CCBS

CCBS

Centro de Ciências Biológicas e da Saúde

Professores da Universidade Estadual da Paraíba publicam livro sobre dimensão social da Logoterapia

2 de março de 2017

Como resultado do trabalho desenvolvido pelo Núcleo Viktor Frankl de Logoterapia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), os professores Gilvan de Melo Santos e Lorena Bandeira Melo de Sá acabam de publicar o livro “Da teoria à prática: a dimensão social da Logoterapia”. A obra de 292 páginas, publicado pela editora “Ideia”, traz uma coleção de artigos organizados pelos autores no que diz respeito a investigação e à aplicação da abordagem frankliana em projetos sociais. A obra será lançada oficialmente no dia 8 de março, às 9h, no Auditório de Psicologia, no Câmpus de Bodocongó.

Segundo os autores, qualquer estudioso que almeja entender os pressupostos teóricos e visão antropológica da Logoterapia não permite entender que o seu fundador, Viktor Frankl, não tenha visto a dimensão social como parte deste mundo objetivo que mobiliza o espírito a perceber e encontrar o sentido da vida. O que o livro “Da teoria à prática: a dimensão social da Logoterapia” apresenta, segundo eles, é uma abordagem psicológica dinâmica sustentando a ideia de que viver é seguir o percurso de um rio de possibilidades em cada instante da vida, fazendo emergir decisões a partir das evidências dos faróis de sentido, exatamente após ter passado pelas provações existenciais que poderiam inebriar a vista do navegante solitário.

O professor Aureliano Paccíolla, um dos mais renomados logoterapeutas do mundo que já escreveu cerca de 50 artigos científicos e 20 livros sobre o tema, escreveu na apresentação que a obra dos professores da UEPB inspira novas aplicações da Logoterapia no contexto escolar, social e artístico. Ainda no texto de apresentação, ele lembrou que a Logoterapia de Viktor Frankl foi originalmente aplicada no contexto social.

Conforme Aureliano, “Gilvan Melo e Lorena Bandeira, através deste livro, têm o mérito de contribuir para expandir as possibilidades de Aplicação da Logoterapia e a Análise Existencial. A esperança é que depois desse livro instituições de ensino e centros de estudos possam melhorar a formação de jovens profissionais mergulhados não só em uma perspectiva individual, mas também sócio relacional”.

Gilvan Melo é psicólogo clínico, com formação em Logoterapia e Análise Existencial (UEPB), Bacharel em Arte e Mídia (UFCG), Mestre em Educação e Doutor em Linguística (UFPB), com estágio na Université Paris Ouest Nanterre La Défense. Líder do grupo de pesquisa em saúde mental Déjà Vu: Artes, Sonhos e Imagens; Coordenador do Núcleo Viktor Frankl de Logoterapia da UEPB. Também é colaborador do Programa de Pós-Graduação em Literatura e Interculturalidade (UEPB).

Lorena Bandeira é graduada em Psicologia, com formação em Logoterapia e Análise Existencial (UEPB); Mestre em Ciências das Religiões (UFPB); professora substituta da Universidade Estadual da Paraíba; vice- coordenadora do Núcleo Viktor Frankl de Logoterapia da UEPB; assistente editorial da Revista Logos e Existência; e integrante dos grupos de pesquisa Déjà Vu: Artes, Sonhos e Imagens da UEPB e Nous: Espiritualidade e Sentido, da UFPB.

Texto: Severino Lopes