pela Comissão de Honra formada por alunos dos cursos de Ciências Biológicas, Química Industrial, Filosofia, Direito, Serviço Social e Agroecologia.

Antes de colar o grau acadêmico os futuros profissionais prestaram o juramento e se comprometeram em honrar os princípios da UEPB, lutar para aperfeiçoar a ciência e a técnica e transformar os conhecimentos adquiridos para trabalhar em prol de uma sociedade melhor, mais justa e solidária. Com braço erguido, voz forte e emoção, a formanda Ayane Ribeiro de Oliveira Duarte, do curso de Psicologia, fez o juramento em nome dos concluintes e, todos, com braços estendidos, repetiram as palavras da juramentista.

O Orador Oficial foi o formando Sandro Roberto de Araújo, do curso de Odontologia. Ele discorreu sobre os principais momentos dos concluintes, desde a chegada da Universidade até a conclusão do curso. Sandro falou das amizades construídas ao longo dos cursos, dos desafios, dos sonhos e das vitórias, destacando que o momento era marcante e ficará eternizado na memória de todos os formandos. Ele lembrou que a trajetória, desde o primeiro dia de aula, foi árdua e exigiu renúncia, esforço e persistência na busca do sonho. No final, o Orador agradeceu a Deus, aos pais e aos professores da UEPB e garantiu que os novos profissionais vão usar todo o potencial em benefício da sociedade.

Aguardado com muita expectativa, o Paraninfo Geral fez um discurso emocionante, em que mesclou poesia, arte, literatura e conselhos. Bráulio começou o seu discurso saudando os professores, a quem tratou de detentores do conhecimento, do saber e de uma das mais sublimes e nobres profissões do Brasil. Ao longo de seu discurso, ele enfatizou a necessidade dos formandos não pararem de buscar novos conhecimentos, mas continuarem firmes na estrada do estudo.

O poeta e escritor disse que nunca deixou de estudar e que o saber, as artes, a literatura e a ciência são indispensáveis para mudar o mundo, tornando-o melhor. Ele citou o paraibano Ariano Suassuna, sempre enfatizando a importância da busca pelo saber. Ressaltou que, mesmo formados, os novos profissionais não estão totalmente prontos para a vida, cujo aprendizado é permanecente. “Vocês chegaram aqui com mérito e esforço. Nunca deixem de estudar, pois a vida é um aprendizado constante”, disse.

A solenidade prosseguiu com o discurso do pró-reitor de Graduação, professor Eli Brandão. Usando poesias, citações e muitos conselhos, Eli falou de sonhos, de esperança, de indignação e coragem. O professor enfatizou que os sonhos dos concluintes é o mesmo da UEPB, que está profundamente enraizada e comprometida com o Estado da Paraíba. “Para vocês terem uma ideia, 93% dos estudantes dessa Universidade procedem de cidades da Paraíba e 99% são de cidades do Nordeste, enquanto 6% são de outras cidades vizinhas à Paraíba”, destacou.

O pró-reitor ressaltou que o contexto atual é preocupante e o futuro ainda é uma incógnita, mas os novos profissionais não devem perder a esperança e devem persistir na luta por dias melhores e por uma sociedade justa e fraterna. Ele conclamou os concluintes a defenderem a universidade pública e gratuita para que o sonhe realizado por mais de 1.300 formandos neste período letivo se concretize com outros estudantes no futuro. Ele observou ainda que a UEPB estava devolvendo à sociedade profissionais aptos para enfrentar o mercado de trabalho.

Antes do encerramento da solenidade, o reitor Rangel Junior transmitiu sua mensagem aos graduandos e parabenizou a todos pela conquista. O reitor enfatizou que o sonho realizado pelos concluintes é fruto do esforço e da luta dos pais de todos. “Esse momento é muito importante para vocês e para nós. Esse dia de hoje é importante para vocês, que estão concluindo o curso de Graduação, que tiveram coragem e muita persistência. Sem dúvida alguma, todo mundo aqui tem uma pequena dosagem de heroísmo. Mas não esqueçam que por trás da história de vocês tinha gente fazendo heroísmo todos os dias, que foram os pais e as mães de vocês. A eles, vocês devem toda reverência”, destacou.

Ao final da solenidade foi feita a conferência de grau acadêmico aos formandos. O formando Alécio Marlon Pereira Diniz, do curso de Odontologia, recebeu o grau conferido pela professora Alessandra Teixeira, representando os colegas do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. O concluinte Paulo Sérgio Cavalcante Bezerra Leite, do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental, recebeu o grau em nome dos formandos do Centro de Ciência e Tecnologia, conferido pela professora Maria Isabelle Dias.

Os concluintes do Centro de Educação foram representados pela formanda Amanda Tayse de Sena Silva Santos, do curso de Pedagogia, que recebeu o grau conferido pelo professor Francisco de Assis Batista. Os concluintes do Centro de Ciências Jurídicas foram representados pela formanda Andréia Luisa dos Santos Lima, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Laplace Guedes Alcoforado Leite de Carvalho.

Em nome dos formandos do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, a formanda Isabely Silva Garcia, do curso de Comunicação Social, recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Geraldo Medeiros. Os formandos do Curso de Agroecologia, do Câmpus de Lagoa Seca, foram representados pelo concluinte Ângelo Túlio de Araújo Maia, que recebeu o grau conferido pelo professor e diretor do Centro de Ciências Ambientais e Agrárias, José Félix de Brito Neto. A solenidade foi encerrada pelo professor Rangel Junior, com muita vibração dos formados.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma noite inesquecível. Tempo para celebrar uma conquista e se preparar para os desafios de um futuro que já se descortina. A chegada é também o ponto de partida e recomeço de uma nova jornada. Com esses sentimentos, 715 formandos de 29 cursos de graduação dos câmpus de Campina Grande e Lagoa Seca da Universidade Leia Mais...

O post Colação de Grau das turmas concluintes dos câmpus I e II fecha ciclo de formaturas do período 2018.1 da UEPB apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_date] => 2018-12-22 14:56:04 [post_modified_gmt] => 2018-12-22 17:56:04 [post_modified] => 2018-12-22 14:56:04 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45956 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCT – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cct/feed/ [syndication_feed_id] => 16 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 445cde141db75d8bd29d654459a28d05 [1] => 463893788b9cfe7482bac7fa419c9495 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 15 [2] => 14 [3] => 27 [4] => 16 [5] => 17 [6] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-das-turmas-concluintes-dos-campus-i-e-ii-fecha-ciclo-de-formaturas-do-periodo-2018-1-da-uepb )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática [post_content] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Monteiro, realizada, nos dias 26 e 27 de abril, o 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática (EEPEM), evento que busca desenvolver reflexões e conhecimentos sobre o ensino da Matemática e a pesquisa de graduação e pós-graduação em Educação Matemática, bem como promover interações de profissionais da Educação interessados na melhoria do ensino nas escolas públicas.

Trata-se de uma iniciativa do Grupo de Pesquisa em Resolução de Problemas e Educação Matemática (GPRPEM) e do Programa da Residência Pedagógica da Instituição. Podem participar estudantes de Licenciatura e Pós-Graduação em Matemática, professores que ensinam Matemática nos diversos níveis de ensino, coordenadores e diretores de escolas e demais interessados em Educação Matemática. As inscrições devem ser realizadas no próprio local do evento ou pelo e-mail eepem.uepb@gmail.com, até o dia 25 de abril.

Na programação, estão previstos debates sobre temas como “O Ensino e a Pesquisa: temas em contínua discussão”, “Letramento e Ensino: práticas sociais no contexto da Residência Pedagógica”, “Resolução de Problemas e Sala de Aula”, “Grupos de Pesquisa: uma conversa a partir de diferentes visões”, “A pesquisa em Educação Matemática na Sala de Aula e na formação do professor”, além de oficinas e salas temáticas com relatos de experiências a serem compartilhados.

De acordo com os organizadores do evento, o ensino e a pesquisa em Educação Matemática ocupam papel importante em todos os níveis de ensino, constituindo-se em uma área imprescindível para o desenvolvimento científico e tecnológico e para a formação de seres pensantes, críticos e criativos. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3351-2970, pelo site
https://sites.google.com/view/eepem-uepb ou pelo e-mail eepem.uepb@gmail.com. Confira abaixo a programação completa do 1º EEPEM.

O post Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Monteiro, realizada, nos dias 26 e 27 de abril, o 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática (EEPEM), evento que busca desenvolver reflexões e conhecimentos sobre o ensino da Matemática e a pesquisa de graduação e pós-graduação em Leia Mais...

O post Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-02 18:50:59 [post_date] => 2019-04-02 15:50:59 [post_modified_gmt] => 2019-04-02 18:50:59 [post_modified] => 2019-04-02 15:50:59 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47550 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => e1031844befac29d3a8d302a64d80165 [1] => fda61922229d9d5474ea0c449ac271df ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática [post_content] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Monteiro, realizada, nos dias 26 e 27 de abril, o 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática (EEPEM), evento que busca desenvolver reflexões e conhecimentos sobre o ensino da Matemática e a pesquisa de graduação e pós-graduação em Educação Matemática, bem como promover interações de profissionais da Educação interessados na melhoria do ensino nas escolas públicas.

Trata-se de uma iniciativa do Grupo de Pesquisa em Resolução de Problemas e Educação Matemática (GPRPEM) e do Programa da Residência Pedagógica da Instituição. Podem participar estudantes de Licenciatura e Pós-Graduação em Matemática, professores que ensinam Matemática nos diversos níveis de ensino, coordenadores e diretores de escolas e demais interessados em Educação Matemática. As inscrições devem ser realizadas no próprio local do evento ou pelo e-mail eepem.uepb@gmail.com, até o dia 25 de abril.

Na programação, estão previstos debates sobre temas como “O Ensino e a Pesquisa: temas em contínua discussão”, “Letramento e Ensino: práticas sociais no contexto da Residência Pedagógica”, “Resolução de Problemas e Sala de Aula”, “Grupos de Pesquisa: uma conversa a partir de diferentes visões”, “A pesquisa em Educação Matemática na Sala de Aula e na formação do professor”, além de oficinas e salas temáticas com relatos de experiências a serem compartilhados.

De acordo com os organizadores do evento, o ensino e a pesquisa em Educação Matemática ocupam papel importante em todos os níveis de ensino, constituindo-se em uma área imprescindível para o desenvolvimento científico e tecnológico e para a formação de seres pensantes, críticos e criativos. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3351-2970, pelo site
https://sites.google.com/view/eepem-uepb ou pelo e-mail eepem.uepb@gmail.com. Confira abaixo a programação completa do 1º EEPEM.

O post Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Monteiro, realizada, nos dias 26 e 27 de abril, o 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática (EEPEM), evento que busca desenvolver reflexões e conhecimentos sobre o ensino da Matemática e a pesquisa de graduação e pós-graduação em Leia Mais...

O post Centro de Ciências Humanas e Exatas promove 1º Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-02 18:50:59 [post_date] => 2019-04-02 15:50:59 [post_modified_gmt] => 2019-04-02 18:50:59 [post_modified] => 2019-04-02 15:50:59 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47550 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => e1031844befac29d3a8d302a64d80165 [1] => fda61922229d9d5474ea0c449ac271df ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-humanas-e-exatas-promove-1o-encontro-de-ensino-e-pesquisa-em-educacao-matematica )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis

Array ( [post_title] => Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A tarde desta segunda-feira (17) foi de celebração para 46 jovens estudantes do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Câmpus VI, localizado na cidade de Monteiro. Após quatro anos de atividades acadêmicas, estudantes dos cursos de Letras, Matemática e Ciências Contábeis colaram grau, se credenciando como novos profissionais para atuarem no mercado de trabalho. O evento, que marcou o fim do semestre letivo 2018.1, contou com a presença de professores, servidores, familiares e amigos dos formandos e aconteceu no Salão de Recepção da Churrascaria Cariri.

A solenidade foi presidida pelo pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, que na ocasião representou o reitor Rangel Junior. Para confirmar o compromisso com a nova atuação, os formandos prestaram juramento perante os presentes. A responsável em conduzir esse momento foi a estudante Ângela Bárbara Silva de Aquino Barbosa, do curso de Licenciatura em Letras/Português. Posteriormente foi a vez do Orador Oficial das turmas, o aluno Anderson Rany Cardoso da Silva, também do curso de Letras/Português. Em seu discurso, ele agradeceu o empenho dos professores e servidores do Câmpus, enalteceu a dedicação dos familiares e destacou o papel que a UEPB tem na vida de todos.

“O papel da Universidade não é somente nos oferecer condições suficientes para a conclusão do curso. Ela serve para o enriquecimento intelectual, formação de cidadãos e seres de resistência. O Câmpus Pinto do Monteiro não serve somente para preparar pessoas para uma sala de aula ou para um escritório. Ele serve para evidenciar que uma universidade gera empregos, renda, acrescenta na economia e promove o crescimento crítico da população”, disse o Orador.

Escolhida como Paraninfa Geral das turmas concluintes do semestre 2018.1, e ex-servidora Gilmária de Sousa Melo não escondeu a surpresa e satisfação em ser escolhida para tal homenagem. Segundo ela, esse momento é de grande felicidade por saber que, de alguma forma, fez parte da vida acadêmica dos formandos. Gilmária, que é formada pelo Câmpus VI da UEPB, desejou que todos tenham um caminho profissional pautado na ética, no amor e na humildade, e que, acima de tudo, tenham prazer em realizar suas atividades profissionais.

“Não esqueçam de ser felizes. Se preciso for, tentem, e se não der certo, recomecem. Não desistam, para que vocês possam contribuir para a construção de mundo melhor. Eu não poderia deixar de expressar a minha gratidão ao Câmpus VI pelos sete anos de muito aprendizado e crescimento pessoal que tive. Sou muito grata a todos. Durante esse tempo tive a oportunidade de trabalhar com pessoas maravilhosas, que me ajudaram bastante. Que vocês, formandos, lutem por seus ideais, não desistam e nunca, em momento algum, esqueçam de onde vieram, porque o mais valioso que temos em nossas vidas é a nossa família”, disse a Paraninfa.

Na cerimônia de conferência do grau acadêmico, a concluinte Yonara Brito de Farias representou os estudantes do Bacharelado em Ciências Contábeis e recebeu o grau conferido pela professora Ilcleidene Pereira de Freitas, coordenadora do curso. Já o formando Fábio Emanoel Félix Azevedo, representou seus colegas do curso de Letras/Português e recebeu o grau acadêmico conferido pela professora Melânia Nóbrega Pereira de Faria, coordenadora adjunta do curso de Letras. A professora também conferiu o grau acadêmico a Renata Rodrigues Feitosa, que representou os formandos do curso de Letras/Espanhol. Encerrando a conferência do grau acadêmico, o professor Luiz Lima, coordenador do curso de Matemática conferiu o gau à concluinte Roberta Tatiane Silva de Lima, que representou os demais colegas do curso.

O professor Eli Brandão, pró-reitor de Graduação da UEPB, saudou os formandos e afirmou que todos são privilegiados por concluírem um curso de graduação em uma universidade pública. Ele destacou a atuação da UEPB em todo o Estado, defendeu a Instituição e ainda afirmou que é preciso juntar forças para defender a universidade gratuita e pública de qualidade, além da democracia. Ele elencou alguns desafios que virão com o início da vida profissional de cada concluinte, contudo encorajou todos a se manterem firmes em sua jornada.

“Assim como conseguiram vencer os desafios da experiência universitária e chegaram até aqui, cremos que preservarão a luta, buscando ampliar a capacitação para suprirem as limitações da formação, conscientes de que o caminho se faz ao caminhar, plantando, regando e colhendo sementes do saber e da cidadania”, destacou professor Eli Brandão.

Também participaram da Colação de Grau, compondo a mesa solene, o professor Adeilson da Silva Tavares, diretor do CCHE; o professor Josimar Farias Cordeiro, diretor adjunto do CCHE; e a secretária de Assistência Social do município de Monteiro, Rosa Aleixo, que representou a prefeita Ana Lorena.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A tarde desta segunda-feira (17) foi de celebração para 46 jovens estudantes do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Câmpus VI, localizado na cidade de Monteiro. Após quatro anos de atividades acadêmicas, estudantes dos cursos de Letras, Matemática e Ciências Contábeis colaram grau, se credenciando como novos profissionais Leia Mais...

O post Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-18 12:46:39 [post_date] => 2018-12-18 09:46:39 [post_modified_gmt] => 2018-12-18 12:46:39 [post_modified] => 2018-12-18 09:46:39 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45778 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => c5e4472731c2d40a4d57905e0f8a4304 [1] => cd13130539049218926ea0a688896b7c ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis

Array ( [post_title] => Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A tarde desta segunda-feira (17) foi de celebração para 46 jovens estudantes do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Câmpus VI, localizado na cidade de Monteiro. Após quatro anos de atividades acadêmicas, estudantes dos cursos de Letras, Matemática e Ciências Contábeis colaram grau, se credenciando como novos profissionais para atuarem no mercado de trabalho. O evento, que marcou o fim do semestre letivo 2018.1, contou com a presença de professores, servidores, familiares e amigos dos formandos e aconteceu no Salão de Recepção da Churrascaria Cariri.

A solenidade foi presidida pelo pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, que na ocasião representou o reitor Rangel Junior. Para confirmar o compromisso com a nova atuação, os formandos prestaram juramento perante os presentes. A responsável em conduzir esse momento foi a estudante Ângela Bárbara Silva de Aquino Barbosa, do curso de Licenciatura em Letras/Português. Posteriormente foi a vez do Orador Oficial das turmas, o aluno Anderson Rany Cardoso da Silva, também do curso de Letras/Português. Em seu discurso, ele agradeceu o empenho dos professores e servidores do Câmpus, enalteceu a dedicação dos familiares e destacou o papel que a UEPB tem na vida de todos.

“O papel da Universidade não é somente nos oferecer condições suficientes para a conclusão do curso. Ela serve para o enriquecimento intelectual, formação de cidadãos e seres de resistência. O Câmpus Pinto do Monteiro não serve somente para preparar pessoas para uma sala de aula ou para um escritório. Ele serve para evidenciar que uma universidade gera empregos, renda, acrescenta na economia e promove o crescimento crítico da população”, disse o Orador.

Escolhida como Paraninfa Geral das turmas concluintes do semestre 2018.1, e ex-servidora Gilmária de Sousa Melo não escondeu a surpresa e satisfação em ser escolhida para tal homenagem. Segundo ela, esse momento é de grande felicidade por saber que, de alguma forma, fez parte da vida acadêmica dos formandos. Gilmária, que é formada pelo Câmpus VI da UEPB, desejou que todos tenham um caminho profissional pautado na ética, no amor e na humildade, e que, acima de tudo, tenham prazer em realizar suas atividades profissionais.

“Não esqueçam de ser felizes. Se preciso for, tentem, e se não der certo, recomecem. Não desistam, para que vocês possam contribuir para a construção de mundo melhor. Eu não poderia deixar de expressar a minha gratidão ao Câmpus VI pelos sete anos de muito aprendizado e crescimento pessoal que tive. Sou muito grata a todos. Durante esse tempo tive a oportunidade de trabalhar com pessoas maravilhosas, que me ajudaram bastante. Que vocês, formandos, lutem por seus ideais, não desistam e nunca, em momento algum, esqueçam de onde vieram, porque o mais valioso que temos em nossas vidas é a nossa família”, disse a Paraninfa.

Na cerimônia de conferência do grau acadêmico, a concluinte Yonara Brito de Farias representou os estudantes do Bacharelado em Ciências Contábeis e recebeu o grau conferido pela professora Ilcleidene Pereira de Freitas, coordenadora do curso. Já o formando Fábio Emanoel Félix Azevedo, representou seus colegas do curso de Letras/Português e recebeu o grau acadêmico conferido pela professora Melânia Nóbrega Pereira de Faria, coordenadora adjunta do curso de Letras. A professora também conferiu o grau acadêmico a Renata Rodrigues Feitosa, que representou os formandos do curso de Letras/Espanhol. Encerrando a conferência do grau acadêmico, o professor Luiz Lima, coordenador do curso de Matemática conferiu o gau à concluinte Roberta Tatiane Silva de Lima, que representou os demais colegas do curso.

O professor Eli Brandão, pró-reitor de Graduação da UEPB, saudou os formandos e afirmou que todos são privilegiados por concluírem um curso de graduação em uma universidade pública. Ele destacou a atuação da UEPB em todo o Estado, defendeu a Instituição e ainda afirmou que é preciso juntar forças para defender a universidade gratuita e pública de qualidade, além da democracia. Ele elencou alguns desafios que virão com o início da vida profissional de cada concluinte, contudo encorajou todos a se manterem firmes em sua jornada.

“Assim como conseguiram vencer os desafios da experiência universitária e chegaram até aqui, cremos que preservarão a luta, buscando ampliar a capacitação para suprirem as limitações da formação, conscientes de que o caminho se faz ao caminhar, plantando, regando e colhendo sementes do saber e da cidadania”, destacou professor Eli Brandão.

Também participaram da Colação de Grau, compondo a mesa solene, o professor Adeilson da Silva Tavares, diretor do CCHE; o professor Josimar Farias Cordeiro, diretor adjunto do CCHE; e a secretária de Assistência Social do município de Monteiro, Rosa Aleixo, que representou a prefeita Ana Lorena.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A tarde desta segunda-feira (17) foi de celebração para 46 jovens estudantes do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Câmpus VI, localizado na cidade de Monteiro. Após quatro anos de atividades acadêmicas, estudantes dos cursos de Letras, Matemática e Ciências Contábeis colaram grau, se credenciando como novos profissionais Leia Mais...

O post Colação de Grau 2018.1 do CCHE forma profissionais nas áreas de Letras, Matemática e Ciências Contábeis apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-18 12:46:39 [post_date] => 2018-12-18 09:46:39 [post_modified_gmt] => 2018-12-18 12:46:39 [post_modified] => 2018-12-18 09:46:39 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45778 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => c5e4472731c2d40a4d57905e0f8a4304 [1] => cd13130539049218926ea0a688896b7c ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => colacao-de-grau-2018-1-do-cche-forma-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-e-ciencias-contabeis )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas

Array ( [post_title] => Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), na cidade de Monteiro, recebeu, por parte do Governo do Estado, uma nova estrutura para o desenvolvimento das atividades acadêmicas dos cursos que integram o Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Instituição. O novo espaço foi entregue nesta terça-feira (4), em solenidade que contou com a presença do governador Ricardo Coutinho; do vice-reitor da UEPB, professor Flávio Romero Guimarães; da pró-reitora de Gestão Administrativa, professora Eliana Maia; do pró-reitor de Extensão, professor José Pereira; deputados e autoridades locais.

A nova estrutura do Câmpus de Monteiro beneficiará cerca de mil pessoas da comunidade acadêmica do CCHE. O novo prédio possui uma área de 4.465 metros quadrados e, na sua construção, foram investidos recursos da ordem de R$ 9,2 milhões. A recém-inaugurada estrutura conta com 18 salas de aula, Sala de Estudantes, Espaço de Atendimento ao Aluno, Sala de Professores, Secretaria, Sala de Reunião, Almoxarifado, Coordenação, Copa, Lavabo/Vestiários, Guarita de vigilância, Lixeira, Cozinha, WCs Masculino/Feminino e para Pessoas com Necessidades especiais (PNEs), Cantina, Cozinha, Circulação, Elevador, Reservatório elevado e enterrado; rampa de acesso ao pavimento superior, urbanização interna e subestação de 150 KVA.

Para o vice-reitor Flávio Romero, o novo prédio da UEPB é uma obra de grande relevância para Monteiro e para o Cariri, por se tratar de um bem transformador da sociedade. “Hoje temos cerca de 20 mil estudantes pela Paraíba e esse será mais um local que vai formar profissionais preparados para dar respostas à realidade social. Nosso compromisso é avançar e mostrar que podemos ser muito mais do que somos. Não é somente a oferta de graduação, mas podemos ser um grande parceiro no sentido de desenvolver políticas públicas mais focadas para a realidade do Cariri”, disse.

O diretor do Câmpus VI, professor Adeilson da Silva Tavares, destacou que o novo espaço representa conquista e desafio, uma vez que estabelece um novo tempo da Universidade Estadual no Cariri paraibano. “Com a nova estrutura, reavaliamos os 12 anos de existência da UEPB em Monteiro e traçamos perspectivas de futuro, onde possamos contribuir ainda mais com o desenvolvimento da região”, frisou. Conforme o diretor, seguindo decisão do Conselho de Centro (COC), a nova sede receberá inicialmente os cursos de Letras (Português e Espanhol) e Ciências Contábeis, que já devem iniciar o próximo semestre letivo no novo espaço. O curso de Matemática e as ações do Programa Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor) permanecem na sede antiga, até que outros dois blocos de sala sejam construídos no novo endereço para receber a estrutura completa do CCHE.

A inauguração do novo prédio da UEPB em Monteiro ocorreu junto com outras ações do Governo do Estado na localidade. Segundo o governador Ricardo Coutinho, atualmente na região do Cariri há um sentimento de progresso, uma vez que no local houve grandes transformações em diversas áreas, nos últimos anos. “Aqui encontramos uma forte agricultura familiar, hoje entregamos na área da educação um outro Câmpus da UEPB, uma obra de quase R$ 10 milhões feita com recursos próprios, há uma rede hídrica mais forte, muitas estradas foram feitas. É sempre muito bom pensar naquilo que era antes e no que foi possível fazer pelo povo do Cariri. Esta região deu um grande salto nos últimos anos”, analisou o governador.

Texto: Tatiana Brandão (Com Secom/PB)
Fotos: Secom/PB

O post Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), na cidade de Monteiro, recebeu, por parte do Governo do Estado, uma nova estrutura para o desenvolvimento das atividades acadêmicas dos cursos que integram o Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Instituição. O novo espaço foi entregue nesta terça-feira (4), em solenidade que contou Leia Mais...

O post Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-05 15:33:05 [post_date] => 2018-12-05 12:33:05 [post_modified_gmt] => 2018-12-05 15:33:05 [post_modified] => 2018-12-05 12:33:05 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45456 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a6af7a4ac0753e20c8f10b89bf786b12 [1] => ee3b0944c57a310378c81ba57ca530db ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-as-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas

Array ( [post_title] => Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), na cidade de Monteiro, recebeu, por parte do Governo do Estado, uma nova estrutura para o desenvolvimento das atividades acadêmicas dos cursos que integram o Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Instituição. O novo espaço foi entregue nesta terça-feira (4), em solenidade que contou com a presença do governador Ricardo Coutinho; do vice-reitor da UEPB, professor Flávio Romero Guimarães; da pró-reitora de Gestão Administrativa, professora Eliana Maia; do pró-reitor de Extensão, professor José Pereira; deputados e autoridades locais.

A nova estrutura do Câmpus de Monteiro beneficiará cerca de mil pessoas da comunidade acadêmica do CCHE. O novo prédio possui uma área de 4.465 metros quadrados e, na sua construção, foram investidos recursos da ordem de R$ 9,2 milhões. A recém-inaugurada estrutura conta com 18 salas de aula, Sala de Estudantes, Espaço de Atendimento ao Aluno, Sala de Professores, Secretaria, Sala de Reunião, Almoxarifado, Coordenação, Copa, Lavabo/Vestiários, Guarita de vigilância, Lixeira, Cozinha, WCs Masculino/Feminino e para Pessoas com Necessidades especiais (PNEs), Cantina, Cozinha, Circulação, Elevador, Reservatório elevado e enterrado; rampa de acesso ao pavimento superior, urbanização interna e subestação de 150 KVA.

Para o vice-reitor Flávio Romero, o novo prédio da UEPB é uma obra de grande relevância para Monteiro e para o Cariri, por se tratar de um bem transformador da sociedade. “Hoje temos cerca de 20 mil estudantes pela Paraíba e esse será mais um local que vai formar profissionais preparados para dar respostas à realidade social. Nosso compromisso é avançar e mostrar que podemos ser muito mais do que somos. Não é somente a oferta de graduação, mas podemos ser um grande parceiro no sentido de desenvolver políticas públicas mais focadas para a realidade do Cariri”, disse.

O diretor do Câmpus VI, professor Adeilson da Silva Tavares, destacou que o novo espaço representa conquista e desafio, uma vez que estabelece um novo tempo da Universidade Estadual no Cariri paraibano. “Com a nova estrutura, reavaliamos os 12 anos de existência da UEPB em Monteiro e traçamos perspectivas de futuro, onde possamos contribuir ainda mais com o desenvolvimento da região”, frisou. Conforme o diretor, seguindo decisão do Conselho de Centro (COC), a nova sede receberá inicialmente os cursos de Letras (Português e Espanhol) e Ciências Contábeis, que já devem iniciar o próximo semestre letivo no novo espaço. O curso de Matemática e as ações do Programa Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor) permanecem na sede antiga, até que outros dois blocos de sala sejam construídos no novo endereço para receber a estrutura completa do CCHE.

A inauguração do novo prédio da UEPB em Monteiro ocorreu junto com outras ações do Governo do Estado na localidade. Segundo o governador Ricardo Coutinho, atualmente na região do Cariri há um sentimento de progresso, uma vez que no local houve grandes transformações em diversas áreas, nos últimos anos. “Aqui encontramos uma forte agricultura familiar, hoje entregamos na área da educação um outro Câmpus da UEPB, uma obra de quase R$ 10 milhões feita com recursos próprios, há uma rede hídrica mais forte, muitas estradas foram feitas. É sempre muito bom pensar naquilo que era antes e no que foi possível fazer pelo povo do Cariri. Esta região deu um grande salto nos últimos anos”, analisou o governador.

Texto: Tatiana Brandão (Com Secom/PB)
Fotos: Secom/PB

O post Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), na cidade de Monteiro, recebeu, por parte do Governo do Estado, uma nova estrutura para o desenvolvimento das atividades acadêmicas dos cursos que integram o Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Instituição. O novo espaço foi entregue nesta terça-feira (4), em solenidade que contou Leia Mais...

O post Câmpus de Monteiro recebe nova estrutura para as atividades do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-05 15:33:05 [post_date] => 2018-12-05 12:33:05 [post_modified_gmt] => 2018-12-05 15:33:05 [post_modified] => 2018-12-05 12:33:05 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45456 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-desenvolvimento-de-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => a6af7a4ac0753e20c8f10b89bf786b12 [1] => ee3b0944c57a310378c81ba57ca530db ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-monteiro-recebe-nova-estrutura-para-as-atividades-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas

Array ( [post_title] => Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) sediou, na manhã desta terça-feira (16), a solenidade de posse das novas coordenações dos cursos oferecidos no Câmpus VI, sediado na cidade de Monteiro, bem como a nova direção de Centro. A solenidade foi presidida pelo reitor Rangel Junior, que entregou as portarias de nomeação aos professores escolhidos em eleição pela comunidade acadêmica para ocuparem os cargos ao longo do biênio 2018/2020.

Foram empossados os professores Adeilson da Silva Tavares e Josimar Farias Cordeiro, respectivamente diretor e diretor adjunto do Centro; assim como as professoras Ilcleidene Pereira de Freitas e Lilian Perobon Mazer, coordenadora e coordenadora adjunta do curso de Ciências Contábeis; além do professor Wanderlan da Silva Alves e da professora Melânia Nóbrega de Farias, eleitos coordenador e coordenadora adjunta do curso de Letras.

O reitor Rangel Junior desejou sucesso aos empossados e destacou que o trabalho que todos devem realizar seja pautado na construção de relações respeitosas para que se tenha êxito na gestão, uma vez que todos terão apoio irrestrito da Administração Central da Instituição. Rangel também fez um agradecimento ao professor Marcelo Medeiros, agora ex-diretor do CCHE, uma vez que, segundo o reitor, este sempre esteve comprometido com o desenvolvimento do Câmpus, por ser um exemplo de ética, zelo e luta pelas conquistas importantes do Centro.

“Todos podem ter certeza que contarão conosco em todos os sentidos para que o trabalho seja feito com êxito. Este é um ato de transição de uma gestão para outra, mas que representa algo com muita responsabilidade para estes gestores. O Câmpus de Monteiro é um exemplo do que chamamos de experiência bem sucedida em uma cidade que está instalada longe de um grande centro urbano. A vinda desse câmpus mudou a história do município e vai continuar mudando, já que uma estrutura de educação exige um investimento contínuo, porque a educação é feita por pessoas”, destacou o reitor.

O novo diretor do Centro de Ciências Humanas e Exatas, professor Adeilson da Silva Torres, agradeceu a toda a comunidade acadêmica pelo resultado na eleição e ressaltou o papel importante que o câmpus tem na valorização dos saberes culturais locais, uma vez que a região é dotada de muitos talentos na música, na dança, no teatro e na poesia. Ele ainda apontou que, nesse cenário, é preciso destacar o papel e a importância do Núcleo de Arte e Cultura que existe no CCHE.

“Quero dizer que duas palavras foram amplamente debatidas entre toda a comunidade acadêmica ao longo desse processo eleitoral. A primeira é ‘consolidação’, que faz referência à ação de solidificação e fortalecimento do Câmpus. E a outra é ‘luta’, talhada não no sentido bélico, mas como sinônimo de resistência e persistência. A consolidação aponta para um passado de conquistas, enquanto a luta releva o nosso compromisso com o futuro da nossa Instituição e nos impele a ter esperanças nesse futuro”, destacou professor Adeilson.

Também participaram da mesa de honra da solenidade de posse das novas gestões, o diretor do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Câmpus de Monteiro, professor Abraão Romão; a secretária de cultura de Monteiro, Cristiane Leal, que na oportunidade representou a prefeita Ana Lorena; e a aluna do 5º período do curso de Ciências Contábeis, Mariana Santos de Queiros, representante dos demais alunos do Centro.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) sediou, na manhã desta terça-feira (16), a solenidade de posse das novas coordenações dos cursos oferecidos no Câmpus VI, sediado na cidade de Monteiro, bem como a nova direção de Centro. A solenidade foi presidida pelo reitor Rangel Junior, que entregou Leia Mais...

O post Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-16 19:28:00 [post_date] => 2018-10-16 16:28:00 [post_modified_gmt] => 2018-10-16 19:28:00 [post_modified] => 2018-10-16 16:28:00 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44022 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 394b0028e1721c8d7ecf0495ea9566fb [1] => d34a0fa514f0321985246db5143e5ebb ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas

Array ( [post_title] => Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) sediou, na manhã desta terça-feira (16), a solenidade de posse das novas coordenações dos cursos oferecidos no Câmpus VI, sediado na cidade de Monteiro, bem como a nova direção de Centro. A solenidade foi presidida pelo reitor Rangel Junior, que entregou as portarias de nomeação aos professores escolhidos em eleição pela comunidade acadêmica para ocuparem os cargos ao longo do biênio 2018/2020.

Foram empossados os professores Adeilson da Silva Tavares e Josimar Farias Cordeiro, respectivamente diretor e diretor adjunto do Centro; assim como as professoras Ilcleidene Pereira de Freitas e Lilian Perobon Mazer, coordenadora e coordenadora adjunta do curso de Ciências Contábeis; além do professor Wanderlan da Silva Alves e da professora Melânia Nóbrega de Farias, eleitos coordenador e coordenadora adjunta do curso de Letras.

O reitor Rangel Junior desejou sucesso aos empossados e destacou que o trabalho que todos devem realizar seja pautado na construção de relações respeitosas para que se tenha êxito na gestão, uma vez que todos terão apoio irrestrito da Administração Central da Instituição. Rangel também fez um agradecimento ao professor Marcelo Medeiros, agora ex-diretor do CCHE, uma vez que, segundo o reitor, este sempre esteve comprometido com o desenvolvimento do Câmpus, por ser um exemplo de ética, zelo e luta pelas conquistas importantes do Centro.

“Todos podem ter certeza que contarão conosco em todos os sentidos para que o trabalho seja feito com êxito. Este é um ato de transição de uma gestão para outra, mas que representa algo com muita responsabilidade para estes gestores. O Câmpus de Monteiro é um exemplo do que chamamos de experiência bem sucedida em uma cidade que está instalada longe de um grande centro urbano. A vinda desse câmpus mudou a história do município e vai continuar mudando, já que uma estrutura de educação exige um investimento contínuo, porque a educação é feita por pessoas”, destacou o reitor.

O novo diretor do Centro de Ciências Humanas e Exatas, professor Adeilson da Silva Torres, agradeceu a toda a comunidade acadêmica pelo resultado na eleição e ressaltou o papel importante que o câmpus tem na valorização dos saberes culturais locais, uma vez que a região é dotada de muitos talentos na música, na dança, no teatro e na poesia. Ele ainda apontou que, nesse cenário, é preciso destacar o papel e a importância do Núcleo de Arte e Cultura que existe no CCHE.

“Quero dizer que duas palavras foram amplamente debatidas entre toda a comunidade acadêmica ao longo desse processo eleitoral. A primeira é ‘consolidação’, que faz referência à ação de solidificação e fortalecimento do Câmpus. E a outra é ‘luta’, talhada não no sentido bélico, mas como sinônimo de resistência e persistência. A consolidação aponta para um passado de conquistas, enquanto a luta releva o nosso compromisso com o futuro da nossa Instituição e nos impele a ter esperanças nesse futuro”, destacou professor Adeilson.

Também participaram da mesa de honra da solenidade de posse das novas gestões, o diretor do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Câmpus de Monteiro, professor Abraão Romão; a secretária de cultura de Monteiro, Cristiane Leal, que na oportunidade representou a prefeita Ana Lorena; e a aluna do 5º período do curso de Ciências Contábeis, Mariana Santos de Queiros, representante dos demais alunos do Centro.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) sediou, na manhã desta terça-feira (16), a solenidade de posse das novas coordenações dos cursos oferecidos no Câmpus VI, sediado na cidade de Monteiro, bem como a nova direção de Centro. A solenidade foi presidida pelo reitor Rangel Junior, que entregou Leia Mais...

O post Empossadas novas representações das coordenações de cursos e da direção do Centro de Ciências Humanas e Exatas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-16 19:28:00 [post_date] => 2018-10-16 16:28:00 [post_modified_gmt] => 2018-10-16 19:28:00 [post_modified] => 2018-10-16 16:28:00 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=44022 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 394b0028e1721c8d7ecf0495ea9566fb [1] => d34a0fa514f0321985246db5143e5ebb ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => empossadas-novas-representacoes-das-coordenacoes-de-cursos-e-da-direcao-do-centro-de-ciencias-humanas-e-exatas )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI

Array ( [post_title] => Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI [post_content] =>

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), juntamente com a chefia do Departamento de Matemática do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) e em nome de toda a comunidade acadêmica, lamenta com o mais profundo pesar o falecimento da estudante Ellen Maria Oliveira Rodrigues, ocorrido no sábado (6).

Aluna dedicada, Ellen cursava o 5º período do curso no Câmpus VI, na cidade de Monteiro. Era bolsista do Programa Residência Pedagógica de Matemática e tinha uma ativa participação nas atividades do curso, atuando como monitora em eventos acadêmicos. Sua partida precoce deixa um profundo pesar em todos que a conheceram. Enlutada, a Instituição presta condolências a familiares e amigos por tão dolorosa e prematura perda.

O post Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), juntamente com a chefia do Departamento de Matemática do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) e em nome de toda a comunidade acadêmica, lamenta com o mais profundo pesar o falecimento da estudante Ellen Maria Oliveira Rodrigues, ocorrido no sábado (6). Aluna dedicada, Ellen cursava Leia Mais...

O post Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-08 17:14:24 [post_date] => 2018-10-08 14:14:24 [post_modified_gmt] => 2018-10-08 17:14:24 [post_modified] => 2018-10-08 14:14:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43932 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 2421241bbe1312f4f305e39780d44878 [1] => ecb2afd18bf49678f171e4c44a424308 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI

Array ( [post_title] => Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI [post_content] =>

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), juntamente com a chefia do Departamento de Matemática do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) e em nome de toda a comunidade acadêmica, lamenta com o mais profundo pesar o falecimento da estudante Ellen Maria Oliveira Rodrigues, ocorrido no sábado (6).

Aluna dedicada, Ellen cursava o 5º período do curso no Câmpus VI, na cidade de Monteiro. Era bolsista do Programa Residência Pedagógica de Matemática e tinha uma ativa participação nas atividades do curso, atuando como monitora em eventos acadêmicos. Sua partida precoce deixa um profundo pesar em todos que a conheceram. Enlutada, a Instituição presta condolências a familiares e amigos por tão dolorosa e prematura perda.

O post Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), juntamente com a chefia do Departamento de Matemática do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) e em nome de toda a comunidade acadêmica, lamenta com o mais profundo pesar o falecimento da estudante Ellen Maria Oliveira Rodrigues, ocorrido no sábado (6). Aluna dedicada, Ellen cursava Leia Mais...

O post Universidade Estadual da Paraíba lamenta falecimento de aluna do curso de Matemática do Câmpus VI apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-10-08 17:14:24 [post_date] => 2018-10-08 14:14:24 [post_modified_gmt] => 2018-10-08 17:14:24 [post_modified] => 2018-10-08 14:14:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43932 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 2421241bbe1312f4f305e39780d44878 [1] => ecb2afd18bf49678f171e4c44a424308 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-da-paraiba-emite-nota-de-pesar-pelo-falecimento-de-aluna-do-curso-de-matematica )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos

Array ( [post_title] => Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A noite de quarta-feira (26) foi dedicada às artes, no Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Monteiro. Na oportunidade, foi promovido um sarau poético em celebração ao aniversário de 12 anos do Câmpus VI, bem como aos 70 anos da publicação da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Durante a atividade, foram realizadas apresentações culturais, com música e declamação de poemas, que contaram com a participação de professores, alunos e vários artistas da região do Cariri paraibano.

O sarau foi organizado pela professora Melânia Farias, coordenadora adjunta do curso de Letras e professora do componente curricular “Educação e Direitos Humanos”; pelo professor do curso de Matemática, José Luiz Cavalcante; e pela poetisa e ex-aluna da UEPB, Ismênia Thereza. Ao longo da noite foram apresentados textos e declamados poemas alusivos à importância do CCHE para o Cariri Paraibano e aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Outro tema abordado foi o período da Ditadura Militar no Brasil, tendo em vista os 50 anos do Ato Institucional Número 5 (AI-5) e a repercussão negativa que este instrumento trouxe para a democracia do país e a violação aos Direitos Humanos. O evento contou com a participação dos poetas Pedro Soares e Jéssica Gomes, além dos alunos e alunas de “Educação e Direitos Humanos”, período 2018.1, do curso de Letras.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Divulgação

O post Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A noite de quarta-feira (26) foi dedicada às artes, no Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Monteiro. Na oportunidade, foi promovido um sarau poético em celebração ao aniversário de 12 anos do Câmpus VI, bem como aos 70 anos da publicação da Declaração Universal Leia Mais...

O post Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-27 20:06:31 [post_date] => 2018-09-27 17:06:31 [post_modified_gmt] => 2018-09-27 20:06:31 [post_modified] => 2018-09-27 17:06:31 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43777 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 31d994431dbbd699dbdbf96fec1c9f67 [1] => 3a9e330582d8b3f7bfb30de8c773709b ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos

Array ( [post_title] => Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

A noite de quarta-feira (26) foi dedicada às artes, no Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Monteiro. Na oportunidade, foi promovido um sarau poético em celebração ao aniversário de 12 anos do Câmpus VI, bem como aos 70 anos da publicação da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Durante a atividade, foram realizadas apresentações culturais, com música e declamação de poemas, que contaram com a participação de professores, alunos e vários artistas da região do Cariri paraibano.

O sarau foi organizado pela professora Melânia Farias, coordenadora adjunta do curso de Letras e professora do componente curricular “Educação e Direitos Humanos”; pelo professor do curso de Matemática, José Luiz Cavalcante; e pela poetisa e ex-aluna da UEPB, Ismênia Thereza. Ao longo da noite foram apresentados textos e declamados poemas alusivos à importância do CCHE para o Cariri Paraibano e aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Outro tema abordado foi o período da Ditadura Militar no Brasil, tendo em vista os 50 anos do Ato Institucional Número 5 (AI-5) e a repercussão negativa que este instrumento trouxe para a democracia do país e a violação aos Direitos Humanos. O evento contou com a participação dos poetas Pedro Soares e Jéssica Gomes, além dos alunos e alunas de “Educação e Direitos Humanos”, período 2018.1, do curso de Letras.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Divulgação

O post Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

A noite de quarta-feira (26) foi dedicada às artes, no Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado na cidade de Monteiro. Na oportunidade, foi promovido um sarau poético em celebração ao aniversário de 12 anos do Câmpus VI, bem como aos 70 anos da publicação da Declaração Universal Leia Mais...

O post Sarau poético celebra aniversário do Câmpus VI e da Declaração Universal dos Direitos Humanos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-27 20:06:31 [post_date] => 2018-09-27 17:06:31 [post_modified_gmt] => 2018-09-27 20:06:31 [post_modified] => 2018-09-27 17:06:31 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43777 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 31d994431dbbd699dbdbf96fec1c9f67 [1] => 3a9e330582d8b3f7bfb30de8c773709b ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => sarau-poetico-celebra-aniversario-do-campus-vi-e-da-declaracao-universal-dos-direitos-humanos )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos

Array ( [post_title] => Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Há 52 anos levando ensino público de qualidade e desenvolvimento aos paraibanos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) tem hoje um dia especial para três dos oito câmpus da Instituição. Nesta terça-feira (28), os câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos completam 12 anos de instalação. Inaugurados em 28 de agosto de 2006, os câmpus, desde então, passaram a formar profissionais qualificados em diversas áreas do conhecimento, no Sertão, no Cariri e na Capital paraibana.

Ao se expandir, a UEPB chegou à Capital paraibana com o Câmpus V – Ministro Alcides Carneiro, que levou para o Litoral paraibano cursos pioneiros, com o intuito de atender a uma demanda local, como os Bacharelados em Arquivologia, Relações Internacionais e Ciências Biológicas. Funcionando na Escola José Lins do Rego, no bairro do Cristo Redentor, o Centro de Ciências Biológicas e Sociais Aplicadas (CCBSA) também conta com a Pós-graduação em Relações Internacionais e um Núcleo de Línguas que oferece, gratuitamente, cursos de idiomas do nível iniciante ao avançado.

Com um amplo e qualificado corpo docente, constituído por doutores e mestres, o CCBSA possui uma produção de relevância, destacando-se nas atividades de ensino, pesquisa e extensão. Somada à experiência profissional dos professores, a matriz curricular das disciplinas, a metodologia do ensino-aprendizagem e a permanente ligação com a pesquisa junto aos setores público e privado, criam um ambiente propício ao desenvolvimento e aprofundamento dos conceitos necessários para a obtenção das competências requeridas na sociedade do conhecimento.

Fruto da política de interiorização da UEPB que, com isso, visava a promoção de mudanças sociais por meio da Educação, o Câmpus VI presta uma homenagem a um dos poetas ícone da cultura popular, nascido no coração do Cariri paraibano: o poeta Pinto do Monteiro. A criação do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) atendeu a uma demanda histórica do município de Monteiro e de outros municípios adjacentes, que necessitavam de uma instituição que pudesse oferecer à população um ensino público gratuito e de qualidade. A chegada do Câmpus aqueceu a economia da região e movimentou toda uma cadeira produtiva, transformando a face do Cariri.

No Câmpus VI funcionam as Licenciatura em Letras (Língua Portuguesa e Língua Espanhola) e Matemática, além do Bacharelado em Ciências Contábeis. Ao longo de mais de uma década de funcionamento, o CCHE vem entregando à sociedade paraibana profissionais competentes, que têm promovido mudanças significativas nas áreas paras as quais foram formados. Também funciona no Centro, o curso de Educação Física, este por meio do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR).

Nascido na chamada “Morada do Sol”, no Sertão paraibano, o Câmpus VII – Governador Antonio Mariz, em Patos, também tem garantido ensino de qualidade a estudantes sertanejos. Além do ensino e da pesquisa, os projetos de extensão têm levado qualidade de vida à população. A UEPB em Patos conta com os cursos de Administração, Ciências da Computação, Física, Matemática, além da Licenciatura em Ciências Exatas.

O Câmpus nasceu com a proposta de contribuir para o desenvolvimento sócioeconômico do município, já que a Universidade gera centenas de empregos, movimenta a economia da cidade e tem ajudado a transformar a sociedade através da Educação. O Centro de Ciências Exatas e Sociais Aplicadas (CCEA) conta ainda com a pós-graduação Lato Sensu, através das especializações em Prática Jurídica e Fundamentos da Educação: Práticas Pedagógicas Interdisciplinares.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Arquivo Codecom UEPB

O post Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Há 52 anos levando ensino público de qualidade e desenvolvimento aos paraibanos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) tem hoje um dia especial para três dos oito câmpus da Instituição. Nesta terça-feira (28), os câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos completam 12 anos de instalação. Inaugurados em 28 de agosto de 2006, os câmpus, Leia Mais...

O post Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-28 14:52:38 [post_date] => 2018-08-28 11:52:38 [post_modified_gmt] => 2018-08-28 14:52:38 [post_modified] => 2018-08-28 11:52:38 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43013 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 16cbf12660184e6685f60fd38bf19e3c [1] => 8cdca11a071e31b6c62cfb72f75f07a1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 26 [1] => 32 [2] => 22 [3] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos

Array ( [post_title] => Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Há 52 anos levando ensino público de qualidade e desenvolvimento aos paraibanos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) tem hoje um dia especial para três dos oito câmpus da Instituição. Nesta terça-feira (28), os câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos completam 12 anos de instalação. Inaugurados em 28 de agosto de 2006, os câmpus, desde então, passaram a formar profissionais qualificados em diversas áreas do conhecimento, no Sertão, no Cariri e na Capital paraibana.

Ao se expandir, a UEPB chegou à Capital paraibana com o Câmpus V – Ministro Alcides Carneiro, que levou para o Litoral paraibano cursos pioneiros, com o intuito de atender a uma demanda local, como os Bacharelados em Arquivologia, Relações Internacionais e Ciências Biológicas. Funcionando na Escola José Lins do Rego, no bairro do Cristo Redentor, o Centro de Ciências Biológicas e Sociais Aplicadas (CCBSA) também conta com a Pós-graduação em Relações Internacionais e um Núcleo de Línguas que oferece, gratuitamente, cursos de idiomas do nível iniciante ao avançado.

Com um amplo e qualificado corpo docente, constituído por doutores e mestres, o CCBSA possui uma produção de relevância, destacando-se nas atividades de ensino, pesquisa e extensão. Somada à experiência profissional dos professores, a matriz curricular das disciplinas, a metodologia do ensino-aprendizagem e a permanente ligação com a pesquisa junto aos setores público e privado, criam um ambiente propício ao desenvolvimento e aprofundamento dos conceitos necessários para a obtenção das competências requeridas na sociedade do conhecimento.

Fruto da política de interiorização da UEPB que, com isso, visava a promoção de mudanças sociais por meio da Educação, o Câmpus VI presta uma homenagem a um dos poetas ícone da cultura popular, nascido no coração do Cariri paraibano: o poeta Pinto do Monteiro. A criação do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) atendeu a uma demanda histórica do município de Monteiro e de outros municípios adjacentes, que necessitavam de uma instituição que pudesse oferecer à população um ensino público gratuito e de qualidade. A chegada do Câmpus aqueceu a economia da região e movimentou toda uma cadeira produtiva, transformando a face do Cariri.

No Câmpus VI funcionam as Licenciatura em Letras (Língua Portuguesa e Língua Espanhola) e Matemática, além do Bacharelado em Ciências Contábeis. Ao longo de mais de uma década de funcionamento, o CCHE vem entregando à sociedade paraibana profissionais competentes, que têm promovido mudanças significativas nas áreas paras as quais foram formados. Também funciona no Centro, o curso de Educação Física, este por meio do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR).

Nascido na chamada “Morada do Sol”, no Sertão paraibano, o Câmpus VII – Governador Antonio Mariz, em Patos, também tem garantido ensino de qualidade a estudantes sertanejos. Além do ensino e da pesquisa, os projetos de extensão têm levado qualidade de vida à população. A UEPB em Patos conta com os cursos de Administração, Ciências da Computação, Física, Matemática, além da Licenciatura em Ciências Exatas.

O Câmpus nasceu com a proposta de contribuir para o desenvolvimento sócioeconômico do município, já que a Universidade gera centenas de empregos, movimenta a economia da cidade e tem ajudado a transformar a sociedade através da Educação. O Centro de Ciências Exatas e Sociais Aplicadas (CCEA) conta ainda com a pós-graduação Lato Sensu, através das especializações em Prática Jurídica e Fundamentos da Educação: Práticas Pedagógicas Interdisciplinares.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Arquivo Codecom UEPB

O post Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Há 52 anos levando ensino público de qualidade e desenvolvimento aos paraibanos, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) tem hoje um dia especial para três dos oito câmpus da Instituição. Nesta terça-feira (28), os câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos completam 12 anos de instalação. Inaugurados em 28 de agosto de 2006, os câmpus, Leia Mais...

O post Universidade Estadual celebra 12 anos de fundação dos câmpus de João Pessoa, Monteiro e Patos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-28 14:52:38 [post_date] => 2018-08-28 11:52:38 [post_modified_gmt] => 2018-08-28 14:52:38 [post_modified] => 2018-08-28 11:52:38 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43013 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/universidade-estadual-da-paraiba-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 16cbf12660184e6685f60fd38bf19e3c [1] => 8cdca11a071e31b6c62cfb72f75f07a1 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 26 [1] => 32 [2] => 22 [3] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => universidade-estadual-celebra-12-anos-de-fundacao-dos-campus-de-joao-pessoa-monteiro-e-patos )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física

Array ( [post_title] => CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro Cultural Alexandre da Silva Brito, localizado na cidade de Monteiro, foi mais uma vez palco da Assembleia Solene de Colação de Grau Acadêmico, na noite desta segunda-feira (9) , das turmas de Bacharelado em Ciências Contábeis e das licenciaturas em Letras/Espanhol, Letras/Português e Matemática, além do curso de Educação Física do Programa Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR), do período letivo 2017.2, integradas ao Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Após anos de dedicação, 73 novos profissionais formados pelo Câmpus VI se colocam no mercado de trabalho para retribuir à sociedade os conhecimentos adquiridos durante seus estudos.

Acompanhados por familiares e amigos, além de tomados pela emoção por concluir o ensino superior, os formandos receberam as boas-vindas do pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, que na oportunidade representou o reitor da Instituição, professor Rangel Junior. Aberta a solenidade, chegou o momento dos recém-formados prestarem juramento, como forma de compromisso profissional e dedicação às suas respectivas formações. Todos os alunos foram representados pela estudante Raíra de Farias Vilar, concluinte do curso de Letras/Português.

Após o comprometimento com a carreira e nova função social que passarão a exercer, foi a vez de ouvir o que pensam os formandos. A representante dos estudantes foi Raquel Espínola Oliveira, do curso de Letras/Espanhol, que, como Oradora Oficial, falou sobre lembranças, destacou a atuação dos professores e funcionários da UEPB, valorizou o apoio de todos os familiares e, acima de tudo, focou nos desafios que todos terão como novos profissionais.

“Hoje estamos conquistando apenas 1/3 do que poderemos alcançar. Que saiamos com a alma leve e o coração alegre, já que a batalha foi vencida. Esse foi apenas um degrau do quanto ainda iremos subir. Por isso, nosso agradecimento aos professores, pais, familiares e a nossa casa desses últimos anos, que foi a UEPB”, disse a formanda.

O paraninfo das turmas 2017.2 do Câmpus Pinto de Monteiro, foi o servidor técnico administrativo Roberto Brito de Oliveira. Em seu discurso, ele agradeceu o convite por emprestar seu nome a um momento tão singular na vida acadêmica dos alunos, como também aproveitou para dividir a alegria que todos estavam sentindo naquele momento. “Fico muito feliz com essa honrosa homenagem e, por isso, quero parabenizar a todos pela conquista. Que esta Instituição seja sempre uma referência para vocês, já que a UEPB é uma casa para todos nós”, destacou Roberto Brito.

Em seu discurso direcionado aos formandos, o pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, apontou que cada solenidade de Colação de Grau Acadêmico é um momento de renovação, por cada turma ser singular dentro de uma estrutura gigantesca que é a da Universidade. Ele ainda destacou os pontos que fazem a UEPB ser uma grande universidade e alertou para os problemas que as instituições públicas estão passando nos últimos anos.

“Dados apontam que 93% dos estudantes da UEPB são do estado da Paraíba. E ainda 99% são de cidades do Nordeste. A UEPB é uma Universidade da Paraíba e que serve, sobretudo, aos paraibanos. Somos uma universidade inclusiva, já que 38% dos nossos alunos fazem parte de famílias que têm uma rende de até um salário mínimo. Estamos vivenciando um período de crise financeira, democrática, de subtração dos direitos dos trabalhadores, de cortes gradativos que têm assolado principalmente as universidades estaduais. Por isso, precisamos levar à sociedade questões importantes que estão diretamente relacionadas com o futuro da Educação. Que todos vocês sejam plantadores e colhedores do saber e da cidadania”, desejou o professor Eli Brandão.

Para concluir a solenidade de Colação de Grau Acadêmico, representou os estudantes do curso de Bacharelado em Ciências Contábeis, a aluna Eloisa Maria Oliveira Rodrigues, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Josemar Farias Cordeiro. Os alunos do curso de Letras/Espanhol foram representados por Kaio César Pinheiro da Silva, e os de Letras/Português, por Janiele Rodrigues da Silva, que receberam o grau conferido pelo professor Wanderlan da Silva Alves.

Já os concluintes do curso de Licenciatura em Matemática foram representados por Márcia Valéria Batista da Silva, que recebeu o grau acadêmico do professor Luciano dos Santos. Já os alunos do curso de Educação Física do PARFOR foram representados por Marcela de Oliveira Silva, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Bruno Alves Pereira. Após o momento de confirmação do grau acadêmico, uma grande salva de palmas foi direcionada aos novos formandos do Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba.

A mesa solene foi formada pelo pró-reitor de Graduação da UEPB, Eli Brandão; pelo diretor do Câmpus VI, professor Marcelo Medeiros da Silva; pelo paraninfo das turmas, Roberto Brito; pelo diretor adjunto do Câmpus VI, professor Adeilson da Silva Tavares; por Ana Lima Feliciano, secretária de Educação de Monteiro, que na oportunidade representou a prefeita Ana Lorena Nóbrega; além dos coordenadores dos cursos do Centro de Ciências Humanas e Exatas.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro Cultural Alexandre da Silva Brito, localizado na cidade de Monteiro, foi mais uma vez palco da Assembleia Solene de Colação de Grau Acadêmico, na noite desta segunda-feira (9) , das turmas de Bacharelado em Ciências Contábeis e das licenciaturas em Letras/Espanhol, Letras/Português e Matemática, além do curso de Educação Física do Programa Nacional Leia Mais...

O post CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-10 14:02:24 [post_date] => 2018-07-10 11:02:24 [post_modified_gmt] => 2018-07-10 14:02:24 [post_modified] => 2018-07-10 11:02:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41864 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1696c6e866d97aebfdbcfa36457a7a1d [1] => df36c012b3de30db6950691b0539e2c4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física

Array ( [post_title] => CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro Cultural Alexandre da Silva Brito, localizado na cidade de Monteiro, foi mais uma vez palco da Assembleia Solene de Colação de Grau Acadêmico, na noite desta segunda-feira (9) , das turmas de Bacharelado em Ciências Contábeis e das licenciaturas em Letras/Espanhol, Letras/Português e Matemática, além do curso de Educação Física do Programa Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR), do período letivo 2017.2, integradas ao Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Após anos de dedicação, 73 novos profissionais formados pelo Câmpus VI se colocam no mercado de trabalho para retribuir à sociedade os conhecimentos adquiridos durante seus estudos.

Acompanhados por familiares e amigos, além de tomados pela emoção por concluir o ensino superior, os formandos receberam as boas-vindas do pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, que na oportunidade representou o reitor da Instituição, professor Rangel Junior. Aberta a solenidade, chegou o momento dos recém-formados prestarem juramento, como forma de compromisso profissional e dedicação às suas respectivas formações. Todos os alunos foram representados pela estudante Raíra de Farias Vilar, concluinte do curso de Letras/Português.

Após o comprometimento com a carreira e nova função social que passarão a exercer, foi a vez de ouvir o que pensam os formandos. A representante dos estudantes foi Raquel Espínola Oliveira, do curso de Letras/Espanhol, que, como Oradora Oficial, falou sobre lembranças, destacou a atuação dos professores e funcionários da UEPB, valorizou o apoio de todos os familiares e, acima de tudo, focou nos desafios que todos terão como novos profissionais.

“Hoje estamos conquistando apenas 1/3 do que poderemos alcançar. Que saiamos com a alma leve e o coração alegre, já que a batalha foi vencida. Esse foi apenas um degrau do quanto ainda iremos subir. Por isso, nosso agradecimento aos professores, pais, familiares e a nossa casa desses últimos anos, que foi a UEPB”, disse a formanda.

O paraninfo das turmas 2017.2 do Câmpus Pinto de Monteiro, foi o servidor técnico administrativo Roberto Brito de Oliveira. Em seu discurso, ele agradeceu o convite por emprestar seu nome a um momento tão singular na vida acadêmica dos alunos, como também aproveitou para dividir a alegria que todos estavam sentindo naquele momento. “Fico muito feliz com essa honrosa homenagem e, por isso, quero parabenizar a todos pela conquista. Que esta Instituição seja sempre uma referência para vocês, já que a UEPB é uma casa para todos nós”, destacou Roberto Brito.

Em seu discurso direcionado aos formandos, o pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, apontou que cada solenidade de Colação de Grau Acadêmico é um momento de renovação, por cada turma ser singular dentro de uma estrutura gigantesca que é a da Universidade. Ele ainda destacou os pontos que fazem a UEPB ser uma grande universidade e alertou para os problemas que as instituições públicas estão passando nos últimos anos.

“Dados apontam que 93% dos estudantes da UEPB são do estado da Paraíba. E ainda 99% são de cidades do Nordeste. A UEPB é uma Universidade da Paraíba e que serve, sobretudo, aos paraibanos. Somos uma universidade inclusiva, já que 38% dos nossos alunos fazem parte de famílias que têm uma rende de até um salário mínimo. Estamos vivenciando um período de crise financeira, democrática, de subtração dos direitos dos trabalhadores, de cortes gradativos que têm assolado principalmente as universidades estaduais. Por isso, precisamos levar à sociedade questões importantes que estão diretamente relacionadas com o futuro da Educação. Que todos vocês sejam plantadores e colhedores do saber e da cidadania”, desejou o professor Eli Brandão.

Para concluir a solenidade de Colação de Grau Acadêmico, representou os estudantes do curso de Bacharelado em Ciências Contábeis, a aluna Eloisa Maria Oliveira Rodrigues, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Josemar Farias Cordeiro. Os alunos do curso de Letras/Espanhol foram representados por Kaio César Pinheiro da Silva, e os de Letras/Português, por Janiele Rodrigues da Silva, que receberam o grau conferido pelo professor Wanderlan da Silva Alves.

Já os concluintes do curso de Licenciatura em Matemática foram representados por Márcia Valéria Batista da Silva, que recebeu o grau acadêmico do professor Luciano dos Santos. Já os alunos do curso de Educação Física do PARFOR foram representados por Marcela de Oliveira Silva, que recebeu o grau acadêmico conferido pelo professor Bruno Alves Pereira. Após o momento de confirmação do grau acadêmico, uma grande salva de palmas foi direcionada aos novos formandos do Câmpus VI da Universidade Estadual da Paraíba.

A mesa solene foi formada pelo pró-reitor de Graduação da UEPB, Eli Brandão; pelo diretor do Câmpus VI, professor Marcelo Medeiros da Silva; pelo paraninfo das turmas, Roberto Brito; pelo diretor adjunto do Câmpus VI, professor Adeilson da Silva Tavares; por Ana Lima Feliciano, secretária de Educação de Monteiro, que na oportunidade representou a prefeita Ana Lorena Nóbrega; além dos coordenadores dos cursos do Centro de Ciências Humanas e Exatas.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro Cultural Alexandre da Silva Brito, localizado na cidade de Monteiro, foi mais uma vez palco da Assembleia Solene de Colação de Grau Acadêmico, na noite desta segunda-feira (9) , das turmas de Bacharelado em Ciências Contábeis e das licenciaturas em Letras/Espanhol, Letras/Português e Matemática, além do curso de Educação Física do Programa Nacional Leia Mais...

O post CCHE forma novos profissionais nas áreas de Letras, Matemática, Ciências Contábeis e Educação Física apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-10 14:02:24 [post_date] => 2018-07-10 11:02:24 [post_modified_gmt] => 2018-07-10 14:02:24 [post_modified] => 2018-07-10 11:02:24 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41864 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1696c6e866d97aebfdbcfa36457a7a1d [1] => df36c012b3de30db6950691b0539e2c4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => cche-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-matematica-ciencias-contabeis-e-educacao-fisica )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro

Array ( [post_title] => Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos, uma promoção da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), por meio da Pró-Reitoria de Cultura (PROCULT), teve como sede a cidade de Monteiro, na última sexta-feira (11). O evento contou com o apoio da Prefeitura Municipal e ocorreu nos períodos da tarde da noite, sendo vivamente acolhido pela comunidade em geral e acadêmica.

A abertura se deu no Campus VI, com as presenças do pró-reitor de Cultura, José Cristóvão de Andrade, do diretor adjunto do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE), Adeilson da Silva Tavares, da coordenadora local do evento, Dalila Gomes da Silva, da prefeita da cidade, Anna Lorena, e da secretária de Cultura e Turismo, Christianne Leal. Na oportunidade se apresentaram, trazendo poesia, humor e improviso, os emboladores de coco Canário e Condor, além do declamador José Ferreira Neto e do sanfoneiro mirim Raí Bezerra. A plateia era composta por sanfoneiros do município e estudantes do Curso de Sanfona do Núcleo de Cultura Zabé da Loca do CCHE.

O pró-reitor de Cultura ressaltou em sua fala o talento e a criatividade dos artistas caririzeiros, parabenizando-os. “Aproveito o ensejo para apontar o quanto a Arte possui esse papel de resistência, de enfrentamento das dificuldades. Sabemos o que está sendo feito das lideranças legítimas em nosso país. Vivemos um cenário politicamente crítico, em que a Democracia é atacada, e a Arte é um dispositivo para confrontá-lo, mas também um alívio para esses dias adversos”, afirmou. O diretor adjunto do CCHE destacou a satisfação por receber em Monteiro a segunda edição do Encontro. “É mais uma iniciativa da UEPB chegando a todos os lugares da Paraíba. Para Monteiro, que tem tradição quando se fala em música nordestina, é um verdadeiro presente”, contou.

A prefeita pontuou a profícua parceria existente entre a Prefeitura e o Campus VI. “São esforços somados em favor do município. Abraçamos a ideia desde o ano passado, principalmente porque se alinha ao nosso desejo de preservar o patrimônio cultural paraibano e divulgá-lo às novas gerações”, disse. Já a coordenadora local explanou que a realização do Encontro vem acender a importância dos sanfoneiros e tocadores de fole de oito baixos na região. “Monteiro tem uma identidade artística bastante forte. As pessoas daqui ser orgulham de serem daqui, em parte devido ao lindo trabalho que seus artistas fazem e o evento vem dar vigor a isso”, explicou.

Após a abertura, procedeu-se com as exibições dos inscritos. Os professores do curso de sanfona do Centro Artístico Cultural da UEPB, Edglei Miguel e João Batista, além de Claudinho de Monteiro, que é docente da mesma atividade, sendo que no Núcleo de Cultura Zabé da Loca, passaram algumas de suas experiências aos participantes, ressaltando temas motivacionais e referentes à importância das aulas. Os docentes sublinharam, ainda, o quanto hoje é relativamente mais fácil adquirir uma sanfona e o conhecimento necessário ao aprendizado dela, mas que essa “facilidade” termina por ofuscar o mais importante: a dedicação.

Entre os presentes à iniciativa estiveram também o diretor do CCHE, Marcelo Medeiros, o poeta e servidor Lino Sapo, que foi apresentador do evento, Alberto Alves, Uirá Agra e Igor de Carvalho, servidores da UEPB, um dos curadores da área de Música do Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), Sandrinho Dupan e Luan Costa Medeiros, servidor da Instituição e integrante do Grupo de Percussão Maracagrande.

A prata da casa é ouro: Dejinha de Monteiro

No período noturno, na Praça João Pessoa, ocorreu a apresentação da Orquestra Sanfônica da UEPB e a divulgação da programação junina pela prefeita Anna Lorena. Em seguida, houve a homenagem a Dejinha de Monteiro. A “prata da casa”, muito festejada pela plateia, mostrou o quanto a população de Monteiro admira seus artistas. Acompanhado pelos músicos da Universidade, Dejinha desfiou na sanfona grandes sucessos do cancioneiro popular e recebeu, em seguida, um troféu confeccionado pelo artesão Érley Ventura. O troféu tinha a marca do Núcleo de Cultura Zabé da Loca da UEPB.

Filho de Monteiro, Dejinha começou bem cedo na música. Ainda jovem, tinha como um de seus brinquedos favoritos uma sanfona feita com palha de carnaúba. Dela lhe saíram os primeiros acordes, ainda que imaginários, enquanto pastorava o gado da família. Com 15 anos já animava festas pelo Cariri, mas antes desempenhou o ofício de “carregador de sanfonas”, o que o aproximou ainda mais da música que teria como norteadora de vida.

Aos 16 anos, viajou para o Rio de Janeiro. Lá trabalhou como servente de pedreiro, carpinteiro e pastilheiro. Também ocorreram nesse período as suas primeiras apresentações em rádios, a exemplo da Rádio Globo e da Nacional. Na mesma época, iniciaram suas exibições em casas de espetáculos, usualmente ladeado por medalhões da música, a exemplo de Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Os Três do Nordeste, Luiz Vieira, As Irmãs Galvão e o Trio Nordestino.

Com mais de 40 anos de carreira artística e 30 trabalhos gravados, Dejinha, além de instrumentista, é cantor, compositor e produtor musical. Já teve composições gravadas por artistas como Flávio José, Novinho da Paraíba e Caju & Castanha. Em sua trajetória artística foi destaque na imprensa por várias vezes e recebeu diversas homenagens, a exemplo do Troféu Asa Branca e do Troféu Gonzagão – sendo, este último, por quatro anos consecutivos.

A sanfona como profissão

Em Monteiro, a maior parte dos presentes ao Encontro eram crianças e adolescentes. Em comum, eles tinham o desejo de seguir a profissão de sanfoneiros. Um deles, Raí Bezerra, 9, oriundo de Parelhas (RN), já dispunha até de CD gravado. Participante da primeira etapa, em Araruna, ele fez questão de viajar para Monteiro para estar no evento mais uma vez. Agora em junho, o sanfoneiro disse que já tem inúmeras apresentações marcadas e vai precisar conciliar seus estudos – ele faz o 4º ano, numa escola particular de Parelhas – com as viagens. “Já fechei 10 datas no São João. Procuro estudar, mas quero mesmo é continuar o que já estou fazendo”, disse.

Um dos alunos do Curso de Sanfona do Núcleo de Cultura Zabé da Loca da UEPB, José Arthur Gaspar Ribeiro, 10, impressionou por sua habilidade com o instrumento. Natural de Garanhuns (PE), ele contou que toca sanfona há dois anos, inspirado pelo tio. “O Curso é uma das coisas que mais gosto em Monteiro. Nele fiz amigos e aprendi muito. Hoje toco pé de serra, estilizado, sertanejo, o que me pedirem”, enfatizou.

A sanfoneira Jeisiane Almeida, 17, também não tem dúvidas: o futuro para ela é a música. Proveniente de Sertânia (PE), ela também assiste às preleções do Curso de Sanfona. No ano passado, Jeisiane venceu o 23º Festival Regional da Sanfona (FERSAN), promovido em Afogados da Ingazeira (PE) e já tem importantes participações em rádios e na televisão. Entre os artistas que a inspiram ela citou Lucy Alves, Flávio José e Dominguinhos.

O 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba segue na próxima sexta-feira (18), quando se dará a terceira etapa em Guarabira. Na programação ainda figuram Patos (22 de maio), Catolé do Rocha (25 de maio), Lagoa Seca (30 de maio), João Pessoa (6 de junho), e Campina Grande (15 e 19 de junho). Este ano, o evento homenageia o músico Zé Calixto, sendo que em cada cidade também há um homenageado local.

Confira mais imagens clicando AQUI.

 

Texto: Oziella Inocêncio
Fotos: Asley Ravel

O post Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos, uma promoção da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), por meio da Pró-Reitoria de Cultura (PROCULT), teve como sede a cidade de Monteiro, na última sexta-feira (11). O evento contou com o apoio da Prefeitura Municipal e ocorreu nos períodos da tarde da noite, Leia Mais...

O post Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-05-14 20:12:19 [post_date] => 2018-05-14 17:12:19 [post_modified_gmt] => 2018-05-14 20:12:19 [post_modified] => 2018-05-14 17:12:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=40499 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bc7189929e80c40387bbc52ec1fe0547 [1] => 7e10812f791014eb41d3f4ccfbac2557 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro

Array ( [post_title] => Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos, uma promoção da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), por meio da Pró-Reitoria de Cultura (PROCULT), teve como sede a cidade de Monteiro, na última sexta-feira (11). O evento contou com o apoio da Prefeitura Municipal e ocorreu nos períodos da tarde da noite, sendo vivamente acolhido pela comunidade em geral e acadêmica.

A abertura se deu no Campus VI, com as presenças do pró-reitor de Cultura, José Cristóvão de Andrade, do diretor adjunto do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE), Adeilson da Silva Tavares, da coordenadora local do evento, Dalila Gomes da Silva, da prefeita da cidade, Anna Lorena, e da secretária de Cultura e Turismo, Christianne Leal. Na oportunidade se apresentaram, trazendo poesia, humor e improviso, os emboladores de coco Canário e Condor, além do declamador José Ferreira Neto e do sanfoneiro mirim Raí Bezerra. A plateia era composta por sanfoneiros do município e estudantes do Curso de Sanfona do Núcleo de Cultura Zabé da Loca do CCHE.

O pró-reitor de Cultura ressaltou em sua fala o talento e a criatividade dos artistas caririzeiros, parabenizando-os. “Aproveito o ensejo para apontar o quanto a Arte possui esse papel de resistência, de enfrentamento das dificuldades. Sabemos o que está sendo feito das lideranças legítimas em nosso país. Vivemos um cenário politicamente crítico, em que a Democracia é atacada, e a Arte é um dispositivo para confrontá-lo, mas também um alívio para esses dias adversos”, afirmou. O diretor adjunto do CCHE destacou a satisfação por receber em Monteiro a segunda edição do Encontro. “É mais uma iniciativa da UEPB chegando a todos os lugares da Paraíba. Para Monteiro, que tem tradição quando se fala em música nordestina, é um verdadeiro presente”, contou.

A prefeita pontuou a profícua parceria existente entre a Prefeitura e o Campus VI. “São esforços somados em favor do município. Abraçamos a ideia desde o ano passado, principalmente porque se alinha ao nosso desejo de preservar o patrimônio cultural paraibano e divulgá-lo às novas gerações”, disse. Já a coordenadora local explanou que a realização do Encontro vem acender a importância dos sanfoneiros e tocadores de fole de oito baixos na região. “Monteiro tem uma identidade artística bastante forte. As pessoas daqui ser orgulham de serem daqui, em parte devido ao lindo trabalho que seus artistas fazem e o evento vem dar vigor a isso”, explicou.

Após a abertura, procedeu-se com as exibições dos inscritos. Os professores do curso de sanfona do Centro Artístico Cultural da UEPB, Edglei Miguel e João Batista, além de Claudinho de Monteiro, que é docente da mesma atividade, sendo que no Núcleo de Cultura Zabé da Loca, passaram algumas de suas experiências aos participantes, ressaltando temas motivacionais e referentes à importância das aulas. Os docentes sublinharam, ainda, o quanto hoje é relativamente mais fácil adquirir uma sanfona e o conhecimento necessário ao aprendizado dela, mas que essa “facilidade” termina por ofuscar o mais importante: a dedicação.

Entre os presentes à iniciativa estiveram também o diretor do CCHE, Marcelo Medeiros, o poeta e servidor Lino Sapo, que foi apresentador do evento, Alberto Alves, Uirá Agra e Igor de Carvalho, servidores da UEPB, um dos curadores da área de Música do Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), Sandrinho Dupan e Luan Costa Medeiros, servidor da Instituição e integrante do Grupo de Percussão Maracagrande.

A prata da casa é ouro: Dejinha de Monteiro

No período noturno, na Praça João Pessoa, ocorreu a apresentação da Orquestra Sanfônica da UEPB e a divulgação da programação junina pela prefeita Anna Lorena. Em seguida, houve a homenagem a Dejinha de Monteiro. A “prata da casa”, muito festejada pela plateia, mostrou o quanto a população de Monteiro admira seus artistas. Acompanhado pelos músicos da Universidade, Dejinha desfiou na sanfona grandes sucessos do cancioneiro popular e recebeu, em seguida, um troféu confeccionado pelo artesão Érley Ventura. O troféu tinha a marca do Núcleo de Cultura Zabé da Loca da UEPB.

Filho de Monteiro, Dejinha começou bem cedo na música. Ainda jovem, tinha como um de seus brinquedos favoritos uma sanfona feita com palha de carnaúba. Dela lhe saíram os primeiros acordes, ainda que imaginários, enquanto pastorava o gado da família. Com 15 anos já animava festas pelo Cariri, mas antes desempenhou o ofício de “carregador de sanfonas”, o que o aproximou ainda mais da música que teria como norteadora de vida.

Aos 16 anos, viajou para o Rio de Janeiro. Lá trabalhou como servente de pedreiro, carpinteiro e pastilheiro. Também ocorreram nesse período as suas primeiras apresentações em rádios, a exemplo da Rádio Globo e da Nacional. Na mesma época, iniciaram suas exibições em casas de espetáculos, usualmente ladeado por medalhões da música, a exemplo de Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Os Três do Nordeste, Luiz Vieira, As Irmãs Galvão e o Trio Nordestino.

Com mais de 40 anos de carreira artística e 30 trabalhos gravados, Dejinha, além de instrumentista, é cantor, compositor e produtor musical. Já teve composições gravadas por artistas como Flávio José, Novinho da Paraíba e Caju & Castanha. Em sua trajetória artística foi destaque na imprensa por várias vezes e recebeu diversas homenagens, a exemplo do Troféu Asa Branca e do Troféu Gonzagão – sendo, este último, por quatro anos consecutivos.

A sanfona como profissão

Em Monteiro, a maior parte dos presentes ao Encontro eram crianças e adolescentes. Em comum, eles tinham o desejo de seguir a profissão de sanfoneiros. Um deles, Raí Bezerra, 9, oriundo de Parelhas (RN), já dispunha até de CD gravado. Participante da primeira etapa, em Araruna, ele fez questão de viajar para Monteiro para estar no evento mais uma vez. Agora em junho, o sanfoneiro disse que já tem inúmeras apresentações marcadas e vai precisar conciliar seus estudos – ele faz o 4º ano, numa escola particular de Parelhas – com as viagens. “Já fechei 10 datas no São João. Procuro estudar, mas quero mesmo é continuar o que já estou fazendo”, disse.

Um dos alunos do Curso de Sanfona do Núcleo de Cultura Zabé da Loca da UEPB, José Arthur Gaspar Ribeiro, 10, impressionou por sua habilidade com o instrumento. Natural de Garanhuns (PE), ele contou que toca sanfona há dois anos, inspirado pelo tio. “O Curso é uma das coisas que mais gosto em Monteiro. Nele fiz amigos e aprendi muito. Hoje toco pé de serra, estilizado, sertanejo, o que me pedirem”, enfatizou.

A sanfoneira Jeisiane Almeida, 17, também não tem dúvidas: o futuro para ela é a música. Proveniente de Sertânia (PE), ela também assiste às preleções do Curso de Sanfona. No ano passado, Jeisiane venceu o 23º Festival Regional da Sanfona (FERSAN), promovido em Afogados da Ingazeira (PE) e já tem importantes participações em rádios e na televisão. Entre os artistas que a inspiram ela citou Lucy Alves, Flávio José e Dominguinhos.

O 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba segue na próxima sexta-feira (18), quando se dará a terceira etapa em Guarabira. Na programação ainda figuram Patos (22 de maio), Catolé do Rocha (25 de maio), Lagoa Seca (30 de maio), João Pessoa (6 de junho), e Campina Grande (15 e 19 de junho). Este ano, o evento homenageia o músico Zé Calixto, sendo que em cada cidade também há um homenageado local.

Confira mais imagens clicando AQUI.

 

Texto: Oziella Inocêncio
Fotos: Asley Ravel

O post Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos, uma promoção da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), por meio da Pró-Reitoria de Cultura (PROCULT), teve como sede a cidade de Monteiro, na última sexta-feira (11). O evento contou com o apoio da Prefeitura Municipal e ocorreu nos períodos da tarde da noite, Leia Mais...

O post Segunda etapa de Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos é realizada em Monteiro apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-05-14 20:12:19 [post_date] => 2018-05-14 17:12:19 [post_modified_gmt] => 2018-05-14 20:12:19 [post_modified] => 2018-05-14 17:12:19 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=40499 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHE – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/cche/feed/ [syndication_feed_id] => 13 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bc7189929e80c40387bbc52ec1fe0547 [1] => 7e10812f791014eb41d3f4ccfbac2557 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 22 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => segunda-etapa-de-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos-e-realizada-em-monteiro )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão

Array ( [post_title] => Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão [post_content] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Núcleo de Reciclagem e Beneficiamento no Complexo Serrotão em Campina Grande”, coordenado pelo professor Edivan Nunes, já realizou cinco visitas ao presídio, que resultaram na criação de uma horta comunitária.

Na última visita, realizada no último sábado (6), os alunos do projeto criaram uma minicomposteira utilizando resíduos vegetais, além de fornecerem orientações sobre plantio, propagação e uso de ervas medicinais aos apenados da unidade prisional. Para criar a composteira, o Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) disponibilizou materiais para o pessoal da horta do Serrotão, como rolo de arame farpado, rastelo, bandejas de polietileno com células para produção de mudas, três quilos de arame galvanizado, mudas de maracujá e de diversas plantas medicinais.

Professor Edivan explica que a horta já existia no Presídio, mas não estava dentro dos padrões técnicos adequados. Com o trabalho dos extensionistas, a horta foi adequada para pleno funcionamento. Integram o projeto dez alunos extensionistas, sendo seis do curso de Ciências Agrárias (Câmpus de Catolé do Rocha), dois de Agroecologia (Câmpus de Lagoa Seca) e dois do curso de Jornalismo (Câmpus de Campina Grande).

O projeto é financiado pelo Governo Federal, através do Ministério da Educação e Cultura (MEC), e recebe recursos da ordem R$ 98 mil. O pró-reitor de Extensão, professor José Pereira, ressalta que a Universidade, através de ações extensionistas, traz como um dos propósitos desenvolver estratégias que englobam a questão da qualidade de vida, capacitação e geração de renda, visando a ressocialização das pessoas privadas de liberdade.

A iniciativa tem como objetivo implementar o plano de gerenciamento de Resíduos Sólidos, através da educação ambiental, atendendo a proposta de inclusão social e de geração de renda, bem como promover atos de educação ambiental, articulando ações com os reeducandos.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Leia Mais...

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_date] => 2019-04-08 11:15:29 [post_modified_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_modified] => 2019-04-08 11:15:29 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47718 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8dc7c82377477b5949141fd2f0544a0f [1] => 62c425da552fb226c110481967673d48 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 8 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão

Array ( [post_title] => Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão [post_content] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Núcleo de Reciclagem e Beneficiamento no Complexo Serrotão em Campina Grande”, coordenado pelo professor Edivan Nunes, já realizou cinco visitas ao presídio, que resultaram na criação de uma horta comunitária.

Na última visita, realizada no último sábado (6), os alunos do projeto criaram uma minicomposteira utilizando resíduos vegetais, além de fornecerem orientações sobre plantio, propagação e uso de ervas medicinais aos apenados da unidade prisional. Para criar a composteira, o Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) disponibilizou materiais para o pessoal da horta do Serrotão, como rolo de arame farpado, rastelo, bandejas de polietileno com células para produção de mudas, três quilos de arame galvanizado, mudas de maracujá e de diversas plantas medicinais.

Professor Edivan explica que a horta já existia no Presídio, mas não estava dentro dos padrões técnicos adequados. Com o trabalho dos extensionistas, a horta foi adequada para pleno funcionamento. Integram o projeto dez alunos extensionistas, sendo seis do curso de Ciências Agrárias (Câmpus de Catolé do Rocha), dois de Agroecologia (Câmpus de Lagoa Seca) e dois do curso de Jornalismo (Câmpus de Campina Grande).

O projeto é financiado pelo Governo Federal, através do Ministério da Educação e Cultura (MEC), e recebe recursos da ordem R$ 98 mil. O pró-reitor de Extensão, professor José Pereira, ressalta que a Universidade, através de ações extensionistas, traz como um dos propósitos desenvolver estratégias que englobam a questão da qualidade de vida, capacitação e geração de renda, visando a ressocialização das pessoas privadas de liberdade.

A iniciativa tem como objetivo implementar o plano de gerenciamento de Resíduos Sólidos, através da educação ambiental, atendendo a proposta de inclusão social e de geração de renda, bem como promover atos de educação ambiental, articulando ações com os reeducandos.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto extensionista desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está realizando atividades voltadas para a melhoria do meio ambiente no Presídio do Serrotão, em Campina Grande. Em seu primeiro ano de funcionamento, o projeto “Educação em Direitos Humanos e Meio Ambiente: uma proposta de ressocialização através da implantação do Leia Mais...

O post Alunos extensionistas da Universidade Estadual desenvolvem ação ambiental no Presídio do Serrotão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_date] => 2019-04-08 11:15:29 [post_modified_gmt] => 2019-04-08 14:15:29 [post_modified] => 2019-04-08 11:15:29 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=47718 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 8dc7c82377477b5949141fd2f0544a0f [1] => 62c425da552fb226c110481967673d48 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 4 [1] => 8 [2] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => alunos-extensionistas-da-universidade-estadual-desenvolvem-acao-ambiental-no-presidio-do-serrotao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão

Array ( [post_title] => Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão [post_content] =>

Uma pesquisa desenvolvida na Escola Agrotécnica do Cajueiro, localizada no Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), comprovou a viabilidade técnica para a exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão paraibano. O coordenador da pesquisa, professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, estudou os efeitos de doses de biofertilizante e de lâminas de irrigação na produção da fruta em condições semiáridas, bem como sua qualidade, mostrando a eficiência do uso de biofertilizante, aplicado via fertirrigação, na produção do abacaxi.

A pesquisa foi realizada no Câmpus IV da UEPB, em Catolé do Rocha, entre os meses de abril de 2017 e novembro de 2018. A cidade tem clima seco, do tipo estepe, com temperatura média anual de 26,9ºC, evapotranspiração média anual de 1.707 milímetros, umidade relativa do ar média anual de 50%, insolação anual de 2.800 horas e precipitação média anual de 874,4 milímetros, sendo esta última característica concentrada no trimestre fevereiro/abril.

De acordo com o professor José Geraldo, aplicando o uso de biofertilizante na produção do abacaxi pérola, foi obtido, na dose de 50,6 mL/planta/vez, em intervalo mensal, frutos pesando em média 1,1Kg, medindo 22 cm de comprimento, com 11 cm de diâmetro, pH variando de 3,7 a 3,9 e sólidos solúveis totais (SST) entre 14,8 e 17,5 oBrix. Ele destacou que o peso e o tamanho do fruto estão dentro dos padrões desejados para a referida variedade e que os valores de sólidos solúveis foram superiores aos obtidos nas diferentes regiões brasileiras, que tiveram uma variação de 14,0 a 16,1 oBrix, conforme literaturas consultadas.

“Isso significa que o abacaxi pérola produzido nas condições semiáridas da microrregião de Catolé do Rocha, em consequência do elevado valor do oBrix, tende a ser mais doce. Por outro lado, a única restrição à exploração da fruta nessas condições é a elevada demanda hídrica, uma vez que foram necessários 1.800 milímetros anuais para uma produção máxima da cultura, considerando que, nas regiões tradicionalmente produtoras, a necessidade hídrica varia de 1.000 a 1.500 milímetros anuais”, explicou professor Geraldo.

Em razão dos resultados positivos alcançados com a pesquisa feita na Escola Agrotécnica do Cajueiro, a exploração da cultura do abacaxi pérola será recomendada para os produtores rurais de base familiar da microrregião de Catolé do Rocha, o que contribuirá para o aumento da renda no setor rural, com consequente melhoria da qualidade de vida das famílias. Professor José Geraldo destaca, ainda, que as orientações técnicas necessárias serão prestadas pelos alunos extensionistas da UEPB e pelos extensionistas rurais da Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (EMPAER), Gerência de Catolé do Rocha.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma pesquisa desenvolvida na Escola Agrotécnica do Cajueiro, localizada no Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), comprovou a viabilidade técnica para a exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão paraibano. O coordenador da pesquisa, professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, estudou os efeitos de doses de biofertilizante e de Leia Mais...

O post Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-13 13:09:23 [post_date] => 2019-03-13 10:09:23 [post_modified_gmt] => 2019-03-13 13:09:23 [post_modified] => 2019-03-13 10:09:23 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46981 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 07aa82861e051be428e55fe45c6c2643 [1] => 586eeedcbf214253230fcab40bee8398 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão

Array ( [post_title] => Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão [post_content] =>

Uma pesquisa desenvolvida na Escola Agrotécnica do Cajueiro, localizada no Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), comprovou a viabilidade técnica para a exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão paraibano. O coordenador da pesquisa, professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, estudou os efeitos de doses de biofertilizante e de lâminas de irrigação na produção da fruta em condições semiáridas, bem como sua qualidade, mostrando a eficiência do uso de biofertilizante, aplicado via fertirrigação, na produção do abacaxi.

A pesquisa foi realizada no Câmpus IV da UEPB, em Catolé do Rocha, entre os meses de abril de 2017 e novembro de 2018. A cidade tem clima seco, do tipo estepe, com temperatura média anual de 26,9ºC, evapotranspiração média anual de 1.707 milímetros, umidade relativa do ar média anual de 50%, insolação anual de 2.800 horas e precipitação média anual de 874,4 milímetros, sendo esta última característica concentrada no trimestre fevereiro/abril.

De acordo com o professor José Geraldo, aplicando o uso de biofertilizante na produção do abacaxi pérola, foi obtido, na dose de 50,6 mL/planta/vez, em intervalo mensal, frutos pesando em média 1,1Kg, medindo 22 cm de comprimento, com 11 cm de diâmetro, pH variando de 3,7 a 3,9 e sólidos solúveis totais (SST) entre 14,8 e 17,5 oBrix. Ele destacou que o peso e o tamanho do fruto estão dentro dos padrões desejados para a referida variedade e que os valores de sólidos solúveis foram superiores aos obtidos nas diferentes regiões brasileiras, que tiveram uma variação de 14,0 a 16,1 oBrix, conforme literaturas consultadas.

“Isso significa que o abacaxi pérola produzido nas condições semiáridas da microrregião de Catolé do Rocha, em consequência do elevado valor do oBrix, tende a ser mais doce. Por outro lado, a única restrição à exploração da fruta nessas condições é a elevada demanda hídrica, uma vez que foram necessários 1.800 milímetros anuais para uma produção máxima da cultura, considerando que, nas regiões tradicionalmente produtoras, a necessidade hídrica varia de 1.000 a 1.500 milímetros anuais”, explicou professor Geraldo.

Em razão dos resultados positivos alcançados com a pesquisa feita na Escola Agrotécnica do Cajueiro, a exploração da cultura do abacaxi pérola será recomendada para os produtores rurais de base familiar da microrregião de Catolé do Rocha, o que contribuirá para o aumento da renda no setor rural, com consequente melhoria da qualidade de vida das famílias. Professor José Geraldo destaca, ainda, que as orientações técnicas necessárias serão prestadas pelos alunos extensionistas da UEPB e pelos extensionistas rurais da Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (EMPAER), Gerência de Catolé do Rocha.

Texto: Givaldo Cavalcanti

O post Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma pesquisa desenvolvida na Escola Agrotécnica do Cajueiro, localizada no Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), comprovou a viabilidade técnica para a exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão paraibano. O coordenador da pesquisa, professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, estudou os efeitos de doses de biofertilizante e de Leia Mais...

O post Pesquisa desenvolvida na UEPB comprova viabilidade para exploração do abacaxizeiro pérola no Sertão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-03-13 13:09:23 [post_date] => 2019-03-13 10:09:23 [post_modified_gmt] => 2019-03-13 13:09:23 [post_modified] => 2019-03-13 10:09:23 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=46981 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-tecnica-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 07aa82861e051be428e55fe45c6c2643 [1] => 586eeedcbf214253230fcab40bee8398 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisa-desenvolvida-na-uepb-comprova-viabilidade-para-exploracao-do-abacaxizeiro-perola-no-sertao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento

Array ( [post_title] => Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, iniciou a implantação de mais um projeto sustentável voltado para o cultivo de palmas forrageiras. Trata-se do projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento, utilizando energia solar.

A iniciativa foi viabilizada graças a uma parceira entre a Direção do Câmpus IV com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e a Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa). O projeto foi implantado em uma área de 3 mil metros quadrados, totalizando um plantio de 5.280 raquetes de palma.

O diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Nunes, ressaltou que o projeto surge como um modelo sustentável que servirá para demonstrar aos alunos, professores e produtores rurais a viabilidade tecnológica e produtiva da Palma, considerado o “ouro verde do semiárido”. Ele destacou o apoio do presidente do Sistema Senar/Faepa, Mário Borba; do Superintendente do Senar/PB, Sérgio Martins; e do presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, professor Melquíades, como fundamental para o êxito do projeto.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, iniciou a implantação de mais um projeto sustentável voltado para o cultivo de palmas forrageiras. Trata-se do projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento, utilizando energia solar. A Leia Mais...

O post Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-04 15:27:27 [post_date] => 2018-12-04 12:27:27 [post_modified_gmt] => 2018-12-04 15:27:27 [post_modified] => 2018-12-04 12:27:27 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45386 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => df40c90f133554f6ac05d30b174faa01 [1] => 7fb898672b046fc18a07dea446062cd2 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-iv-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento

Array ( [post_title] => Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, iniciou a implantação de mais um projeto sustentável voltado para o cultivo de palmas forrageiras. Trata-se do projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento, utilizando energia solar.

A iniciativa foi viabilizada graças a uma parceira entre a Direção do Câmpus IV com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e a Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa). O projeto foi implantado em uma área de 3 mil metros quadrados, totalizando um plantio de 5.280 raquetes de palma.

O diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Nunes, ressaltou que o projeto surge como um modelo sustentável que servirá para demonstrar aos alunos, professores e produtores rurais a viabilidade tecnológica e produtiva da Palma, considerado o “ouro verde do semiárido”. Ele destacou o apoio do presidente do Sistema Senar/Faepa, Mário Borba; do Superintendente do Senar/PB, Sérgio Martins; e do presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, professor Melquíades, como fundamental para o êxito do projeto.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, iniciou a implantação de mais um projeto sustentável voltado para o cultivo de palmas forrageiras. Trata-se do projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento, utilizando energia solar. A Leia Mais...

O post Câmpus IV inicia projeto de cultivo de palma adensada com sistema de irrigação por gotejamento apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-12-04 15:27:27 [post_date] => 2018-12-04 12:27:27 [post_modified_gmt] => 2018-12-04 15:27:27 [post_modified] => 2018-12-04 12:27:27 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=45386 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => df40c90f133554f6ac05d30b174faa01 [1] => 7fb898672b046fc18a07dea446062cd2 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-iv-inicia-projeto-de-cultivo-de-palma-adensada-com-sistema-de-irrigacao-por-gotejamento )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania

Array ( [post_title] => 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Os desafios vivenciados por todos os agentes envolvidos com a Educação brasileira vêm, ao longo dos anos, implicando várias discussões sobre as alternativas possíveis para a equalização de problemas nessa área. Seja pela necessidade de valorização do professor, investimento em tecnologia, universalização dos serviços, construção de carreira, práticas pedagógicas ou até a formação continuada, são muitos os quesitos que remetem uma reflexão baseada em princípios que visam alcançar esse objetivo.

Com a proposta de discutir educação e cidadania, a 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), iniciada nesta terça (25), está reunindo estudantes, professores e pesquisadores que dialogam sobre assuntos relacionados ao tema central “Discutindo educação, a prática e a cidadania”. A palestra de abertura foi proferida pelo reitor da UEPB, professor Rangel Junior, e abordou a temática “Os desafios atuais na formação docente”.

Segundo o reitor, o Brasil ainda não conseguiu resolver questões básicas na Educação, como garantir que 100% dos jovens concluam o ensino superior – já que, segundo dado apontado por ele, esse número atinge, em média, apenas a metade dos jovens – bem como que cada professor sinta que sua carreira seja valorizada, com garantia de sustendo para ele e sua família. Rangel Junior também apontou como dever do Estado a tarefa na formação de educadores, como também apontou que as melhorias visadas por professores não são inatingíveis.

“Mais caro que a Educação é a ignorância. A Educação no sentido mais puro, é pautada no respeito e na formação para a vida. Precisamos construir uma nação desenvolvida do ponto de vista social, para que a sala de aula seja um local de troca de experiências, de saberes, onde o estudante seja apaixonado pelo conhecimento. Acredito que tudo isso não seja inatingível. É preciso ter comprometimento para que possamos construir uma profissão atrativa, dignificada, para que cada jovem se veja e se realize profissionalmente”, destacou Rangel.

Sobre a proposta da 5ª Semana Acadêmica do CCHA, a diretora do Centro, professora Vaneide Lima Silva, destacou o empenho de todos os professores, servidores e estudantes envolvidos, além de ressaltar a contribuição que o evento oferece para o desenvolvimento do pensar pedagógico. Ela destacou as mesas redondas, palestras, oficinas, atividades culturais e minicursos oferecidos, uma vez que durante essas atividades é possível construir novas maneiras de pensar a Educação.

“Nosso objetivo é integrar todos os alunos do Centro, técnicos administrativos, professores e pesquisadores. Esse evento é uma demonstração de resistência, uma vez que sabemos das dificuldades que a UEPB vem enfrentando nos últimos anos, mas se não fosse o trabalho de todos os envolvidos nós não teríamos conseguido realizar esta 5ª Semana Acadêmica. Integramos os trabalhos do CCHA com a Escola Agrotécnica do Cajueiro e o resultado foi esse evento ousado, com uma proposta de reunir a discussão teórica, pedagógica, a arte e muitas outras áreas”, disse Vaneide.

Também participaram da abertura da 5ª Semana Acadêmica do CCHA, o diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Silva Nunes; o chefe do Departamento de Agrárias e Exatas, professor Josemir Moura; a coordenadora do PARFOR, professora Benedita Ferreira Arnald; o diretor do IFPB de Catolé do Rocha, professor Caetano José de Lima; a gerente da 8ª Região de Ensino, Socorro Muniz; bem como o professor Jairo Bezerra Silva, que coordenou a apresentação do trecho do espetáculo “Os Saltimbancos”, com alunos dos cursos de Letras e Ciências Agrárias.

As atividades do evento seguem nesta quinta-feira (27), às 8h30, com a palestra “Literatura e ensino”: limites e perspectivas”, e às 9h30 com a conferência de encerramento, que terá como tema “Oportunidades do agronegócio no Brasil e na região Nordeste”. Também serão realizadas apresentações culturais a partir das 10h30, e atividades esportivas das 16h às 18h, e a partir das 7h30 na sexta-feira (28).

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Os desafios vivenciados por todos os agentes envolvidos com a Educação brasileira vêm, ao longo dos anos, implicando várias discussões sobre as alternativas possíveis para a equalização de problemas nessa área. Seja pela necessidade de valorização do professor, investimento em tecnologia, universalização dos serviços, construção de carreira, práticas pedagógicas ou até a formação continuada, são Leia Mais...

O post 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-26 20:09:28 [post_date] => 2018-09-26 17:09:28 [post_modified_gmt] => 2018-09-26 20:09:28 [post_modified] => 2018-09-26 17:09:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43709 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 98ae969ae35116583f83c76a6612c454 [1] => 7e0754591742bb1d9e87eabfc52c8acb ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania

Array ( [post_title] => 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Os desafios vivenciados por todos os agentes envolvidos com a Educação brasileira vêm, ao longo dos anos, implicando várias discussões sobre as alternativas possíveis para a equalização de problemas nessa área. Seja pela necessidade de valorização do professor, investimento em tecnologia, universalização dos serviços, construção de carreira, práticas pedagógicas ou até a formação continuada, são muitos os quesitos que remetem uma reflexão baseada em princípios que visam alcançar esse objetivo.

Com a proposta de discutir educação e cidadania, a 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), iniciada nesta terça (25), está reunindo estudantes, professores e pesquisadores que dialogam sobre assuntos relacionados ao tema central “Discutindo educação, a prática e a cidadania”. A palestra de abertura foi proferida pelo reitor da UEPB, professor Rangel Junior, e abordou a temática “Os desafios atuais na formação docente”.

Segundo o reitor, o Brasil ainda não conseguiu resolver questões básicas na Educação, como garantir que 100% dos jovens concluam o ensino superior – já que, segundo dado apontado por ele, esse número atinge, em média, apenas a metade dos jovens – bem como que cada professor sinta que sua carreira seja valorizada, com garantia de sustendo para ele e sua família. Rangel Junior também apontou como dever do Estado a tarefa na formação de educadores, como também apontou que as melhorias visadas por professores não são inatingíveis.

“Mais caro que a Educação é a ignorância. A Educação no sentido mais puro, é pautada no respeito e na formação para a vida. Precisamos construir uma nação desenvolvida do ponto de vista social, para que a sala de aula seja um local de troca de experiências, de saberes, onde o estudante seja apaixonado pelo conhecimento. Acredito que tudo isso não seja inatingível. É preciso ter comprometimento para que possamos construir uma profissão atrativa, dignificada, para que cada jovem se veja e se realize profissionalmente”, destacou Rangel.

Sobre a proposta da 5ª Semana Acadêmica do CCHA, a diretora do Centro, professora Vaneide Lima Silva, destacou o empenho de todos os professores, servidores e estudantes envolvidos, além de ressaltar a contribuição que o evento oferece para o desenvolvimento do pensar pedagógico. Ela destacou as mesas redondas, palestras, oficinas, atividades culturais e minicursos oferecidos, uma vez que durante essas atividades é possível construir novas maneiras de pensar a Educação.

“Nosso objetivo é integrar todos os alunos do Centro, técnicos administrativos, professores e pesquisadores. Esse evento é uma demonstração de resistência, uma vez que sabemos das dificuldades que a UEPB vem enfrentando nos últimos anos, mas se não fosse o trabalho de todos os envolvidos nós não teríamos conseguido realizar esta 5ª Semana Acadêmica. Integramos os trabalhos do CCHA com a Escola Agrotécnica do Cajueiro e o resultado foi esse evento ousado, com uma proposta de reunir a discussão teórica, pedagógica, a arte e muitas outras áreas”, disse Vaneide.

Também participaram da abertura da 5ª Semana Acadêmica do CCHA, o diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Silva Nunes; o chefe do Departamento de Agrárias e Exatas, professor Josemir Moura; a coordenadora do PARFOR, professora Benedita Ferreira Arnald; o diretor do IFPB de Catolé do Rocha, professor Caetano José de Lima; a gerente da 8ª Região de Ensino, Socorro Muniz; bem como o professor Jairo Bezerra Silva, que coordenou a apresentação do trecho do espetáculo “Os Saltimbancos”, com alunos dos cursos de Letras e Ciências Agrárias.

As atividades do evento seguem nesta quinta-feira (27), às 8h30, com a palestra “Literatura e ensino”: limites e perspectivas”, e às 9h30 com a conferência de encerramento, que terá como tema “Oportunidades do agronegócio no Brasil e na região Nordeste”. Também serão realizadas apresentações culturais a partir das 10h30, e atividades esportivas das 16h às 18h, e a partir das 7h30 na sexta-feira (28).

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Os desafios vivenciados por todos os agentes envolvidos com a Educação brasileira vêm, ao longo dos anos, implicando várias discussões sobre as alternativas possíveis para a equalização de problemas nessa área. Seja pela necessidade de valorização do professor, investimento em tecnologia, universalização dos serviços, construção de carreira, práticas pedagógicas ou até a formação continuada, são Leia Mais...

O post 5ª Semana Acadêmica do Centro de Ciências Humanas e Agrárias discute Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-26 20:09:28 [post_date] => 2018-09-26 17:09:28 [post_modified_gmt] => 2018-09-26 20:09:28 [post_modified] => 2018-09-26 17:09:28 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43709 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 98ae969ae35116583f83c76a6612c454 [1] => 7e0754591742bb1d9e87eabfc52c8acb ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 5a-semana-academica-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-discute-educacao-e-cidadania )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania

Array ( [post_title] => 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania [post_content] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), instalado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, realiza a partir desta terça-feira (25) até a próxima quinta (27), a sua 5ª Semana Acadêmica, que abordará a temática “Discutindo a Educação, a Prática e a Cidadania”. Trata-se de um evento tradicional na região de Catolé do Rocha, que visa reunir professores, estudantes e técnicos administrativos com o objetivo de integrar a comunidade acadêmica, ampliando a formação dos estudantes e a interação com profissionais da região.

As atividades são voltadas aos estudantes, professores e técnicos administrativos do Câmpus IV e conta com palestras, mesas redondas, oficinas e minicursos, além de atividades culturais e esportivas. Também podem participar profissionais da Educação interessados na renovação de seus conhecimentos, bem como pessoas da comunidade local.

De acordo com a professora Vaneide Lima Silva, uma das organizadoras da Semana, o encontro objetiva discutir os desafios atuais da formação docente, debater a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), refletir o lugar e a importância do Estágio Supervisionado nos cursos de licenciatura, bem como apontar novas possibilidades para a melhoria da metodologia de ensino nos cursos de formação de professores.

A Semana Acadêmica possibilita aos participantes estabelecer contato com experiências extracurriculares no campo do conhecimento, favorecer a interação entre toda a comunidade acadêmica e ofertar produtos científicos e culturais que dão visibilidade aos trabalhos acadêmicos desenvolvidos no Câmpus IV. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail cchauepbcampusiv@gmail.com ou pelos telefones (83) 3441-1366 / 3441-2632.

 

Texto: Giuliana Rodrigues

O post 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), instalado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, realiza a partir desta terça-feira (25) até a próxima quinta (27), a sua 5ª Semana Acadêmica, que abordará a temática “Discutindo a Educação, a Prática e a Cidadania”. Trata-se de um evento tradicional Leia Mais...

O post 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-24 13:43:17 [post_date] => 2018-09-24 10:43:17 [post_modified_gmt] => 2018-09-24 13:43:17 [post_modified] => 2018-09-24 10:43:17 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43084 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 9ea2d4d8d3a5ab1ddce30178a97909c7 [1] => 521302032f14513d7d40f1bddba7d36f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania

Array ( [post_title] => 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania [post_content] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), instalado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, realiza a partir desta terça-feira (25) até a próxima quinta (27), a sua 5ª Semana Acadêmica, que abordará a temática “Discutindo a Educação, a Prática e a Cidadania”. Trata-se de um evento tradicional na região de Catolé do Rocha, que visa reunir professores, estudantes e técnicos administrativos com o objetivo de integrar a comunidade acadêmica, ampliando a formação dos estudantes e a interação com profissionais da região.

As atividades são voltadas aos estudantes, professores e técnicos administrativos do Câmpus IV e conta com palestras, mesas redondas, oficinas e minicursos, além de atividades culturais e esportivas. Também podem participar profissionais da Educação interessados na renovação de seus conhecimentos, bem como pessoas da comunidade local.

De acordo com a professora Vaneide Lima Silva, uma das organizadoras da Semana, o encontro objetiva discutir os desafios atuais da formação docente, debater a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), refletir o lugar e a importância do Estágio Supervisionado nos cursos de licenciatura, bem como apontar novas possibilidades para a melhoria da metodologia de ensino nos cursos de formação de professores.

A Semana Acadêmica possibilita aos participantes estabelecer contato com experiências extracurriculares no campo do conhecimento, favorecer a interação entre toda a comunidade acadêmica e ofertar produtos científicos e culturais que dão visibilidade aos trabalhos acadêmicos desenvolvidos no Câmpus IV. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail cchauepbcampusiv@gmail.com ou pelos telefones (83) 3441-1366 / 3441-2632.

 

Texto: Giuliana Rodrigues

O post 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), instalado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, realiza a partir desta terça-feira (25) até a próxima quinta (27), a sua 5ª Semana Acadêmica, que abordará a temática “Discutindo a Educação, a Prática e a Cidadania”. Trata-se de um evento tradicional Leia Mais...

O post 5ª Semana Acadêmica do CCHA tem início nesta terça, dia 25, com debate sobre Educação e Cidadania apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-24 13:43:17 [post_date] => 2018-09-24 10:43:17 [post_modified_gmt] => 2018-09-24 13:43:17 [post_modified] => 2018-09-24 10:43:17 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43084 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 9ea2d4d8d3a5ab1ddce30178a97909c7 [1] => 521302032f14513d7d40f1bddba7d36f ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => 5a-semana-academica-do-ccha-tem-inicio-nesta-terca-dia-25-com-debate-sobre-educacao-e-cidadania )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha

Array ( [post_title] => Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Três pesquisas desenvolvidas por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), têm ajudado na restauração da horticultura na microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa “Solaplant”, coordenada pelo professor Evandro Franklin de Mesquita, do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, visa a restauração da horticultura da região, a exemplo do quiabo, abobrinha, da batata-doce, entre outras.

Os primeiros resultados da pesquisa já forneceram dados relevantes para a região. Atualmente, o grupo está desenvolvendo três projetos de pesquisa com as culturas da melancia, alface e tomate. A pesquisa da melancia estuda lâminas de irrigação e Etefon; a de alface, lâminas de irrigação e cores de agrotêxtil; e o experimento de tomate avalia lâminas de água e silício, objetivando contribuir cientificamente para a obtenção de uma maior produtividade com qualidade de frutos para a região, além de fornecer informações científicas para a agricultura familiar local. De acordo com o professor Evandro, no Nordeste, especificamente no Estado da Paraíba, há a necessidade de adoção de técnicas agronômicas eficazes para o convívio sustentável no semiárido.

Apesar de fazer parte do semiárido nordestino, no município de Catolé do Rocha, devido à escassez hídrica nos anos de 2014 a 2017, houve uma diminuição na área plantada e de produtividade na microrregião de Catolé do Rocha. Professor Evandro Franklin explica que o estudo destas culturas tem comprovado a eficiência de utilizá-la de maneira racional para que possa ser mais uma fonte de renda para os agricultores desta microrregião

A evaporação de referência na microrregião de Catolé do Rocha oscila entre 7 e 10 mm/dia, com isso, a utilização de cores agrotêxtil é a introdução de nova tecnologia com a finalidade de minimizar as perdas de água por evaporação. O silício é um elemento mineral que tem despertado interesse por parte dos pesquisadores devido aos benefícios que este elemento traz a algumas culturas agrícolas. Porém, necessita de estudos para averiguar sua importância e essencialidade para a nutrição mineral da abobrinha em regiões semiáridas.

O método de irrigação utilizado na pesquisa é o localizado, com vazão de 1,2 litro/hora, com sistema por gotejamento, que se caracteriza pela eficiência do uso da água e consiste em aplicar água no solo próximo ao sistema radicular da cultura, em pequenas pressões e vazões, mas com elevada frequência. Numa região em que a evaporação de referência pode chegar até 12 milímetros por dia, o uso da irrigação localizada é uma necessidade para a agricultura, o que significa menor quantidade de água evaporada da superfície do solo e, consequentemente, que a quantidade de água aplicada seja maximamente utilizada pela cultura.

Além do professor Evandro, integram a equipe os professores pesquisadores Francisco Pinheiro, Irinaldo Pereira e Irton Miranda, da UEPB; Lourival Ferreira e Rejane Maria, ambos, da UFPB; e Roberto Cleiton, da UFCG; bem como os alunos da Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, Daniel da Silva Ferreira, Caio da Silva Souza, Jackson de Mesquita Alves, Maria Rayanne da Silva, Damiao Vagno Dantas Jales, Mikaelle Fernandes Suassuna de Lima, Géssica Martins de Figueiredo, Dayara Cezário da Silva, Sefora Cordeiro Suassuna, Fernando Nóbrega Targino e Luisa Silva de Queiroz; os doutorandos da UFPB, Danila Lima de Araújo, Lucimara Ferreira de Figueiredo e Rosinaldo de Souza Ferreira; os mestrandos da UFCG, Cezenildo de Figueiredo Suassuna e Albanisa Pereira de Lima; e os estudantes do Curso Técnico em Agropecuária: Jordania Oliveira, Ionara Luiza Soares Machado, Hellen Alessandra de Sá Bezerra, Gabriel Linhares Veras Saldanha e Thiago Andrade Valdivino.

Realizada pelos alunos do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias e do Curso Técnico em Agropecuária da UEPB e dos cursos de Pós-Graduação em Horticultura Tropical e em Agronomia da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), respectivamente, a pesquisa tem aumentado significativamente o ingresso dos graduados da Estadual em programas de pós-graduação, bem como, do Técnico Agropecuária em graduações na área de Ciências Agrárias.

Fotos: Divulgação

O post Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Três pesquisas desenvolvidas por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), têm ajudado na restauração da horticultura na microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa Leia Mais...

O post Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-13 11:59:45 [post_date] => 2018-09-13 08:59:45 [post_modified_gmt] => 2018-09-13 11:59:45 [post_modified] => 2018-09-13 08:59:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43418 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f7935fa162dfa18b7fada6d5d3a0c0ab [1] => bbd562a24b22fb2be56ee15841615590 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha

Array ( [post_title] => Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Três pesquisas desenvolvidas por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), têm ajudado na restauração da horticultura na microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa “Solaplant”, coordenada pelo professor Evandro Franklin de Mesquita, do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, visa a restauração da horticultura da região, a exemplo do quiabo, abobrinha, da batata-doce, entre outras.

Os primeiros resultados da pesquisa já forneceram dados relevantes para a região. Atualmente, o grupo está desenvolvendo três projetos de pesquisa com as culturas da melancia, alface e tomate. A pesquisa da melancia estuda lâminas de irrigação e Etefon; a de alface, lâminas de irrigação e cores de agrotêxtil; e o experimento de tomate avalia lâminas de água e silício, objetivando contribuir cientificamente para a obtenção de uma maior produtividade com qualidade de frutos para a região, além de fornecer informações científicas para a agricultura familiar local. De acordo com o professor Evandro, no Nordeste, especificamente no Estado da Paraíba, há a necessidade de adoção de técnicas agronômicas eficazes para o convívio sustentável no semiárido.

Apesar de fazer parte do semiárido nordestino, no município de Catolé do Rocha, devido à escassez hídrica nos anos de 2014 a 2017, houve uma diminuição na área plantada e de produtividade na microrregião de Catolé do Rocha. Professor Evandro Franklin explica que o estudo destas culturas tem comprovado a eficiência de utilizá-la de maneira racional para que possa ser mais uma fonte de renda para os agricultores desta microrregião

A evaporação de referência na microrregião de Catolé do Rocha oscila entre 7 e 10 mm/dia, com isso, a utilização de cores agrotêxtil é a introdução de nova tecnologia com a finalidade de minimizar as perdas de água por evaporação. O silício é um elemento mineral que tem despertado interesse por parte dos pesquisadores devido aos benefícios que este elemento traz a algumas culturas agrícolas. Porém, necessita de estudos para averiguar sua importância e essencialidade para a nutrição mineral da abobrinha em regiões semiáridas.

O método de irrigação utilizado na pesquisa é o localizado, com vazão de 1,2 litro/hora, com sistema por gotejamento, que se caracteriza pela eficiência do uso da água e consiste em aplicar água no solo próximo ao sistema radicular da cultura, em pequenas pressões e vazões, mas com elevada frequência. Numa região em que a evaporação de referência pode chegar até 12 milímetros por dia, o uso da irrigação localizada é uma necessidade para a agricultura, o que significa menor quantidade de água evaporada da superfície do solo e, consequentemente, que a quantidade de água aplicada seja maximamente utilizada pela cultura.

Além do professor Evandro, integram a equipe os professores pesquisadores Francisco Pinheiro, Irinaldo Pereira e Irton Miranda, da UEPB; Lourival Ferreira e Rejane Maria, ambos, da UFPB; e Roberto Cleiton, da UFCG; bem como os alunos da Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, Daniel da Silva Ferreira, Caio da Silva Souza, Jackson de Mesquita Alves, Maria Rayanne da Silva, Damiao Vagno Dantas Jales, Mikaelle Fernandes Suassuna de Lima, Géssica Martins de Figueiredo, Dayara Cezário da Silva, Sefora Cordeiro Suassuna, Fernando Nóbrega Targino e Luisa Silva de Queiroz; os doutorandos da UFPB, Danila Lima de Araújo, Lucimara Ferreira de Figueiredo e Rosinaldo de Souza Ferreira; os mestrandos da UFCG, Cezenildo de Figueiredo Suassuna e Albanisa Pereira de Lima; e os estudantes do Curso Técnico em Agropecuária: Jordania Oliveira, Ionara Luiza Soares Machado, Hellen Alessandra de Sá Bezerra, Gabriel Linhares Veras Saldanha e Thiago Andrade Valdivino.

Realizada pelos alunos do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias e do Curso Técnico em Agropecuária da UEPB e dos cursos de Pós-Graduação em Horticultura Tropical e em Agronomia da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), respectivamente, a pesquisa tem aumentado significativamente o ingresso dos graduados da Estadual em programas de pós-graduação, bem como, do Técnico Agropecuária em graduações na área de Ciências Agrárias.

Fotos: Divulgação

O post Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Três pesquisas desenvolvidas por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), têm ajudado na restauração da horticultura na microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa Leia Mais...

O post Pesquisas desenvolvidas na UEPB potencializam cultivo de hortícolas na microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-09-13 11:59:45 [post_date] => 2018-09-13 08:59:45 [post_modified_gmt] => 2018-09-13 11:59:45 [post_modified] => 2018-09-13 08:59:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=43418 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f7935fa162dfa18b7fada6d5d3a0c0ab [1] => bbd562a24b22fb2be56ee15841615590 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 [2] => 13 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisas-desenvolvidas-na-uepb-potencializam-cultivo-de-horticolas-na-microrregiao-de-catole-do-rocha )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Atendendo demanda da comunidade acadêmica, a direção do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, inaugurou na noite desta terça-feira (21) um novo equipamento esportivo no Centro. Trata-se de uma quadra de areia, construída com recursos próprios e que vai servir para a prática esportiva dos professores, técnicos e estudantes da graduação e da Escola Agrotécnica do Cajueiro, além dos moradores da região.

Os serviços de construção da quadra foram realizados graças a um trabalho conjunto envolvendo a Pró-Reitoria de Infraestrutura (PROINFRA) e a Pró-Reitoria de Gestão Administrativa (PROAD). A solenidade de inauguração foi marcada pela realização de um torneio esportivo de vôlei e futevôlei. A diretora do Centro, professora Vaneide Lima Silva, e o diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Nunes, participaram da inauguração, que também contou com a presença da pró-reitora Estudantil, Núbia Nascimento; do pró-reitor de Extensão, José Pereira; do coordenador de Esportes e Lazer, Eugênio Eloi; bem como técnicos e estudantes do CCHA.

A diretora da CCHA, professora Vaneide Lima, disse que o equipamento foi uma importante conquista do Centro e terá grande utilidade no Câmpus e para a comunidade em geral. Ela enfatizou que o espaço será usado por estudantes e pela população que reside ao redor do Centro, que a partir de agora poderá praticar atividades esportivas na quadra. Vaneide informou, ainda, que já manteve contato com o novo professor de Educação Física do Câmpus, professor Tabira Cortez, para suporte nas atividades extensionistas. “É um equipamento fundamental para o Câmpus e vai nos ajudar a ampliar as atividades de extensão, além de proporcionar momentos agradáveis à população”, frisou.

Professor Edivan lembrou que o equipamento foi um sonho iniciado na gestão passada e concluído graças ao esforço e empenho da professora Vaneide Lima, atual diretora. “Além de servir para a realização de práticas esportivas de toda a comunidade universitária, a quadra também será utilizada pela comunidade em geral, com o objetivo de aproximar ainda mais o Câmpus de Catolé do Rocha com a sociedade”, destacou o professor.

Núbia Nascimento, pró-reitora Estudantil, esteve presente na inauguração e também destacou a importância do equipamento tanto para a comunidade universitária como para a sociedade, que poderá usufruir da quadra. “Essa quadra é de grande importância, porque também vai contemplar a comunidade externa, através dos diversos projetos de extensão. Podemos perceber no semblante das pessoas a satisfação em ganhar uma quadra de areia para suas atividades. Ouvimos diversos depoimentos de professores e estudantes parabenizando a UEPB e, particularmente, os diretores do Centro e da Escola Agrotécnica pela iniciativa”, salientou.

Coordenador de Esportes e Lazer da UEPB, o professor Eugênio Eloi disse que ficou impressionado com o depoimento da comunidade que terá acesso gratuito ao novo equipamento. Segundo o professor, a construção da quadra de areia aproxima ainda mais a Universidade da sociedade, consistindo em um espaço que o Centro não tinha e que há muito tempo sonhava com sua realização. “A proposta inicial era atender a comunidade acadêmica, já que o campo existente no Câmpus de Catolé do Rocha estava sem condições de uso. Mas, a partir de agora, a comunidade terá acesso à quadra, um espaço valoroso”, frisou.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Atendendo demanda da comunidade acadêmica, a direção do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, inaugurou na noite desta terça-feira (21) um novo equipamento esportivo no Centro. Trata-se de uma quadra de areia, construída com recursos próprios e que vai servir Leia Mais...

O post Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-22 17:26:03 [post_date] => 2018-08-22 14:26:03 [post_modified_gmt] => 2018-08-22 17:26:03 [post_modified] => 2018-08-22 14:26:03 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=42899 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 600efa9208dc181d28b34583e9d8ba76 [1] => 440be85d30794cbd3105b29106f50762 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 23 [2] => 5 [3] => 35 [4] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva

Array ( [post_title] => Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Atendendo demanda da comunidade acadêmica, a direção do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, inaugurou na noite desta terça-feira (21) um novo equipamento esportivo no Centro. Trata-se de uma quadra de areia, construída com recursos próprios e que vai servir para a prática esportiva dos professores, técnicos e estudantes da graduação e da Escola Agrotécnica do Cajueiro, além dos moradores da região.

Os serviços de construção da quadra foram realizados graças a um trabalho conjunto envolvendo a Pró-Reitoria de Infraestrutura (PROINFRA) e a Pró-Reitoria de Gestão Administrativa (PROAD). A solenidade de inauguração foi marcada pela realização de um torneio esportivo de vôlei e futevôlei. A diretora do Centro, professora Vaneide Lima Silva, e o diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, professor Edivan Nunes, participaram da inauguração, que também contou com a presença da pró-reitora Estudantil, Núbia Nascimento; do pró-reitor de Extensão, José Pereira; do coordenador de Esportes e Lazer, Eugênio Eloi; bem como técnicos e estudantes do CCHA.

A diretora da CCHA, professora Vaneide Lima, disse que o equipamento foi uma importante conquista do Centro e terá grande utilidade no Câmpus e para a comunidade em geral. Ela enfatizou que o espaço será usado por estudantes e pela população que reside ao redor do Centro, que a partir de agora poderá praticar atividades esportivas na quadra. Vaneide informou, ainda, que já manteve contato com o novo professor de Educação Física do Câmpus, professor Tabira Cortez, para suporte nas atividades extensionistas. “É um equipamento fundamental para o Câmpus e vai nos ajudar a ampliar as atividades de extensão, além de proporcionar momentos agradáveis à população”, frisou.

Professor Edivan lembrou que o equipamento foi um sonho iniciado na gestão passada e concluído graças ao esforço e empenho da professora Vaneide Lima, atual diretora. “Além de servir para a realização de práticas esportivas de toda a comunidade universitária, a quadra também será utilizada pela comunidade em geral, com o objetivo de aproximar ainda mais o Câmpus de Catolé do Rocha com a sociedade”, destacou o professor.

Núbia Nascimento, pró-reitora Estudantil, esteve presente na inauguração e também destacou a importância do equipamento tanto para a comunidade universitária como para a sociedade, que poderá usufruir da quadra. “Essa quadra é de grande importância, porque também vai contemplar a comunidade externa, através dos diversos projetos de extensão. Podemos perceber no semblante das pessoas a satisfação em ganhar uma quadra de areia para suas atividades. Ouvimos diversos depoimentos de professores e estudantes parabenizando a UEPB e, particularmente, os diretores do Centro e da Escola Agrotécnica pela iniciativa”, salientou.

Coordenador de Esportes e Lazer da UEPB, o professor Eugênio Eloi disse que ficou impressionado com o depoimento da comunidade que terá acesso gratuito ao novo equipamento. Segundo o professor, a construção da quadra de areia aproxima ainda mais a Universidade da sociedade, consistindo em um espaço que o Centro não tinha e que há muito tempo sonhava com sua realização. “A proposta inicial era atender a comunidade acadêmica, já que o campo existente no Câmpus de Catolé do Rocha estava sem condições de uso. Mas, a partir de agora, a comunidade terá acesso à quadra, um espaço valoroso”, frisou.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Atendendo demanda da comunidade acadêmica, a direção do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, inaugurou na noite desta terça-feira (21) um novo equipamento esportivo no Centro. Trata-se de uma quadra de areia, construída com recursos próprios e que vai servir Leia Mais...

O post Centro de Ciências Humanas e Agrárias da UEPB inaugura quadra de areia para prática esportiva apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-08-22 17:26:03 [post_date] => 2018-08-22 14:26:03 [post_modified_gmt] => 2018-08-22 17:26:03 [post_modified] => 2018-08-22 14:26:03 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=42899 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 600efa9208dc181d28b34583e9d8ba76 [1] => 440be85d30794cbd3105b29106f50762 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 23 [2] => 5 [3] => 35 [4] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-da-uepb-inaugura-quadra-de-areia-para-pratica-esportiva )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha

Array ( [post_title] => Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma pesquisa desenvolvida por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), tem ajudado na restauração da horticultura na Microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa “Solaplant”, liderada pelo professor Evandro Franklin de Mesquita, coordenador do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, visa potencializar culturas típicas da região, a exemplo do quiabo, da melancia, batata-doce, entre outras.

Os primeiros resultados da pesquisa já forneceram dados relevantes para a região. Atualmente, o grupo está desenvolvendo um projeto de pesquisa com a cultura da abobrinha. A pesquisa estuda o efeito dos nutrientes minerais nitrogênio e silício, objetivando contribuir cientificamente para a obtenção de uma maior produtividade com qualidade de frutos de abobrinha, além de fornecer informações científicas para agricultura familiar local. De acordo com o professor Evandro, no Brasil, especificamente na região Nordeste, concentram-se os maiores produtores desta cultura, agrupando também os maiores estados consumidores, como Pernambuco, Piauí, Maranhão e Bahia.

Apesar de fazer parte do semiárido nordestino, no município de Catolé do Rocha não há indícios desta cultura com importante valor de mercado para a região. Professor Evandro Franklin explica que o estudo desta cultura tem comprovado a eficiência de utilizá-la de maneira racional para que possa ser mais uma fonte de renda para os agricultores desta microrregião

Segundo o pesquisador, o teor de matéria orgânica dos solos locais é geralmente baixo e, com isso, há a necessidade da adubação nitrogenada. O silício é um elemento mineral que tem despertado interesse por parte dos pesquisadores devido aos benefícios que este elemento traz a algumas culturas agrícolas. Porém, necessita de estudos para averiguar sua importância e essencialidade para a nutrição mineral da abobrinha em regiões semiáridas.

O método de irrigação utilizado é o localizado, com sistema por gotejamento. Este sistema se caracteriza pela eficiência do uso da água e consiste em aplicar água no solo próximo ao sistema radicular da cultura, em pequenas pressões e vazões, mas com elevada frequência. Numa região em que a evaporação de referência pode chegar até 12 milímetros por dia, o uso da irrigação localizada é uma necessidade para a agricultura, o que significa menor quantidade de água evaporada da superfície do solo.

Além do professor Evandro, integram a equipe os professores pesquisadores Francisco Pinheiro, Irinaldo Pereira e Irton Miranda, da UEPB; Lourival Ferreira, da UFPB; e Roberto Cleiton, da UFCG; bem como os alunos da Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, Daniel da Silva Ferreira, Caio da Silva Souza, Jackson de Mesquita Alves, Maria Rayanne da Silva, Géssica Martins de Figueiredo, Dayara Cezário da Silva, Sefora Cordeiro Suassuna, Fernando Nóbrega Targino e Luisa Silva de Queiroz; os doutorandos da UFPB, Danila Lima de Araújo, Lucimara Ferreira de Figueiredo e Rosinaldo de Souza Ferreira; e os mestrandos da UFCG Cezenildo de Figueiredo Suassuna e Albanisa Pereira de Lima.

Realizada pelos alunos do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB e dos cursos de Pós-Graduação em Horticultura Tropical e em Agronomia da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), respectivamente, a pesquisa tem aumentado significativamente o ingresso dos graduados da Estadual em programas de pós-graduação.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma pesquisa desenvolvida por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), tem ajudado na restauração da horticultura na Microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa Leia Mais...

O post Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-17 14:13:10 [post_date] => 2018-07-17 11:13:10 [post_modified_gmt] => 2018-07-17 14:13:10 [post_modified] => 2018-07-17 11:13:10 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=42073 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 77d764f174f7e34f4bab65fe3a4d8f84 [1] => f3d39915d9d79f02473057b9c3ce22ca ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha

Array ( [post_title] => Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Uma pesquisa desenvolvida por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), tem ajudado na restauração da horticultura na Microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa “Solaplant”, liderada pelo professor Evandro Franklin de Mesquita, coordenador do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, visa potencializar culturas típicas da região, a exemplo do quiabo, da melancia, batata-doce, entre outras.

Os primeiros resultados da pesquisa já forneceram dados relevantes para a região. Atualmente, o grupo está desenvolvendo um projeto de pesquisa com a cultura da abobrinha. A pesquisa estuda o efeito dos nutrientes minerais nitrogênio e silício, objetivando contribuir cientificamente para a obtenção de uma maior produtividade com qualidade de frutos de abobrinha, além de fornecer informações científicas para agricultura familiar local. De acordo com o professor Evandro, no Brasil, especificamente na região Nordeste, concentram-se os maiores produtores desta cultura, agrupando também os maiores estados consumidores, como Pernambuco, Piauí, Maranhão e Bahia.

Apesar de fazer parte do semiárido nordestino, no município de Catolé do Rocha não há indícios desta cultura com importante valor de mercado para a região. Professor Evandro Franklin explica que o estudo desta cultura tem comprovado a eficiência de utilizá-la de maneira racional para que possa ser mais uma fonte de renda para os agricultores desta microrregião

Segundo o pesquisador, o teor de matéria orgânica dos solos locais é geralmente baixo e, com isso, há a necessidade da adubação nitrogenada. O silício é um elemento mineral que tem despertado interesse por parte dos pesquisadores devido aos benefícios que este elemento traz a algumas culturas agrícolas. Porém, necessita de estudos para averiguar sua importância e essencialidade para a nutrição mineral da abobrinha em regiões semiáridas.

O método de irrigação utilizado é o localizado, com sistema por gotejamento. Este sistema se caracteriza pela eficiência do uso da água e consiste em aplicar água no solo próximo ao sistema radicular da cultura, em pequenas pressões e vazões, mas com elevada frequência. Numa região em que a evaporação de referência pode chegar até 12 milímetros por dia, o uso da irrigação localizada é uma necessidade para a agricultura, o que significa menor quantidade de água evaporada da superfície do solo.

Além do professor Evandro, integram a equipe os professores pesquisadores Francisco Pinheiro, Irinaldo Pereira e Irton Miranda, da UEPB; Lourival Ferreira, da UFPB; e Roberto Cleiton, da UFCG; bem como os alunos da Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB, Daniel da Silva Ferreira, Caio da Silva Souza, Jackson de Mesquita Alves, Maria Rayanne da Silva, Géssica Martins de Figueiredo, Dayara Cezário da Silva, Sefora Cordeiro Suassuna, Fernando Nóbrega Targino e Luisa Silva de Queiroz; os doutorandos da UFPB, Danila Lima de Araújo, Lucimara Ferreira de Figueiredo e Rosinaldo de Souza Ferreira; e os mestrandos da UFCG Cezenildo de Figueiredo Suassuna e Albanisa Pereira de Lima.

Realizada pelos alunos do curso de Licenciatura em Ciências Agrárias da UEPB e dos cursos de Pós-Graduação em Horticultura Tropical e em Agronomia da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), respectivamente, a pesquisa tem aumentado significativamente o ingresso dos graduados da Estadual em programas de pós-graduação.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Uma pesquisa desenvolvida por alunos e professores do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), no Câmpus IV, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), tem ajudado na restauração da horticultura na Microrregião de Catolé do Rocha. A pesquisa Leia Mais...

O post Pesquisa da UEPB e instituições parceiras potencializa culturas típicas da Microrregião de Catolé do Rocha apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-17 14:13:10 [post_date] => 2018-07-17 11:13:10 [post_modified_gmt] => 2018-07-17 14:13:10 [post_modified] => 2018-07-17 11:13:10 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=42073 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 77d764f174f7e34f4bab65fe3a4d8f84 [1] => f3d39915d9d79f02473057b9c3ce22ca ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => pesquisa-da-uepb-e-instituicoes-parceiras-potencializa-culturas-tipicas-da-microrregiao-de-catole-do-rocha )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias

Array ( [post_title] => Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O auditório do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado em Catolé do Rocha, recebeu, na noite desta quinta-feira (12) a solenidade de Colação de Grau período 2017.2 do Câmpus IV. A cerimônia confirmou a conclusão do curso dos alunos das licenciaturas em Letras e Ciências Agrárias que, a partir de então, estão aptos a ingressar no mercado de trabalho como profissionais formados. Além dos agora graduados, familiares, amigos, servidores e professores prestigiaram o momento marcado por muita emoção.

A formanda responsável por prestar o juramento foi Ana Caroline Soares Pereira, do curso de Licenciatura em Letras. Após a realização deste ato, o aluno do curso de Letras, Izaías Serafim de Lima Neto, Orador Oficial das turmas, proferiu seu discurso sintetizando a saga dos estudantes nestes últimos anos e destacando o que devem enfrentar a partir desta nova etapa. Utilizando algumas peculiaridades da poesia, o jovem falou sobre sonhos e sonhadores, destacou as conquistas que todos obtiveram e não poupou agradecimentos aos pais, professores, servidores e todos aqueles que estiveram presentes ao longo da graduação.

“Em tempos tão obscuros, é uma ousadia tremenda ser professor. Ser docente nesse país é, de fato, um sonho. Um sonho áspero que fere a pele, mas eu creio que sara profundamente a alma. Quanta audácia essa nossa em sermos professores. E cada um, no campo ou na cidade, vamos ao mundo levar os nossos sonhos. Quanta ousadia tivemos ao findar uma graduação. Muitos pobres, pretos, à margem dos luxos, mas conquistamos com suor cada pequena coisa que constrói o nosso agora. Quanta honra poder dizer que, enfim, a porta se abre e essa mesma luz que vem dela, um dia poderemos doar aos nossos alunos”, destacou o formando Izaías Serafim.

Escolhida como Paraninfa Geral das turmas 2017.2 do CCHA, a professora Mauriene Freitas agradeceu a homenagem e destacou a responsabilidade que tem em emprestar seu nome a um momento tão importante como a cerimônia de Colação de Grau. “Foi com muita surpresa e honradez que recebi o convite para que eu fosse a paraninfa destas turmas. E me pus a refletir sobre o meu fazer docente, minha atuação política no Câmpus e a influência das minhas ações na vida dos meus alunos. Ser paraninfa, para além dos protocolos, é proferir o último conselho. O que poderia ensinar nesses últimos cinco minutos de encontro nessa Colação de Grau? Ensinar, mais nada. Mas posso relembrar que o momento histórico em que vivemos pede mais coletividade e menos individualidade. Menos eu e mais nós. Vivemos em tempo de subtração, de direitos retirados, tempos de nos reorganizar e lutar. Lutar por nosso país, por nossa Universidade, que é pública, gratuita e de qualidade”, destacou Mauriene.

Já na conferência do grau acadêmico, o formando Ramires Vieira Gomes, representou seus colegas e recebeu o grau conferido pela professora Joana Áurea Cordeiro Barbosa, coordenadora adjunta do curso de Letras. O aluno Danieres Francisco de Sousa, concluinte do curso de Ciências Agrárias, recebeu o grau acadêmico conferido pela professora Maria do Socorro de Caldas Pinto, diretora adjunta do Câmpus IV. Após este momento, excepcionalmente foi realizada uma homenagem aos servidores técnicos administrativos do Centro de Ciências Humanas e Agrárias. O formando Ramires Vieira Gomes leu um texto dedicado aos trabalhadores que, segundo o aluno, contribuíram bastante para a conquista de todos os estudantes.

Presidente desta solenidade, o vice-reitor da UEPB, professor Flávio Romero, parabenizou todos os alunos pela formatura, estendeu os parabéns aos familiares e amigos dos formandos e reforçou a satisfação da escolha da professora Mauriene Freitas como paraninfa das turmas. Professor Flávio também apontou questões importantes que a Universidade vem enfrentando nos últimos anos, como crise financeira, corte de orçamento, mas não poupou elogios ao trabalho de qualidade que vem sendo feito na formação e preparação dos alunos para o mercado.

“Quero desde já parabenizar a escolha da paraninfa das turmas por tudo que representa esse momento e também dizer que o sonho o qual o orador tanto destacou em sua fala, eu acredito que ele se alimenta de esperança. E todos nós devemos ter esperança. Aqui na UEPB se aprende valores. Mesmo com todas as dificuldades que estamos enfrentando, nada disso é capaz de ser maior que nossa esperança e vontade de vencer. E a história mostra isso. A história da UEPB é de resistência, de enfrentar as dificuldades e vencê-las. Por isso digo aos formandos: a partir de agora contribuam com a sua profissão. A ética é fundamental para isso, para que vocês sejam profissionais íntegros, e lembrem-se de acima de tudo promover o respeito à cidadania”, destacou o vice-retor.

Participaram da solenidade de Colação de Grau do Câmpus IV, compondo a mesa solene, a professora Vaniede Lima Silva, diretora do CCHA; o pró-reitor adjunto de Graduação da UEPB, professor Altamir Souto Dias; o chefe de gabinete da UEPB, professor Ricardo Soares; a professora Maria do Socorro de Caldas Pinto, diretoria adjunta do CCHA; a professora Joana Áurea Cordeiro Barbosa, coordenadora adjunta do curso de Letras; e o professor Auríbio Farias Conceição, chefe do Departamento de Letras.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O auditório do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado em Catolé do Rocha, recebeu, na noite desta quinta-feira (12) a solenidade de Colação de Grau período 2017.2 do Câmpus IV. A cerimônia confirmou a conclusão do curso dos alunos das licenciaturas em Letras e Ciências Agrárias que, Leia Mais...

O post Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-13 14:43:02 [post_date] => 2018-07-13 11:43:02 [post_modified_gmt] => 2018-07-13 14:43:02 [post_modified] => 2018-07-13 11:43:02 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41989 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f7cd073eed526b4f2f78bb42ce2f9576 [1] => ca153a8b28c7541084a0f51964f0c285 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias

Array ( [post_title] => Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

O auditório do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado em Catolé do Rocha, recebeu, na noite desta quinta-feira (12) a solenidade de Colação de Grau período 2017.2 do Câmpus IV. A cerimônia confirmou a conclusão do curso dos alunos das licenciaturas em Letras e Ciências Agrárias que, a partir de então, estão aptos a ingressar no mercado de trabalho como profissionais formados. Além dos agora graduados, familiares, amigos, servidores e professores prestigiaram o momento marcado por muita emoção.

A formanda responsável por prestar o juramento foi Ana Caroline Soares Pereira, do curso de Licenciatura em Letras. Após a realização deste ato, o aluno do curso de Letras, Izaías Serafim de Lima Neto, Orador Oficial das turmas, proferiu seu discurso sintetizando a saga dos estudantes nestes últimos anos e destacando o que devem enfrentar a partir desta nova etapa. Utilizando algumas peculiaridades da poesia, o jovem falou sobre sonhos e sonhadores, destacou as conquistas que todos obtiveram e não poupou agradecimentos aos pais, professores, servidores e todos aqueles que estiveram presentes ao longo da graduação.

“Em tempos tão obscuros, é uma ousadia tremenda ser professor. Ser docente nesse país é, de fato, um sonho. Um sonho áspero que fere a pele, mas eu creio que sara profundamente a alma. Quanta audácia essa nossa em sermos professores. E cada um, no campo ou na cidade, vamos ao mundo levar os nossos sonhos. Quanta ousadia tivemos ao findar uma graduação. Muitos pobres, pretos, à margem dos luxos, mas conquistamos com suor cada pequena coisa que constrói o nosso agora. Quanta honra poder dizer que, enfim, a porta se abre e essa mesma luz que vem dela, um dia poderemos doar aos nossos alunos”, destacou o formando Izaías Serafim.

Escolhida como Paraninfa Geral das turmas 2017.2 do CCHA, a professora Mauriene Freitas agradeceu a homenagem e destacou a responsabilidade que tem em emprestar seu nome a um momento tão importante como a cerimônia de Colação de Grau. “Foi com muita surpresa e honradez que recebi o convite para que eu fosse a paraninfa destas turmas. E me pus a refletir sobre o meu fazer docente, minha atuação política no Câmpus e a influência das minhas ações na vida dos meus alunos. Ser paraninfa, para além dos protocolos, é proferir o último conselho. O que poderia ensinar nesses últimos cinco minutos de encontro nessa Colação de Grau? Ensinar, mais nada. Mas posso relembrar que o momento histórico em que vivemos pede mais coletividade e menos individualidade. Menos eu e mais nós. Vivemos em tempo de subtração, de direitos retirados, tempos de nos reorganizar e lutar. Lutar por nosso país, por nossa Universidade, que é pública, gratuita e de qualidade”, destacou Mauriene.

Já na conferência do grau acadêmico, o formando Ramires Vieira Gomes, representou seus colegas e recebeu o grau conferido pela professora Joana Áurea Cordeiro Barbosa, coordenadora adjunta do curso de Letras. O aluno Danieres Francisco de Sousa, concluinte do curso de Ciências Agrárias, recebeu o grau acadêmico conferido pela professora Maria do Socorro de Caldas Pinto, diretora adjunta do Câmpus IV. Após este momento, excepcionalmente foi realizada uma homenagem aos servidores técnicos administrativos do Centro de Ciências Humanas e Agrárias. O formando Ramires Vieira Gomes leu um texto dedicado aos trabalhadores que, segundo o aluno, contribuíram bastante para a conquista de todos os estudantes.

Presidente desta solenidade, o vice-reitor da UEPB, professor Flávio Romero, parabenizou todos os alunos pela formatura, estendeu os parabéns aos familiares e amigos dos formandos e reforçou a satisfação da escolha da professora Mauriene Freitas como paraninfa das turmas. Professor Flávio também apontou questões importantes que a Universidade vem enfrentando nos últimos anos, como crise financeira, corte de orçamento, mas não poupou elogios ao trabalho de qualidade que vem sendo feito na formação e preparação dos alunos para o mercado.

“Quero desde já parabenizar a escolha da paraninfa das turmas por tudo que representa esse momento e também dizer que o sonho o qual o orador tanto destacou em sua fala, eu acredito que ele se alimenta de esperança. E todos nós devemos ter esperança. Aqui na UEPB se aprende valores. Mesmo com todas as dificuldades que estamos enfrentando, nada disso é capaz de ser maior que nossa esperança e vontade de vencer. E a história mostra isso. A história da UEPB é de resistência, de enfrentar as dificuldades e vencê-las. Por isso digo aos formandos: a partir de agora contribuam com a sua profissão. A ética é fundamental para isso, para que vocês sejam profissionais íntegros, e lembrem-se de acima de tudo promover o respeito à cidadania”, destacou o vice-retor.

Participaram da solenidade de Colação de Grau do Câmpus IV, compondo a mesa solene, a professora Vaniede Lima Silva, diretora do CCHA; o pró-reitor adjunto de Graduação da UEPB, professor Altamir Souto Dias; o chefe de gabinete da UEPB, professor Ricardo Soares; a professora Maria do Socorro de Caldas Pinto, diretoria adjunta do CCHA; a professora Joana Áurea Cordeiro Barbosa, coordenadora adjunta do curso de Letras; e o professor Auríbio Farias Conceição, chefe do Departamento de Letras.

Texto: Givaldo Cavalcanti
Fotos: Paizinha Lemos

O post Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O auditório do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado em Catolé do Rocha, recebeu, na noite desta quinta-feira (12) a solenidade de Colação de Grau período 2017.2 do Câmpus IV. A cerimônia confirmou a conclusão do curso dos alunos das licenciaturas em Letras e Ciências Agrárias que, Leia Mais...

O post Câmpus de Catolé do Rocha forma novos profissionais nas áreas de Letras e Ciências Agrárias apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-07-13 14:43:02 [post_date] => 2018-07-13 11:43:02 [post_modified_gmt] => 2018-07-13 14:43:02 [post_modified] => 2018-07-13 11:43:02 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41989 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => f7cd073eed526b4f2f78bb42ce2f9576 [1] => ca153a8b28c7541084a0f51964f0c285 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-catole-do-rocha-forma-novos-profissionais-nas-areas-de-letras-e-ciencias-agrarias )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão

Array ( [post_title] => Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Um projeto de pesquisa desenvolvido pelo professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, está produzindo uvas em alto padrão, sem uso de agrotóxico e mostrado que o cultivo do produto pode ser adaptado ao semiárido e às altas temperaturas do Sertão. A sétima poda da primeira colheita da uva orgânica da variedade Isabel já está sendo feita e a perspectiva de produção é de quatro toneladas por hectare.

Parte da produção da videira será destinada para pequisa no Câmpus, sendo que a proposta é, futuramente, colocar a tecnologia a disposição dos produtores da região. Algumas das uvas colhidas também serão transformadas em polpas e distribuídas gratuitamente nas creches da cidade e entre a comunidade universitária.

A produção orgânica de uvas no Câmpus IV, com uso de biofertilizantes, vem sendo feita com sucesso desde 2011, graças a um projeto coordenado pelo professor José Geraldo. A iniciativa foi conduzida pelos estudantes Alex Serafim de Lima, Francisca Lacerda da Silva, Joicy Maria Simões Vieira e Jéssica da Mota Santos, alunos da Licenciatura Plena em Ciências Agrárias. A pesquisa, que foi desenvolvida na Estação Experimental Agroecológica, teve como objetivo estudar os efeitos de doses de biofertilizante e de intervalos de aplicação na produção e na qualidade da produção da videira Isabel.

Diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, o professor Edivan Nunes explicou que a ideia é, futuramente, beneficiar os produtores da região, gerando renda e aquecendo a economia local. Edivan observou que, historicamente, Catolé do Rocha não tem o costume de cultivar uva, por entender que a cultura não é adequada ao clima quente do Sertão paraibano. No entanto, a pequisa desenvolvida pela UEPB tem mostrado que o cultivo de uva na região é viável, desde que se aplicada a tecnologia correta.

Além de produzir uva orgânica, um dos diferenciais da pequisa é que todo o trabalho foi feito sem uso de agrotóxicos e com o desenvolvimento de uma irrigação localizada, que é a aplicação de água diretamente sobre a zona radicular das culturas, em pequenas quantidades. O projeto, vinculado ao curso de Ciências Agrárias, existe há sete anos e. além de proporcionar a cultura da uva, ainda é capaz de avaliar a qualidade da produção da fruta e a escala de pH (que indica se o meio é ácido, básico ou neutro).

Ao todo, o cultivo conta com 210 plantas na videira, a maioria experimentais, com uma produção média de 18 quilos de uva por planta. As uvas cultivadas no Câmpus IV, pela característica própria de sua criação, apresentam um paladar diferenciado em relação a mesma fruta cultivada em outros locais. Segundo o professor José Geraldo, a uva é bem mais doce do que as disponíveis normalmente no mercado. Pela forma como é cultivada, tem uma concentração de açúcar maior. O próximo passo do projeto será o cultivo de outros tipos de frutas a partir da mesma metodologia. José Geraldo afirmou que o plantio de uvas pode gerar até duas colheitas por ano.

 

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto de pesquisa desenvolvido pelo professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, está produzindo uvas em alto padrão, sem uso de agrotóxico e mostrado que o cultivo do produto pode ser adaptado ao Leia Mais...

O post Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-06-15 17:53:35 [post_date] => 2018-06-15 14:53:35 [post_modified_gmt] => 2018-06-15 17:53:35 [post_modified] => 2018-06-15 14:53:35 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41458 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bf5eca54a300d384ee9ddda6a2a2e91a [1] => 6d78f23a7c54f53db02f0fa1fc814ce4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 [2] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão

Array ( [post_title] => Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Um projeto de pesquisa desenvolvido pelo professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, está produzindo uvas em alto padrão, sem uso de agrotóxico e mostrado que o cultivo do produto pode ser adaptado ao semiárido e às altas temperaturas do Sertão. A sétima poda da primeira colheita da uva orgânica da variedade Isabel já está sendo feita e a perspectiva de produção é de quatro toneladas por hectare.

Parte da produção da videira será destinada para pequisa no Câmpus, sendo que a proposta é, futuramente, colocar a tecnologia a disposição dos produtores da região. Algumas das uvas colhidas também serão transformadas em polpas e distribuídas gratuitamente nas creches da cidade e entre a comunidade universitária.

A produção orgânica de uvas no Câmpus IV, com uso de biofertilizantes, vem sendo feita com sucesso desde 2011, graças a um projeto coordenado pelo professor José Geraldo. A iniciativa foi conduzida pelos estudantes Alex Serafim de Lima, Francisca Lacerda da Silva, Joicy Maria Simões Vieira e Jéssica da Mota Santos, alunos da Licenciatura Plena em Ciências Agrárias. A pesquisa, que foi desenvolvida na Estação Experimental Agroecológica, teve como objetivo estudar os efeitos de doses de biofertilizante e de intervalos de aplicação na produção e na qualidade da produção da videira Isabel.

Diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, o professor Edivan Nunes explicou que a ideia é, futuramente, beneficiar os produtores da região, gerando renda e aquecendo a economia local. Edivan observou que, historicamente, Catolé do Rocha não tem o costume de cultivar uva, por entender que a cultura não é adequada ao clima quente do Sertão paraibano. No entanto, a pequisa desenvolvida pela UEPB tem mostrado que o cultivo de uva na região é viável, desde que se aplicada a tecnologia correta.

Além de produzir uva orgânica, um dos diferenciais da pequisa é que todo o trabalho foi feito sem uso de agrotóxicos e com o desenvolvimento de uma irrigação localizada, que é a aplicação de água diretamente sobre a zona radicular das culturas, em pequenas quantidades. O projeto, vinculado ao curso de Ciências Agrárias, existe há sete anos e. além de proporcionar a cultura da uva, ainda é capaz de avaliar a qualidade da produção da fruta e a escala de pH (que indica se o meio é ácido, básico ou neutro).

Ao todo, o cultivo conta com 210 plantas na videira, a maioria experimentais, com uma produção média de 18 quilos de uva por planta. As uvas cultivadas no Câmpus IV, pela característica própria de sua criação, apresentam um paladar diferenciado em relação a mesma fruta cultivada em outros locais. Segundo o professor José Geraldo, a uva é bem mais doce do que as disponíveis normalmente no mercado. Pela forma como é cultivada, tem uma concentração de açúcar maior. O próximo passo do projeto será o cultivo de outros tipos de frutas a partir da mesma metodologia. José Geraldo afirmou que o plantio de uvas pode gerar até duas colheitas por ano.

 

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação

O post Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um projeto de pesquisa desenvolvido pelo professor José Geraldo Rodrigues dos Santos, do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus IV, em Catolé do Rocha, está produzindo uvas em alto padrão, sem uso de agrotóxico e mostrado que o cultivo do produto pode ser adaptado ao Leia Mais...

O post Projeto do Centro de Ciências Humanas e Agrárias realiza primeira colheita de uvas orgânicas de alto padrão apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-06-15 17:53:35 [post_date] => 2018-06-15 14:53:35 [post_modified_gmt] => 2018-06-15 17:53:35 [post_modified] => 2018-06-15 14:53:35 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=41458 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => bf5eca54a300d384ee9ddda6a2a2e91a [1] => 6d78f23a7c54f53db02f0fa1fc814ce4 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 [2] => 21 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => projeto-do-centro-de-ciencias-humanas-e-agrarias-realiza-primeira-colheita-de-uvas-organicas-de-alto-padrao )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos

Array ( [post_title] => Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Os caminhoneiros pararam o Brasil, mas não pararam a comitiva da Pró-Reitoria de Cultura (Procult) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) que seguiu rumo a Catolé do Rocha, na última sexta-feira (25) para a realização do 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos. A quarta etapa da iniciativa, efetivada pela UEPB por meio da Procult, deu-se em parceria com a direção do Câmpus IV e com a Prefeitura Municipal, inserida na programação oficial dos 83 anos de emancipação política da cidade.

As atividades do evento iniciaram logo na entrada do Câmpus IV, com a apresentação dos emboladores de coco, Will e Canário, e presença marcante do público. Seguindo com a programação do período da tarde, o Encontro teve como sede o Projeto XiqueXique – Espaço Aberto de Aprendizagem Comunitária. Idealizado pelo professor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Pedro Nunes, o XiqueXique é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sem fins lucrativos, situado no Sítio das Pedras – Cajueiro, município de Catolé do Rocha. Instalado naquela área rural do Alto Sertão da Paraíba, o projeto conta com diversos espaços de exposição e de desenvolvimento de atividades culturais, trilhas para caminhadas, incluindo Parque Temático das Pedras e Museu de Memória Local, entre outros.

Na sede do XiqueXique, o Encontro foi aberto pelo coordenador local, professor Marcelo Vieira, que também coordena o Núcleo de Arte e Cultura do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA). Marcelo destacou a alegria, em nome de todos do Câmpus IV, por fazer parte do evento, ressaltando a natureza da iniciativa, de fortalecimento à música de raiz e de impulsionar a expressão artística da Paraíba. Acompanhado pela diretora do CCHA, Vaneide Lima e pelo diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, Edivan da Silva Nunes Júnior, Marcelo deu as boas vindas aos integrantes do Encontro. “É nosso desejo que aproveitem bastante as atividades propostas e possam conhecer melhor o talento desses artistas que representam tão bem a qualidade da nossa música”, disse.

O pró-reitor de Cultura da UEPB, José Cristóvão de Andrade, pontuou que este Encontro ficará na história. “Na prática, mostramos a importância da cultura na mobilização do povo, seu papel de mudança e de transformação da sociedade. O Encontro tem esta ampla sintonia com a arte regional, anda de mãos dadas com a manifestação popular”, frisou.

Em seguida, começou a aula espetáculo com Luizinho Calixto. Em sua preleção, Luizinho apontou algumas estratégias usadas por ele, no manual que escreveu ensinando os detalhes da execução de excelência na sanfona de oito baixos, bem como da afinação do instrumento. Da aula também participaram João e Marcelo Calixto, além dos professores do Centro Artístico Cultural da UEPB, Erivan Ferreira e João Batista. Mais tarde começaram as apresentações dos inscritos, havendo ainda declamações de José Ferreira Neto e do poeta Lino Sapo, mestre de cerimônias da segunda edição do Encontro.

Rock e Forró com Assis Rosa

Na parte da noite, o 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba se juntou a programação dos 83 anos de emancipação política de Catolé do Rocha, abrindo o evento Rock na Praça, que acontece anualmente nesse período, na Praça Prefeito Sérgio Maia. Homenageado do Encontro, Assis Rosa encantou os presentes, desfiando na sanfona sucessos memoráveis do cancioneiro nordestino.

Nascido em 21 de maio de 1951, José Rosa da Silva Filho nasceu em Riacho dos Cavalos (PB). Começou seu caminho musical em 1971, tocando em festas de aniversário e da padroeira, casamentos, festas juninas e em encontros com amigos. No ano passado, foi agraciado com o título de cidadão catoleense pela Câmara Municipal de Catolé do Rocha. Para ele, um verdadeiro presente que veio oficializar a relação de pertencimento que já dispunha com a cidade.

O primeiro instrumento de Assis foi uma gaita, aos 12 anos. Devido às dificuldades financeiras enfrentadas pela família, somente cinco anos mais tarde conseguiu adquirir uma sanfona. Atualmente, o artista reside no Bairro Tancredo Neves, em Catolé, e goza de renome no município quando se fala em música, resistência e regionalidade.

Texto: Oziella Inocêncio
Fotos: Hugo Tabosa e Uirá Agra

O post Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Os caminhoneiros pararam o Brasil, mas não pararam a comitiva da Pró-Reitoria de Cultura (Procult) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) que seguiu rumo a Catolé do Rocha, na última sexta-feira (25) para a realização do 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos. A quarta etapa da iniciativa, efetivada pela UEPB Leia Mais...

O post Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-05-28 17:15:45 [post_date] => 2018-05-28 14:15:45 [post_modified_gmt] => 2018-05-28 17:15:45 [post_modified] => 2018-05-28 14:15:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=40917 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 4715ce708c639607eac46c913bca64fb [1] => 1694110e1051132f7e408e8710a7a0bd ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos

Array ( [post_title] => Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos [post_content] =>

Clique para exibir o slide.

Os caminhoneiros pararam o Brasil, mas não pararam a comitiva da Pró-Reitoria de Cultura (Procult) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) que seguiu rumo a Catolé do Rocha, na última sexta-feira (25) para a realização do 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos. A quarta etapa da iniciativa, efetivada pela UEPB por meio da Procult, deu-se em parceria com a direção do Câmpus IV e com a Prefeitura Municipal, inserida na programação oficial dos 83 anos de emancipação política da cidade.

As atividades do evento iniciaram logo na entrada do Câmpus IV, com a apresentação dos emboladores de coco, Will e Canário, e presença marcante do público. Seguindo com a programação do período da tarde, o Encontro teve como sede o Projeto XiqueXique – Espaço Aberto de Aprendizagem Comunitária. Idealizado pelo professor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Pedro Nunes, o XiqueXique é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sem fins lucrativos, situado no Sítio das Pedras – Cajueiro, município de Catolé do Rocha. Instalado naquela área rural do Alto Sertão da Paraíba, o projeto conta com diversos espaços de exposição e de desenvolvimento de atividades culturais, trilhas para caminhadas, incluindo Parque Temático das Pedras e Museu de Memória Local, entre outros.

Na sede do XiqueXique, o Encontro foi aberto pelo coordenador local, professor Marcelo Vieira, que também coordena o Núcleo de Arte e Cultura do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA). Marcelo destacou a alegria, em nome de todos do Câmpus IV, por fazer parte do evento, ressaltando a natureza da iniciativa, de fortalecimento à música de raiz e de impulsionar a expressão artística da Paraíba. Acompanhado pela diretora do CCHA, Vaneide Lima e pelo diretor da Escola Agrotécnica do Cajueiro, Edivan da Silva Nunes Júnior, Marcelo deu as boas vindas aos integrantes do Encontro. “É nosso desejo que aproveitem bastante as atividades propostas e possam conhecer melhor o talento desses artistas que representam tão bem a qualidade da nossa música”, disse.

O pró-reitor de Cultura da UEPB, José Cristóvão de Andrade, pontuou que este Encontro ficará na história. “Na prática, mostramos a importância da cultura na mobilização do povo, seu papel de mudança e de transformação da sociedade. O Encontro tem esta ampla sintonia com a arte regional, anda de mãos dadas com a manifestação popular”, frisou.

Em seguida, começou a aula espetáculo com Luizinho Calixto. Em sua preleção, Luizinho apontou algumas estratégias usadas por ele, no manual que escreveu ensinando os detalhes da execução de excelência na sanfona de oito baixos, bem como da afinação do instrumento. Da aula também participaram João e Marcelo Calixto, além dos professores do Centro Artístico Cultural da UEPB, Erivan Ferreira e João Batista. Mais tarde começaram as apresentações dos inscritos, havendo ainda declamações de José Ferreira Neto e do poeta Lino Sapo, mestre de cerimônias da segunda edição do Encontro.

Rock e Forró com Assis Rosa

Na parte da noite, o 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba se juntou a programação dos 83 anos de emancipação política de Catolé do Rocha, abrindo o evento Rock na Praça, que acontece anualmente nesse período, na Praça Prefeito Sérgio Maia. Homenageado do Encontro, Assis Rosa encantou os presentes, desfiando na sanfona sucessos memoráveis do cancioneiro nordestino.

Nascido em 21 de maio de 1951, José Rosa da Silva Filho nasceu em Riacho dos Cavalos (PB). Começou seu caminho musical em 1971, tocando em festas de aniversário e da padroeira, casamentos, festas juninas e em encontros com amigos. No ano passado, foi agraciado com o título de cidadão catoleense pela Câmara Municipal de Catolé do Rocha. Para ele, um verdadeiro presente que veio oficializar a relação de pertencimento que já dispunha com a cidade.

O primeiro instrumento de Assis foi uma gaita, aos 12 anos. Devido às dificuldades financeiras enfrentadas pela família, somente cinco anos mais tarde conseguiu adquirir uma sanfona. Atualmente, o artista reside no Bairro Tancredo Neves, em Catolé, e goza de renome no município quando se fala em música, resistência e regionalidade.

Texto: Oziella Inocêncio
Fotos: Hugo Tabosa e Uirá Agra

O post Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Os caminhoneiros pararam o Brasil, mas não pararam a comitiva da Pró-Reitoria de Cultura (Procult) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) que seguiu rumo a Catolé do Rocha, na última sexta-feira (25) para a realização do 2º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos. A quarta etapa da iniciativa, efetivada pela UEPB Leia Mais...

O post Câmpus de Catolé de Rocha recebe etapa do 2° Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2018-05-28 17:15:45 [post_date] => 2018-05-28 14:15:45 [post_modified_gmt] => 2018-05-28 17:15:45 [post_modified] => 2018-05-28 14:15:45 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=40917 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CCHA – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ccha/feed/ [syndication_feed_id] => 12 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 4715ce708c639607eac46c913bca64fb [1] => 1694110e1051132f7e408e8710a7a0bd ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 8 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => campus-de-catole-de-rocha-recebe-etapa-do-2-encontro-de-sanfoneiros-e-tocadores-de-fole-de-oito-baixos )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge

Array ( [post_title] => Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge [post_content] =>

Professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade

Um trabalho desenvolvido por uma graduada e pós-graduada da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) venceu o concurso cultural “Move ELT Forward Beyond the Classroom”, promovido pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido. A professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade participou do concurso com o projeto “Produção de HQ nas aulas de Língua Inglesa”, desenvolvido quando atuou como docente supervisora do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência (PIBID) no Câmpus III da Instituição, em Guarabira.

O projeto conquistou o primeiro lugar no concurso e, graças ao resultado, a professora ganhou uma viagem com passagem aérea e estadia de cinco dias para a cidade de Cambridge, na Inglaterra, a fim de participar do Better Learning Conference, um dos maiores eventos de ensino de Língua Inglesa do mundo. O concurso teve por objetivo mapear os projetos pedagógicos que expandem o ensino do idioma inglês, o que, segundo professora Joana, mostra que os professores estão a todo momento construindo e reinventando a educação no Brasil. O resultado foi divulgado nesta quarta-feira (15) e a viagem da vencedora acontecerá entre 30 de junho e 5 de julho.

Joana revelou que o projeto surgiu a partir da tentativa de tornar a aula de Língua Inglesa mais interessante, para que os alunos se sentissem mais motivados para estudar e aprender a produzir textos em Língua Inglesa. Com este objetivo e com a intenção de elevar a autoestima dos educandos, no sentido de revelar a capacidade que cada um possui de aprender uma nova língua, a docente fez a proposta de trabalhar com a leitura da obra Cinderella, com a posterior atividade de produção de um novo texto em Língua Inglesa a partir do uso de estratégias de tradução.

O passo seguinte foi a escolha dos personagens e cada aluno deveria representar um dos personagens da obra, com figurino específico, para a composição do livro a partir de material fotográfico. A atividade contou ainda com uma sessão fotográfica produzida na escola. No tocante aos resultados obtidos, Joana disse que o livro de Cinderella tornou-se um material interessante que não somente os seus alunos, como também alunos de outras turmas, podem ter acesso, assim como outros professores podem desenvolver atividades com ele.

“Dessa forma pude contribuir com o enriquecimento do acervo bibliográfico de minha escola. Com relação a construção de uma autoimagem positiva, consegui, realmente, desenvolver atividades que elevaram a autoestima dos meus alunos, que se perceberam capazes de ler em inglês, de escrever em inglês, de se perceberem na condição de alguém que escreve um livro”, comentou Joana Andrade.

A professora Joana Paula Costa Cardoso fez Graduação em Letras/Inglês no Centro de Humanidades, Câmpus III da UEPB, em Guarabira, cursou o Mestrado em Literatura e Interculturalidade no Câmpus I, em Campina Grande, e o Mestrado Profissional em Letras – PROFLETRAS, como bolsista Capes, no Câmpus III, em Guarabira. Atualmente, ela é professora da rede estadual, na Educação Básica, e ensina na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Benjamin Maranhão, no programa Escola Cidadã Integral (ECI).

Texto: Severino Lopes
Foto: Arquivo pessoal

O post Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um trabalho desenvolvido por uma graduada e pós-graduada da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) venceu o concurso cultural “Move ELT Forward Beyond the Classroom”, promovido pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido. A professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade participou do concurso com o projeto “Produção de HQ nas aulas de Língua Inglesa”, desenvolvido Leia Mais...

O post Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-05-16 18:12:51 [post_date] => 2019-05-16 15:12:51 [post_modified_gmt] => 2019-05-16 18:12:51 [post_modified] => 2019-05-16 15:12:51 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48497 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CH – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [syndication_feed_id] => 18 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1c17fba462e2d5edb03a74e91e7d4edc [1] => 7defb4aa01f8fe16be8095fd8a8dbd89 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 12 [1] => 5 [2] => 6 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-vence-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge

Array ( [post_title] => Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge [post_content] =>

Professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade

Um trabalho desenvolvido por uma graduada e pós-graduada da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) venceu o concurso cultural “Move ELT Forward Beyond the Classroom”, promovido pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido. A professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade participou do concurso com o projeto “Produção de HQ nas aulas de Língua Inglesa”, desenvolvido quando atuou como docente supervisora do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência (PIBID) no Câmpus III da Instituição, em Guarabira.

O projeto conquistou o primeiro lugar no concurso e, graças ao resultado, a professora ganhou uma viagem com passagem aérea e estadia de cinco dias para a cidade de Cambridge, na Inglaterra, a fim de participar do Better Learning Conference, um dos maiores eventos de ensino de Língua Inglesa do mundo. O concurso teve por objetivo mapear os projetos pedagógicos que expandem o ensino do idioma inglês, o que, segundo professora Joana, mostra que os professores estão a todo momento construindo e reinventando a educação no Brasil. O resultado foi divulgado nesta quarta-feira (15) e a viagem da vencedora acontecerá entre 30 de junho e 5 de julho.

Joana revelou que o projeto surgiu a partir da tentativa de tornar a aula de Língua Inglesa mais interessante, para que os alunos se sentissem mais motivados para estudar e aprender a produzir textos em Língua Inglesa. Com este objetivo e com a intenção de elevar a autoestima dos educandos, no sentido de revelar a capacidade que cada um possui de aprender uma nova língua, a docente fez a proposta de trabalhar com a leitura da obra Cinderella, com a posterior atividade de produção de um novo texto em Língua Inglesa a partir do uso de estratégias de tradução.

O passo seguinte foi a escolha dos personagens e cada aluno deveria representar um dos personagens da obra, com figurino específico, para a composição do livro a partir de material fotográfico. A atividade contou ainda com uma sessão fotográfica produzida na escola. No tocante aos resultados obtidos, Joana disse que o livro de Cinderella tornou-se um material interessante que não somente os seus alunos, como também alunos de outras turmas, podem ter acesso, assim como outros professores podem desenvolver atividades com ele.

“Dessa forma pude contribuir com o enriquecimento do acervo bibliográfico de minha escola. Com relação a construção de uma autoimagem positiva, consegui, realmente, desenvolver atividades que elevaram a autoestima dos meus alunos, que se perceberam capazes de ler em inglês, de escrever em inglês, de se perceberem na condição de alguém que escreve um livro”, comentou Joana Andrade.

A professora Joana Paula Costa Cardoso fez Graduação em Letras/Inglês no Centro de Humanidades, Câmpus III da UEPB, em Guarabira, cursou o Mestrado em Literatura e Interculturalidade no Câmpus I, em Campina Grande, e o Mestrado Profissional em Letras – PROFLETRAS, como bolsista Capes, no Câmpus III, em Guarabira. Atualmente, ela é professora da rede estadual, na Educação Básica, e ensina na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Benjamin Maranhão, no programa Escola Cidadã Integral (ECI).

Texto: Severino Lopes
Foto: Arquivo pessoal

O post Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

Um trabalho desenvolvido por uma graduada e pós-graduada da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) venceu o concurso cultural “Move ELT Forward Beyond the Classroom”, promovido pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido. A professora Joana Paula Costa Cardoso e Andrade participou do concurso com o projeto “Produção de HQ nas aulas de Língua Inglesa”, desenvolvido Leia Mais...

O post Trabalho desenvolvido no Câmpus III vence concurso promovido pela Universidade de Cambridge apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-05-16 18:12:51 [post_date] => 2019-05-16 15:12:51 [post_modified_gmt] => 2019-05-16 18:12:51 [post_modified] => 2019-05-16 15:12:51 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48497 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CH – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [syndication_feed_id] => 18 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-conquista-1o-lugar-em-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1c17fba462e2d5edb03a74e91e7d4edc [1] => 7defb4aa01f8fe16be8095fd8a8dbd89 ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 12 [1] => 5 [2] => 6 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => trabalho-desenvolvido-no-campus-iii-vence-concurso-promovido-pela-universidade-de-cambridge )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas

Array ( [post_title] => Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas [post_content] =>

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus de Guarabira, através do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” e com apoio do Departamento de Educação, promove na próxima sexta-feira (17) a primeira atividade do ciclo de estudos e debates sobre história e memórias da vida professoras. Este primeiro encontro será realizado das 8h30 às 11h, no Auditório do CH, e prestará homenagem póstuma à ex-docente do Câmpus III, Maria do Carmo Miranda.

A ex-professora é patrona da Biblioteca do Centro de Humanidades, setor com o qual o evento está sendo feito em parceria. A ideia é promover o resgate da memória da educadora, ao mesmo tempo em que pretende favorecer aos graduandos o contato com a pesquisa acadêmica. Como parte das atividades, haverá uma palestra com a mestra Maria da Graça Cruz Barbosa sobre sua dissertação de mestrado “História e memórias da vida professoral de Maria do Carmo de Miranda nas configurações do magistério (1960-1988)”. O evento contará com a presença de Maria da Consolação Miranda dos Santos e Arnaldo Martins de Miranda, irmãos da homenageada.

Os encontros do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” acontecerão uma vez a cada mês, voltados para as áreas de formação de professores, políticas públicas, Direitos Humanos e Educação Infantil. O grupo é coordenado pela professora Germana Alves de Menezes. As inscrições para esta primeira atividade estão sendo feitas através de formulário eletrônico. Os certificados serão emitidos de forma on-line com carga de 4 horas/aula.

Texto: Severino Lopes

O post Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus de Guarabira, através do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” e com apoio do Departamento de Educação, promove na próxima sexta-feira (17) a primeira atividade do ciclo de estudos e debates sobre história e memórias Leia Mais...

O post Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-05-13 12:56:51 [post_date] => 2019-05-13 09:56:51 [post_modified_gmt] => 2019-05-13 12:56:51 [post_modified] => 2019-05-13 09:56:51 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48403 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CH – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [syndication_feed_id] => 18 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1c714f7f2d64a112d5328a9a9a9b52b0 [1] => 5151183664a18c138561bbf90e95533e ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 12 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => grupo-de-extensao-do-ch-inicia-atividades-do-ciclo-de-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas )

Decide filter: Returning post, everything seems orderly :Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas

Array ( [post_title] => Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas [post_content] =>

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus de Guarabira, através do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” e com apoio do Departamento de Educação, promove na próxima sexta-feira (17) a primeira atividade do ciclo de estudos e debates sobre história e memórias da vida professoras. Este primeiro encontro será realizado das 8h30 às 11h, no Auditório do CH, e prestará homenagem póstuma à ex-docente do Câmpus III, Maria do Carmo Miranda.

A ex-professora é patrona da Biblioteca do Centro de Humanidades, setor com o qual o evento está sendo feito em parceria. A ideia é promover o resgate da memória da educadora, ao mesmo tempo em que pretende favorecer aos graduandos o contato com a pesquisa acadêmica. Como parte das atividades, haverá uma palestra com a mestra Maria da Graça Cruz Barbosa sobre sua dissertação de mestrado “História e memórias da vida professoral de Maria do Carmo de Miranda nas configurações do magistério (1960-1988)”. O evento contará com a presença de Maria da Consolação Miranda dos Santos e Arnaldo Martins de Miranda, irmãos da homenageada.

Os encontros do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” acontecerão uma vez a cada mês, voltados para as áreas de formação de professores, políticas públicas, Direitos Humanos e Educação Infantil. O grupo é coordenado pela professora Germana Alves de Menezes. As inscrições para esta primeira atividade estão sendo feitas através de formulário eletrônico. Os certificados serão emitidos de forma on-line com carga de 4 horas/aula.

Texto: Severino Lopes

O post Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas apareceu primeiro em UEPB.

[post_excerpt] =>

O Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no Câmpus de Guarabira, através do Grupo de Extensão “Sextas Acadêmicas – Produções intelectuais e artísticas em debate” e com apoio do Departamento de Educação, promove na próxima sexta-feira (17) a primeira atividade do ciclo de estudos e debates sobre história e memórias Leia Mais...

O post Grupo de extensão do CH inicia atividades do ciclo de debates sobre produções intelectuais e artísticas apareceu primeiro em UEPB.

[post_date_gmt] => 2019-05-13 12:56:51 [post_date] => 2019-05-13 09:56:51 [post_modified_gmt] => 2019-05-13 12:56:51 [post_modified] => 2019-05-13 09:56:51 [post_status] => publish [comment_status] => closed [ping_status] => closed [guid] => http://www.uepb.edu.br/?p=48403 [meta] => Array ( [enclosure] => Array ( [0] => ) [syndication_source] => CH – UEPB [syndication_source_uri] => http://www.uepb.edu.br [syndication_source_id] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [rss:comments] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/#respond [wfw:commentRSS] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/feed/ [syndication_feed] => http://www.uepb.edu.br/category/centros/ch/feed/ [syndication_feed_id] => 18 [syndication_permalink] => http://www.uepb.edu.br/grupo-de-extensao-do-campus-iii-inicia-atividades-do-ciclo-de-estudos-e-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas/ [syndication_item_hash] => Array ( [0] => 1c714f7f2d64a112d5328a9a9a9b52b0 [1] => 5151183664a18c138561bbf90e95533e ) ) [post_type] => post [post_author] => 25 [tax_input] => Array ( [category] => Array ( [0] => 12 [1] => 5 ) [post_tag] => Array ( ) [post_format] => Array ( ) ) [post_name] => grupo-de-extensao-do-ch-inicia-atividades-do-ciclo-de-debates-sobre-producoes-intelectuais-e-artisticas )

FAF deciding on filters on post to be syndicated:

Núcleo de Prática Jurídica do Centro de Humanidades obtém primeira absolvição de réu em tribunal de júri

Array ( [post_title] => Núcleo de Prática Jurídica do Centro de Humanidades obtém primeira absolvição de réu em tribunal de júri [post_content] =>

Em funcionamento no Centro de Humanidades (CH) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Guarabira, o Núcleo de Prática Jurídica do Câmpus III da Instituição obteve sua primeira vitória nos tribunais. Um homem acusado injustamente de ter cometido um assassinato, no Brejo paraibano, foi absolvido pela Justiça graças a atuação do Núcleo, que provou a sua inocência.

A professora Thaís da Rocha Cruz Tomaz, coordenadora do Núcleo, explicou que ao ter acesso ao processo a equipe comprovou que se tratava de uma injustiça, visto que não existia nenhuma prova concreta de que o homem teria mesmo cometido o crime. Após várias audiências, a juíza da Comarca de Guarabira e responsável pela 1ª Vara Criminal da cidade, Flávia Fernanda, decidiu inocentar o homem e determinar sua soltura. Ele chegou a passar três anos e dois meses preso, no presídio de Guarabira, e se fosse condenado poderia pegar até 30 anos de prisão.

Conforme relatou a professora Thaís Cruz, o homem inocentado pela Justiça havia sido preso suspeito de ter envolvimento no assassinato de uma mulher, no município de Guarabira, em 2016, tendo sido autuado por homicídio qualificado. Quatro pessoas encapuzadas teriam participado do crime, supostamente motivado pela venda de um celular.

A equipe do Núcleo de Prática Jurídica da UEPB, formada por alunos de Direito e pela professora Thaís, tomou conhecimento do caso durante uma visita ao presídio local. Na ocasião, o homem estava sem advogado e prestes a ser condenado, quando se tornou cliente do equipamento jurídico da UEPB. Ao ter acesso ao processo e se debruçar sobre os autos, a equipe notou que não existiam provas materiais nem qualquer outro elemento que comprovasse que o homem era o verdadeiro autor do crime, conforme entendimento posterior do próprio Ministério Público.

Para a equipe do Núcleo de Prática Jurídica, o resultado obtido no Tribunal do Júri atesta a qualidade dos serviços prestados na área jurídica pela Instituição. Atualmente, cerca de 30 alunos do curso de Direito do Câmpus III participam do Núcleo, que possui maior atuação em casos criminais, na defesa de pessoas suspeitas de roubos e furtos que não têm condições de pagar um advogado.

O atendimento ao público acontece