CCJ

CCJ

Centro de Ciências Jurídicas

Centro de Ciências Jurídicas se integra ao Dia Mundial do Meio Ambiente e realiza plantio de mudas

5 de junho de 2018
Clique para exibir o slide.

Dentro das comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente, transcorrido nesta terça-feira (5) e que este ano tem como tema “#AcabeComAPoluiçãoPlástica”, o Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realizou o plantio de 21 mudas de árvores em seu espaço.

As mudas de espécies como ipê branco, roxo e amarelo foram produzidas pelo programa de extensão “Adote uma Árvore”. A primeira muda, na cor branca, e que simbolicamente representou a cultura de paz, foi plantada em um ato que reuniu professores, técnicos administrativos e estudantes. Aluna do 5º período de Direito, Magda Franklin foi escolhida para fazer o plantio simbólico em nome da comunidade acadêmica do CCJ.

Idealizador da iniciativa, o diretor do Centro, professor Laplace Guedes, explicou que além de contribuir para a arborização do espaço, o plantio de mudas teve como marco estimular a implantação de uma cultura de paz no CCJ. Laplace ressaltou que o Brasil, o mundo e todos os ambientes necessitam trabalhar para construir a paz e um mundo melhor harmonicamente.

Plantar uma árvore na cor branca, segundo ele, revela o desejo de todos os que fazem o CCJ. “Nossa pretensão, com esse gesto, é despertar o sentimento de paz entre os três segmentos, não apenas do CCJ, mas de toda UEPB. É importante, nesse momento, celebrarmos a paz”, frisou.

O diretor adjunto, professor Amílton de França; o representante dos técnicos administrativos, Heriberto Melo; e o representante do Centro Acadêmico, o discente Lucyen Crhistyen também fizeram uso da palavra e enalteceram a iniciativa. Presente no ato, o professor Luciano Nascimento também considerou importante aproveitar a passagem do Dia Mundial do Meio Ambiente para plantar nos corações das pessoas um sentimento de paz.

Após o plantio da primeira muda, professores, técnicos e estudantes formaram um círculo e rezaram o Pai Nosso como clamor pela paz. As demais mudas foram plantadas ao longo de todo estacionamento do CCJ. Criado em 2006, mas só iniciado as atividades como projeto de extensão em 2007, transformado em programa em 2010 e institucionalizado em 2012, o programa “Adote uma Árvore” tem proporcionado ar puro, clima agradável e muita sombra nos locais onde realiza ação.

O programa, idealizado pelo professor e biólogo Ivan Coelho Dantas, já cultivou e distribuiu mais de 300 mil mudas, contribuindo para diminuir o déficit de árvores na cidade de Campina Grande e regiões circunvizinhas, bem como colaborar com o meio ambiente paraibano. As mudas são produzidas e distribuídas nos viveiros Horto Lauro Xavier e Psicultura Arthur Freire, instalados nas margens do Açude de Bodocongó, no Câmpus de Campina Grande, bem como no horto que funciona no Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA), em Lagoa Seca.

São cultivadas, nesses três viveiros, plantas como ipê amarelo, rosa, branco e roxo, ipê de jardim, aroeira, craibeira, jasmim, flamboyant mirim, palmeira mexicana, pata-de-vaca, madeira nova, entre outras espécies.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Givaldo Cavalcanti

O post Centro de Ciências Jurídicas se integra ao Dia Mundial do Meio Ambiente e realiza plantio de mudas apareceu primeiro em UEPB.